domingo, 19 de agosto de 2012

VIOLÊNCIA EM MOSSORÓ: 84ª MORTE DE FORMA VIOLENTA EM MOSSORÓ EM 2012 - JOVEM MORRE APÓS TENTATIVA DE ASSALTO

*Informações: O Câmera.
Jeferson Estefaní da Silva Felix, 24 anos de idade, tentou assaltar o posto 30 de Setembro na Av. Rio Branco no bairro Santo Antonio na madrugada de hoje, 19 de Agosto de 2012, foi alvejado com vários disparos de arma do fogo pelo vigilante e socorrido pela viatura Alfa do Samu para o Hospital Regional Tarcísio Maia.
Jeferson foi atingido na região da face, tórax e abdômem e não resistiu aos ferimentos vindo a óbito no começo da noite.
Foto: Passando na Hora.

SÁBADO 15 NO DIA 18 EM APODI

Um dos maiores comícios na história política de Apodi. Foi uma grande passeata, que seguiu pelas principais ruas da cidade até o Calçadão. A concentração foi considerada grande, pois não precisou de presença de lideranças políticas estaduais para lotar o espaço destinado a realização de evento.
O candidato a vice prefeito "Dalton Filho" discussou e disse estar feliz com a campanha. A prefeita e candidata a Reeleição "Goreti" também discussou e falou da satisfação do resultado das escolas do município alcançado no IDEB, além de outros assuntos.
Interessante é, que os candidatos a vereador falaram por último, mas os Bacuraus não saíram e não deixaram de aplaudir até o fim.

 Raimundo Mozés: falou sobre os convênios que a prefeitura fez nas cooperativas, Seguro Safra e a criação do Selo de Inspeção Municipal (SIM).
 
 
Júnior Souza:  Júnior deixa o seu nome à disposiçao do povo de Apodi e pretende trabalhar da forma que ele trabalha na sua tragetória política.
 Bráulio Ribeiro: falou da importância de se gerar emprego na cidade e da sua dedicação.
 Laete Oliveira: disse que seu nome está à disposição e que quer dar apoio a prefeita na Câmara.
 Filho Neto: disse que será o vereador da juventude.

VIOLÊNCIA EM MOSSORÓ: 83ª Morte Violenta em Mossoró em 2012

*Informações e imagens: O Câmera.
Mais uma morte violenta foi registrada no inicio da tarde de Domingo 19 de Agosto de 2012, em Mossoró. O crime aconteceu em um bar na Rua José Ribamar Barreto, na Favela do conjunto Wilson Rosado.

Francisco da Silva Melo “’Chico”’ de 59 anos de idade foi alvejado nas costas, com três disparos de arma de fogo, dentro de sua residência e morreu antes da chegada do socorro medico. O local onde Chico foi morto é o mesmo onde na semana passada mataram “Adriano Gabiru”.

Por volta de 13 horas e 30 minutos, os assassinos do idoso invadiram a residência quebrando a porta de trás. Chico foi morto, deitado em uma rede na sala da casa. No local ninguém fala nada. Uma testemunha que preferiu não ser identificada disse que o Bar é um local onde vários elementos se reúnem em rodadas de consumo de drogas.

Policiais da Rocam e da viatura de radio patrulha do bairro, que atenderam a ocorrência acreditam na possibilidade da morte do idoso está relacionada à queima de arquivo ou vingança, já que Chico foi à principal testemunha na morte de Gabiru.

Policiais de varias viaturas fizeram o isolamento de área. Após o trabalhos da pericia técnica, o corpo do idoso foi removido para os procedimentos de necropsia na sede do Instituto Técnico e Científico de Policia, Itep de Mossoró.
 
 

SÁBADO: GORETI E DALTON ARRASTAM BACURAUS PELAS RUAS DA CIDADE ATÉ O CALÇADÃO

 Na rua Tiradentes






Em frente ao Posto Cidade...
 

 




Em frente a FM Luta...

82ª Morte violenta em Mossoró em 2012

Informações e imagens: O Câmera.
Mais uma morte violenta foi registrada pela Central de Operações da Policia Militar de Mossoró. O crime aconteceu por volta de 3 horas e 40 minutos de Domingo 19 de Agosto de 2012, na localidade de Jucuri, cerca de 20 km de Mossoró.

Eduardo Alexandre de Araújo, “’Dudu”’ 23 anos de idade, residente na Rua Francisco Fernandes da Silva, em Jucuri, foi alvejado com um disparo de uma arma de fogo tipo Garruncha e morreu no local. O acusado, que não teve seu nome fornecido, é morador da localidade e fugiu depois do crime.

Segundo informações, vitima e acusado, participavam de uma festa em um clube na comunidade e teria havido um desentendimento entre os mesmos. O acusado foi em casa pegar a arma e na saída do clube efetuou o disparo a queima rouba nas costas de Dudu. Segundo informações de populares, Dudu não tinha envolvimento com coisas ilícitas.

Policiais do Grupo Tatico Operacional, isolou a área do crime. Após a pericia no local o corpo foi removido para a sede do Instituto técnico e Cientifico de Policia, Itep para os trabalhos de Necropsia.



SEXTA FEIRA: Flaviano e Zé Maria lançam mais dois vereadores em mais uma Calçada Cidadã na Comunidade de Melancias

Os candidatos da Nova Geração, Flaviano e Zé Maria lançaram mais duas candidaturas dos candidatos a vereadores, Joelson Carvalho e Bruno de Luquinha, na ocasião foi realizado mais uma calçada cidadã, onde aconteceu lançamento oficial de suas respectivas candidaturas na comunidade de Melancias.
Durante todo o dia de ontem (17), os candidatos Flaviano e Zé Maria visitaram os moradores de Melancias, ouvindo de perto as principais reivindicações daquela comunidade. Problemas como falta d’água, saúde precária e infraestrutura foram algumas das reivindicações da referida comunidade.
Para os candidatos que representam a comunidade Bruno e Joelson, “Melancias precisa acordar”! disse Joelson. “Não é mais admissível que os nossos representantes não consiga realizar as necessidades básicas em nossa comunidade, entra governo e sai governo e Melancias permanece do mesmo jeito”, frisa Bruno. “Queremos um governo que se comprometa com os problemas da nossa comunidade”, acrescenta Bruno.

(CLIQUE AQUI E VEJA MAIS FOTOS)

Fonte e fotos: Assessoria de Comunicação de Flaviano e Zé Maria.

81ª Morte violenta em Mossoró em 2012

*Informações e imagens: O Câmera.
A Central de Operações da Policia Militar registrou mais uma morte violenta. O crime aconteceu por volta de 3 horas e 30 minutos de domingo 19 de Agosto de 2012, na Rua Marinho Dantas, no Bairro Belo Horizonte em Mossoró.

Gleison Max Dias Barbosa, 22 anos de idade foi alvejado com vários disparos de pistola calibre 380 e morreu antes da chegada do socorro medico.

Moradores foram acordados durante a madrugada, com os disparos e acionaram a Central de Policia. Quando a viatura chegou ao local, já encontrou o rapaz morto. Na rua ninguém conhecia a vitima.

Segundo informações, a confusão com ameaças de morte teria começado em uma balada em um clube no bairro 12 anos, envolvendo grupos rivais do Barro Belo Horizonte. A policia militar teria sido acionada varias vezes, mas ninguém aparecia para registrar queixa das ameaças.

Viaturas de rádio patrulha da área fizeram o isolamento do local do crime. Após os trabalhos de pericia realizados pela equipe do Instituto Técnico e Cientifico de Policia, Itep, o corpo foi removido para os procedimentos de necropsia na sede do órgão.