sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

INÍCIO DA AULAS DA REDE MUNICIPAL FOI ADIADO PARA 27 DE FEVEREIRO

Em reunião com os diretores das escolas municipais de Apodi na manhã de hoje (27/01) a secretaria anunciou a data exata do início do ano letivo de 2012.
Antes, as aulas estavam previstas para começarem no dia 06 de fevereiro, mas em virtude das dificuldades e da organização de algumas escolas ficou decidido, que o ano letivo começará mesmo no dia 27 de fevereiro.

ACIDENTE EM PASSA E FICA - Garrafa de cachaça é encontrada em carro envolvido em acidente com caminhão em Passa e Fica

Equipes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Rodoviária Estadual encontraram uma garrafa de cachaça dentro da Blazer que se envolveu em um acidente com um caminhão por volta das 13h30 desta sexta-feira (27) na RN-093, no município de Passa e Fica. Não há confirmação oficial de que o motorista do veículo estivesse alcoolizado.
O acidente entre o caminhão de placa MNZ - 2557, que estava carregado de frutas e verduras, e uma Blazer, de cor verde escuro e placa BXL-5434, ocorreu na saída Passa e Fica e que liga a cidade à Tangará, na proximidades do parque de vaquejada da cidade.
Os nomes das vítimas já foram confirmados. O motorista Ivonildo do Nascimento Lima, 42, e os passageiros Joselho André de Silva, 38, Mônica Bezerra do Vale, 31 e Fancineide Pereira Costa, 42, foram as vítimas fatais. As duas pessoas que estavam no caminhão saíram do local após o acidente. Não há informações sobre o estado de saúde deles.
Em contrapartida, as pessoas que estavam dentro da Blazer ficaram presas às ferragens e o Corpo de Bombeiros teve de ir até o local. O corpo do motorista do veículo, Ivonildo do Nascimento Lima, só conseguiu ser retirado das ferragens pelos bombeiros por volta das 17h.
As primeiras informações apuradas pela reportagem da TRIBUNA DO NORTE dão conta de que o motorista da blazer invadiu por um instante a contramão da pista, o suficiente para colidir de frente com o caminhão.
O Instituto Técnico-Científico da Polícia (Itep) foi ao local para fazer o recolhimento dos corpos das vítimas.
TN Online.

ACIDENTE COM VÍTIMA FATAL NA ZONA RURAL DE MOSSORÓ

Informação: Passando na Hora.
Um atropelamento com registro de vítima fatal aconteceu na tarde desta sexta-feira (27), na comunidade Rural de Pau Branco, distante 35 km da zona urbana de Mossoró.
A vítima um adolescente ainda não identificado foi atropelado e veio a óbito antes da chegada do SAMU. O acidente aconteceu na Estrada do Melão que liga a BR-304 à RN 015, que leva a cidade praia de Tibau.
Segundo informações de populares, os veículos envolvidos, uma motocicleta tipo XTZ 125 de cor azul, placa MZB-2675 Mossoró e um carro Corola de cor preta, placas NQR-0742 Fortaleza/CE, vinham no sentido Maísa – Tibau quando a vítima fatal de nome Gustavo Luan de Oliveira, de apenas 10 anos, estudante, natural de Mossoró, que conduzia a motocicleta fez uma conversão para a esquerda entrando em uma residência localizada as margens da rodovia, quando o condutor do carro colidiu violentamente na motocicleta. Com o impacto, a vítima só parou cerca de 10m do local da colisão.
O pai de Gustavo relatou que o menor teria pegado a motocicleta escondido, quando o pai estava dormindo, o mesmo ainda tentou impedir que o filho não fosse andar na motocicleta, mas Gustavo já era tarde de mais.
O motorista do carro se evadiu após a colisão, sem prestar socorro à vítima, que veio a óbito antes do socorro médico.
As motos do esquadrão águia do 2° DPRE juntamente com uma viatura do destacamento da Maísa fizeram o isolamento do corpo do jovem até a chegada dos peritos do ITEP que removeu o corpo para a sede do órgão.

CONVITE MISSA DE 3º DIA...

CASA LOTÉRICA DE CARAÚBAS É ASSALTADA

Hoje (27/01), por volta das 15 horas aconteceu um assalto na Casa Lotérica Talismã, localizada no centro da cidade de Caraúbas-RN.

Dois homens chegaram em uma moto, de capacete e anunciara o assalto. Um ficou na moto e o outro entrou armado, mandou que todos deitassem no chão, obrigando os caixas a entregarem todo o valor existente ali. Logo após, os assaltantes fugiram com destino ignorado.

Segundo informações, a casa lotérica estava lotada de pessoas, que estão colhendo o pagamento do Programa Bolsa Família.

A Polícia está fazendo diligências, no sentido de prender os assaltantes.

ACIDENTE ENTRE CAMINHÃO E BLAZER DEIXA QUATRO MORTOS EM PASSA E FICA/RN

Um acidente grave envolvendo um caminhão e um carro utilitário tipo Blazer, da Chevrolet, deixou quatro mortos no município de Passa e Fica, a 101km de Natal. A colisão ocorreu no início da tarde desta sexta-feira (27) e as quatro vítimas são da Blazer. Ainda não há detalhes sobre as causas do acidente.
De acordo informações preliminares, os dois veículos trafegavam em sentidos opostos e, na altura do parque de vaquejada de Passa e Fica, houve a colisão frontal. No choque, os quatro ocupantes da Blazer morreram na hora e ficaram presos às ferragens. O Corpo de Bombeiros foi chamado para retirar os corpos para que o Itep faça o recolhimento.
Há ainda a informação de que a Blazer poderia ter se chocado a um ônibus, mas a informação oficial é que a colisão ocorreu com o caminhão. Não há informações sobre o estado de saúde do motorista.

RJ: Defesa Civil confirma que 11 corpos foram encontrados sob escombros

O trabalho de buscas nos escombros dos três prédios que desabaram na noite da quarta-feira (25), no Rio de Janeiro, segue intenso. No início da tarde desta sexta-feira (27), após mais de 36 horas do acidente, a Defesa Civil fluminense confirmou que o 11º corpo foi encontrado. Não, ainda, a confirmação sobre a identidade e também não foi informado se o corpo é de um homem ou uma mulher.
Até o início da tarde, a Defesa Civil do Rio de Janeiro identificou apenas Celso Renato Braga Cabral, Cornélio Ribeiro Lopes, Margarida Vieira de Carvalho e Nilson de Assunção Ferreira. Além deles, o catador de papel Moises Moraes da Silva foi identificado por uma prima que estava com ele momentos antes do desabamento.
O trabalho de buscas no local prosseguem durante toda a sexta-feira. Ainda estão sob os escombros pelo menos 15 pessoas e, dos 11 corpos encontrados, seis seguem sem identificação.
Ontem, a lista de pessoas que estavam no prédio e tiveram o desaparecimento informado por familiares tinha Omar José Mussi, 48 anos; Amaro Tavares da Silva, 40 anos; Sabrina Prado, 30 anos; Alessandra Alves Lima, de 29 anos; Ana Cristina Silveira, 50 anos; Bruno Charles, 25 anos; Daniel de Souza Jorge, 26 anos; Fábio Correia; Flávio Porrozi, 23 anos; Gustavo Cunha; Kelly Menezes; Luís Leandro Vasconcelos, 40 anos; Moisés Morais da Silva, 43 anos; Marcelo de Lima, 48 anos; Priscila Montezano, 23 anos; Roosevelt da Silva; Flávio de Souza, 70 anos; Marlene; Franklin; e Yokama.
TN Oline.

Mais um condutor embriagado é detido pela polícia em Apodi

A polícia militar de Apodi intensificou ainda mais a fiscalização no intuito de retirar de circulação veículo e condutores irregulares. O trabalho que está sendo realizado sob o comando do Cap. Brilhante está surtindo efeito bastante positivo em nossa cidade.
Em patrulhamento pela cidade, uma equipe da ROCAM se deparou com um homem conduzindo uma moto visivelmente embriagado, imediatamente foi realizada a abordagem e o mesmo foi conduzido até a delegacia de polícia civil da cidade. Mark Sueldo Pinto Soares, de 42 anos de idade, residente no sitio Ponta, zona rural de Apodi, foi submetido ao exame de alcoolemia que obteve resultado positivo para presença de álcool no sangue.
O mesmo foi detido e conduzido até a delegacia de polícia civil de nossa cidade, onde serão feitos os procedimentos legais.

APODI: Condutor embriagado se envolve em acidente, entre as vítimas havia uma grávida de seis meses

Acusado dormiu enquanto era conduzido para a delegacia
Na noite de ontem (26/01), por volta das 18h30min foi registrado em Apodi uma prisão por embriaguez ao volante. Antes de ser detido, condutor embriagado ainda causou um acidente de natureza leve envolvendo uma mulher grávida, com seis meses de gestação.
A viatura da RP da cidade comandada por Sgt. Ivanildo juntamente com Sd. Venilson recebeu informações do COPOM dando conta de que teria um homem conduzindo uma moto embriagado no calçadão da cidade. Ao chegar no local indicado os policiais se depararam com o referido condutor que pilotava uma Honda Bros de cor preta e placa MXP 7525.
Trata-se do senhor Genildo Vieira Da Costa, de 33 anos, que tinha acabado de causar um acidente envolvendo duas mulheres em uma moto Honda Biz, entre as vítimas havia uma gestante de seis meses. Genildo não prestou socorro as vítimas e se evadiu mas não conseguiu ir muito longe, pois foi detido pela polícia a cerca de 500 metros do local do acidente. o mesmo foi submetido ao exame de alcoolemia (bafômetro) que deu positivo para a presença de álcool no sangue.
A vítima do acidente foi socorrida até o hospital por populares com escoriações leves, a mesma foi submetida a exames para verificar se não houve danos ao bebê.
O acusado foi conduzido pela polícia até a delegacia de polícia civil de Apodi, onde foi apresentado ao delegado e será liberado após o pagamento da fiança.
É para evitar situações como esta, que todo o efetivo da polícia militar de Apodi sob o comando do Cap. Brilhante está empenhado a combater essa mistura perigosa de ÁLCOOL + DIREÇÃO.
Fica a dica: BEBIDA E DIREÇÃO NÃO COMBINAM!
Fonte: Plantão Apodi.

HOMEM FOI MORTO A TIROS NA PORTA DE CASA NA ZONA RUAL DE RAFAEL FERNANDES

Um crime de homicídio registrado por volta das 18 horas e 10 minutos de ontem, na vila dos pescadores, zona rural de Rafael Fernandes.
Antônio Lisboa, “Teta”, de 59 anos de idade, natural de Portalegre e residente no sítio Cacimbas, Zona Rural de Rafael Fernandes, foi morto a tiros, quando se encontrava sentado em uma cadeira na calçada de sua residência, na mesma localidade.
Der acordo com a Policia, dois elementos em uma motocicleta não identificada chegaram a casa da vítima e passaram a efetuar vários disparos, de revólver contra a mesma, que não teve as mínimas chances de defesa, morrendo no local.
Antônio Lisboa foi atingido com cerca de seis disparos, nas regiões do tórax, penas e no rosto.
Segundo informações momentos antes do crime, na mesma localidade, os acusados teriam interceptado e tomado a motocicleta de marca Honda FAN 125, cor preta, placa MYT 5096/RN conduzida pelo senhor Antônio Ariclênio da S. Torres, residente também no mesmo sítio, e em seguida os acusados teriam amarrado o condutor e deixado dentro de um matagal.
Após a prática do homicídio a motocicleta foi encontrada horas depois abandonada nas proximidades do Parque de Vaquejada, que fica situado as margens da BR 405, mais precisamente sítio Batalhão.Os criminosos não foram localizados nem a polícia soube informar as causas do crime.
A Policia recebeu apenas a informação de que a vitima residia naquela comunidade a cerca de 5 anos e gozava de boas amizades, mas segundo seus familiares Lisboa havia cometido um crime de homicídio há 30 anos atrás na cidade de Portalegre.
Informações e Foto: Sgt Andrade.

Tragédia no Rio: desabamento, morte e nenhuma explicação

Rio, 26 (AE) - O centro do Rio amanheceu hoje envolto por uma nuvem de poeira, após bombeiros terem virado a noite em busca de possíveis sobreviventes do desabamento de três prédios comerciais, na noite de ontem. Até o fim da tarde de hoje, quatro corpos tinham sido retirados da montanha de escombros que tomou a Avenida Treze de Maio e 22 pessoas continuavam desaparecidas. O desmoronamento mudou a rotina de muita gente. Ruas próximas da Cinelândia e do centro financeiro do Rio foram interditadas. Pessoas circulavam de máscara para se proteger da poeira que resultou da tragédia.
O primeiro corpo encontrado foi o de Celso Renato Cabral, de 44 anos. Ele estava abraçado a uma carteira de sala de aula e tinha um celular no bolso. O segundo corpo estava dilacerado, sem documentos. Cornélio Ribeiro Lopes, de 73 anos, foi identificado por parentes. O quarto corpo era de uma mulher, não identificado.
Dos seis feridos na véspera, cinco foram liberados e uma mulher submetida a cirurgia reparadora no couro cabeludo continuava internada. O recém-reformado Theatro Municipal ganhou como paisagem de fundo uma parede de tijolos e uma montanha de toneladas de entulho. Nas drogarias próximas, máscaras de proteção esgotaram. A fina poeira causava irritação nos olhos.
Guardas municipais pediam aos pedestres que não ficassem por ali Motoristas eram aconselhados a acelerar. Com o passar do tempo, a esperança de encontrar vida no meio do entulho deu lugar à resignação. "As chances são muito baixas", disse o comandante da Defesa Civil, o coronel Sérgio Simões. Na noite da tragédia, ele falara de bolsões de ar que poderiam fornecer oxigênio para soterrados.
Quando a reportagem chegou ao local do desabamento, poucos minutos após a tragédia, ainda não havia isolamento e mais de cem pessoas transitavam pelas imediações sem entender o que havia ocorrido. Uma espessa nuvem dificultava a visão da montanha que restou, e os bombeiros iniciavam o trabalho de busca. Havia cheiro de gás no ar e muitos carros encobertos pelo pó.
Pessoas que trabalhavam nas imediações ou passavam por ali na hora do desabamento contavam o que tinham visto. "Estava levando um casal ao Rio Scenarium e o desabamento ocorreu bem na hora em que passávamos na Avenida Almirante Barroso. O carro não foi atingido, mas ficou coberto de pó", contou o taxista Robson Pedro.
A Cinelândia e o Largo da Carioca foram ocupados por carros de imprensa e furgões de emissoras de TV. A PM isolou os dois locais para evitar o plantão de curiosos. A Câmara Municipal, onde foram reunidos parentes dos desaparecidos, foi cercada. Na Rua Senador Dantas, paralela à Treze de Maio, um prédio e onze lojas fecharam, mas a Defesa Civil negou qualquer interdição.
À tarde, quatro prédios na Avenida Almirante Barroso também foram esvaziados para facilitar o trânsito das equipes de resgate de corpos e remoção de escombros. Em meio ao caos e à fumaça, a população mostrava solidariedade. O dono do Galeto Liceu, André Tavares, abriu as portas mais cedo para servir água às equipes de resgate e cedeu o banheiro do estabelecimento para os socorristas. "Resolvi abri mais cedo depois que vi uma agente da Guarda Municipal passando muito mal com a fumaça. É minha forma de ajudar", contou.
OPERAÇÃO
A tragédia que abalou o Rio mobilizou uma grande operação para resgatar sobreviventes, retirar corpos e remover milhares de toneladas de escombros dos três prédios na Avenida Treze de Maio, no Centro. Desde as 21h15 de ontem até a noite de ontem, uma equipe de 120 bombeiros e quatro cães farejadores - com experiência no resgate das vítimas do terremoto no Haiti em 2010 - procuravam por corpos e sobreviventes. Para viabilizar o resgate à noite, a Rioluz disponibilizou 20 homens, geradores, equipamentos de segurança e iluminação.
Até as 17 horas, a Companhia de Limpeza Urbana transportou 17 mil toneladas de escombros. Vinte minutos após os desabamentos dos três prédios, a Secretaria de Saúde do Estado já tinha um cadastro com 700 profissionais da área que poderiam ser mobilizados no caso de necessidade. Ontem, 40 agentes da Defesa Civil e Secretaria Municipal de Saúde contavam com quatro ambulâncias e quatro furgões para remoção de corpos. Equipes de assistentes sociais e psicólogos davam apoio às famílias das vítimas nos salões da Câmara dos Vereadores.
O governador Sérgio Cabral decretou luto oficial de três dias no Estado em memória das vítimas fatais dos desabamentos ocorridos na cidade do Rio de Janeiro.
Conselho avalia possíveis causas
Rio de Janeiro - O presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU) do Rio de Janeiro, Sydnei Menezes, está perplexo com o desmoronamento dos três edifícios no centro do Rio. Segundo ele, não havia sinais de que as edificações pudessem cair. "O prédio não teve nenhum movimento pendular, não inclinou para fente ou para os lados. Ele simplesmente desmoronou e levou com ele os outros dois prédios. Houve uma ruptura violenta, um colapso fulminante da estrutura. Foi um fato inédito. A maneira como ocorreu, sob o ponto de vista técnico, é realmente assustador".
Com relação às hipóteses mais prováveis para explicar o acidente, Sydnei Menezes considera que se a causa tivesse sido vazamento de gás, uma possibilidade praticamente descartada, haveria uma explosão muito violenta, com muito barulho, o que não ocorreu.
Quanto à possibilidade de uma reforma interna no prédio ter atingido alguma estrutura, tese defendida por engenheiros que acompanham o caso, ele preferiu ser cauteloso. "Quando se mexe nas estruturas de um prédio para reformas internas, a própria estrutura reage, dá sintomas de fadiga. Você vê, por exemplo, trincas, portas emperradas, janelas fora do prumo, vidros quebrados. Há todo um prenúncio dos sintomas de um colapso estrutural, e disso também não se tem registro", explicou. Sidney Menezes alertou para o fato de que nem o CAU, nem o Crea têm registro de qualquer profissional técnico responsável por obras em algum dos no prédios que desabaram. "Se for constatada a existência de uma obra, ela estaria sendo feita fora dos procedimentos regulares e legais".
Com relação a uma instabilidade do terreno onde os prédios foram construídos, uma área de charco que foi aterrada, o arquiteto explicou que a hipótese é improvável. "Os demais prédios do entorno não foram abalados, o próprio Theatro Municipal, que é uma obra de 1904 não sofreu nenhum abalo".
TN Oline.

DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO

DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO