domingo, 19 de maio de 2013

BOATOS SOBRE O PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA GERA TUMULTO NA AGÊNCIA DA CAIXA EM APODI

Os boatos sobre o fim do Program Bolsa Família já foi esclarecido. O governo disse que o Programa continua e tudo não passa de inverdades e ainda vai haver apuração, para se saber de onde saiu a conversa.
Agora, surge outra conversa, que o governo depositou dinheiro nas contas dos beneficiados e só pode ser sacado até meia noite.
A verdade é, que tudo isso gerou um verdadeiro tumulto na agência da Caixa Econômica de Apodi e a conversa que existe é, que os usuários do bolsa famílias perderam o benefício e só tirariam até ás 00:00h de hoje, ai o boato se espalhou por todo país, e afetou nossa cidade, Júnior Theodoro está lá nesse momento, avisando que foi um equívoco, mas não está resolvendo.
Tivemos a informação, que o ar do ambiente está desligado e algumas pessoas tiveram de sr removidas por uam ambulância do SAMU para o hospital da cidade.
Fotos cedidas pela fotógrafa Élida Maia. Retiradas do Trapiá Apodi.

*OBSERVAÇÃO:  Isso está parecendo também com erros, não sei de quem! Mas deve ser tudo investigado e a população poderá ter todos os esclarecimentos. Vamos aguardar!

NO RIO GRANDE DO NORTE O CAMPEÃO É O POTIGUAR DE MOSSORÓ

Foi sofrido, foi emocionante! Mas, o Potiguar de Mossoró conquisou o título de Campeão 2013 do Campeonato Potiguar. A partida terminou empatada em 1 a 1 e o título foi decidido nos pênaltis.
Parabéns a toda torcida do Time Macho!
O time do América largou na frente, mas aos 46 minutos do 2º tempo o Potiguar empatou com Chiquinho. Só que o goleiro do América engoliu um franguinho, onde fez com que a decisão foce para as penalidades máximas. E ai, deu Potiguar!

EM SÃO PAULO O CAMPEÃO É CORINTHIANS


“Salve o Corinthians, o campeão dos campeões”. Neste domingo, a frase que dá o pontapé inicial ao hino entoado com orgulho por milhões de corintianos faz muito sentido. Principalmente para esse Corinthians, comandado por Tite. O empate por 1 a 1 com o Santos, na Vila Belmiro, deu ao Timão seu 27º título do Campeonato Paulista, algo corriqueiro em sua história centenária, é verdade. Mas não para esse grupo, campeão brasileiro, da Taça Libertadores e do mundo em sequência.

Mais do que isso: ajuda a diminuir a dor da eliminação precoce da Libertadores da América, ainda nas oitavas de final, para o tradicional Boca Juniors. Dá à fiel torcida, que tanto apoiou após a queda para os argentinos, um motivo para fechar em grande estilo uma semana que poderia ser das mais tristes. Saco de pancadas das brincadeiras dos rivais nos últimos quatro dias, o Timão volta a ser Todo Poderoso no estado.

Presos do CDP cobram serviço de assistência médica da Prefeitura do Apodi

Os mais de 50 presos que cumprem pena nos regime fechado e semi-aberto no Centro de Detenção Provisória de Apodi (CDP), estão reclamando que desde janeiro não recebem a visita da equipe médica do Programa Saúde da Família (PSF) mantida pela Prefeitura do Apodi via Secretaria Municipal de Saúde.

Os apenados alegam que desde a mudança da administração municipal que os profissionais de saúde não realizam consultas na unidade prisional. Apesar do esforço dos Agentes Penitenciários lotados no estabelecimento penitenciário que diariamente escoltar os apenados para receber atendimento médico no Hospital Regional Helio Morais Marinho e no Centro de Saúde da cidade, infelizmente não tem sido suficiente para atender as necessidades dos apenados, haja vista muitas vezes no Hospital e no Centro de Saúde estar lotados e o atendimento ficar quase que impossível, devido ao grande numero de pessoas aguardando atendimento.

Desde que foi criado o Centro de Detenção Provisória de Apodi vinha recebendo a visita de uma equipe do Programa Saúde da Família (PSF), composta por médico, enfermeiro, auxiliar de enfermagem que realizavam consultas, aferição da pressão arterial e a verificação do estado de saúde dos detentos, como também a realização de exames e encaminhamento para o tratamento odontológico.

Alguns apenados já pensam em reivindicar o importante serviço junto ao Ministério Público Estadual (MPE) e ao Conselho dos Direitos Humanos para que busque uma solução em regime de urgência junto ao prefeito da cidade, professor, Flaviano Monteiro (PCdoB).

De: Márcio Morais.

73ª Morte violenta em Mossoró em 2013

Mais uma morte violenta foi registrada pela Central de Operações da Policia Militar, na manhã de sábado 18 de Maio de 2013. A ação criminosa aconteceu no cruzamento das ruas Artur Bernardes com Noêmia Chaves no bairro Barrocas em Mossoró.

Michael Weslley Castro dos Santos, 16 anos de idade, natural de Mossoró e residente na Avenida Alberto Maranhão, foi alvejado com cerca de seis disparos de arma de fogo e morreu no local antes da chegada do socorro medico. Segundo informações, o adolescente foi abordado pelos acusados na rua onde morava e correu tentando escapar dos agressores, mas foi alcançado e morto um quarteirão depois.

Segundo o Perito Criminal "Eduardo Alexandre" do Instituto Técnico e Cientifico de Policia, Itep, o adolescente foi alvejado nas pernas, braços, pescoço e nas costas, cerca de seis vezes.

Os policiais que atenderam a ocorrência foram informados que Michael, fazia parte de um grupo envolvido em vários delitos na região e essa pode ter sido a causa de sua morte. Ainda segundo informações o adolescente estaria envolvido em um crime de homicídio, ocorrido no Santa Delmira, quando elementos armados mataram o proprietário de uma sorveteria durante uma tentativa de assalto. É o segundo envolvido com a morte do sorveteiro a ser morto em menos de 10 dias.

Após os procedimentos realizados no local, o corpo de Michael Weslley foi removido para ser necropsiado no Instituto Técnico e Cientifico de Policia Itep de Mossoró.

*Informações e imagens: O Câmera.
 
 

72ª Morte violenta em Mossoró em 2013

Mais uma morte violenta foi registrada pela Central de Operações da Policia Militar, no final da tarde de sexta feira 17 de Maio de 2013. O crime aconteceu em um bar na Rua Martins Júnior no planalto 13 de Maio em Mossoró.

Elilson Fábio Lourenço da Silva, 28 anos de idade, residia na Rua Martins Junior 55, em frente ao local onde foi alvejado no peito com um disparo de arma de fogo. Mesmo ferido Elilson foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento do bairro, mas não resistiu.

Os policiais militares que atenderam a ocorrência foram informados pela família, que Elilson era um trabalhador e não tinha envolvimento com atividades ilícitas.

Os investigares da Delegacia de Homicídios de Mossoró, procuram por um indivíduo conhecido apenas como “Tiago” que foi visto por populares transitando pela rua com um revolver na mão. Segundo o Bacharel Roberto Moura, Titular da especializada, o individuo pode ser detido a qualquer momento.

Foto: Passando na Hora/Modificação O Câmera.

Crispiniano Neto que prepare o lombo, que a Rosa está chegando...


Gostei da moral da governadora Rosalba Ciarlini, segundo revela sua assessoria, sobre reunião com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso.

Ao fim do encontro, mesmo com Cardoso anunciando a liberação de uma verba de R$ 24 milhões, para a construção de dois presídios, a Rosa protestou contra o Governo do PT.

De acordo com a assessoria do Governo, Rosalba achou pouco a verba prometida.

Quer mais?

Olha que Rosalba é governadora do DEM, maior adversário do PT, em Brasília.

Imaginem quando ela oficializar voto em Dilma Rousseff?

O velho poeta Crispiniano Neto e outros petistas históricos do RN, que preparem os lombos que a Rosa está chegando para comandar o palanque de Dilma no Rio Grande do Norte.

De: Carlos Skarlack.

O que está acontecendo? Custo sobe 5,3%, mas qualidade cai


Aldemir Freire: aumento de custos está maior que a inflação

*Do Tribuna do Norte.



A assistência à saúde privada no Brasil está cada vez mais cara e a previsão é de que o custo continue aumentando. No Rio Grande do Norte, a perspectiva da empresa de pesquisas IPC Marketing Editora é de que o cidadão gaste ainda mais com os cuidados e tratamentos de saúde, com desembolsos que podem chegar ao montante de R$ 1,9 milhão ao longo de 2013. Este volume de recursos representa um ágio de 5,35% comparado com o total gasto no ano passado. No Estado, o dispêndio com saúde é maior que os valores gastos com educação e menor somente do que as despesas com alimentação e manutenção do lar. Na contramão do aumento, está a qualidade do serviço que caiu, ao longo dos anos. 

Dados de uma pesquisa formulada pelo Instituto Data Popular comprovam que de 2002 até março de 2013, os custos com planos de saúde no Brasil subiram 54%. Os gastos com tais serviços, além da compra de medicamentos, saltaram de R$ 110 bilhões em 2002 para R$ 169 bilhões até março deste ano. Os motivos para este significativo aumento são diversos.

O economista Aldemir Freire analisa que a subida das mensalidades dos planos de saúde é consequência das novas tecnologias de prevenção e tratamento de doenças incorporadas à Medicina contemporânea. Há, também, a valorização de determinadas especialidades médicas, que contam com poucos profissionais e, ainda, os custos com desenvolvimento de drogas mais potentes para o combate à doenças como o câncer, por exemplo. Para ilustrar a variação dos valores cobrados pelas empresas de assistência médica o economista cita que, em 2006, o  portador de plano de saúde que gastava R$ 100 com a mensalidade, desembolsa, atualmente, R$ 141,01.


 “Os custos atuais estão maiores que a inflação acumulada no período de 2007 a abril de 2013, que foi de 41,01%. Cobram-se valores altos, mas há uma baixa oferta de médicos nas operadoras de planos de saúde e o recorrente descredenciamento”, afirma o Freire. Mesmo com os aumentos, as empresas de planos e seguros de saúde incorporaram ainda mais clientes que saíram da classe C, principalmente, e ascenderam para a classe média. Entretanto, a expansão da cartela de usuários foi inversamente proporcional aos investimentos em expansão dos empreendimentos médicos conveniados a determinados planos.

Além do inchaço dos hospitais e clínicas privadas, nos quais pacientes esperam até 12 horas por atendimento ou liberação de leitos para internação, o número de profissionais especialistas é cada vez menor. Visto que, é muito mais rentável para um médico, seja em qual especialidade for, atender um paciente particular do que através de um plano de saúde. Há especialidades pelas quais os usuários de planos de saúde precisam aguardar por até seis meses para marcar uma consulta. “Salvo o ambiente físico, em geral se espera mais que num ambiente público”, destaca Aldemir Freire.

Influência econômica


De dezembro de 2006 a maio de 2013, o salário mínimo sofreu um ágio de 93,71%, saindo de R$ 350 para R$ 678. A expansão do poder aquisitivo das classes menos abastadas no Brasil propiciou a contratação dos planos de saúde, serviço até então considerado de “luxo” pelos componentes das classes C e uma utopia para os da D e E. “O plano de saúde é um objeto de desejo. Quando se consegue o mínimo de renda, se adquire”, pontua Aldemir Freire.

Atualmente, segundo dados do Instituto Data Popular, quatro em cada dez pessoas da classe média já procuram por atendimento na rede privada de saúde, através dos planos. A classe baixa ainda é quase que integralmente dependente do Sistema Único de Saúde (SUS).

Além da elevação do poder aquisitivo e da oferta de planos de saúde a baixos custos mensais, a falta de atendimento adequado nos postos e hospitais da rede pública de Saúde transformaram a rede privada de assistência num caminho quase que sem volta. “A falta de profissionais na rede pública leva cada vez mais pessoas a procurarem os planos”, conclui o economista. Ele acredita que mesmo diante do cenário de encarecimento contínuo, a tendência é de que a procura por planos de saúde se eleve ainda mais em decorrência do envelhecimento da população.

BLOGUEIRO JOSENIAS FREITAS COBRA EXPLICAÇÕES DO PREFEITONO NO SEU FACEBOOK!

Atenção senhor prefeito Flaviano Monteiro, algo está errado em Soledade, como pode eu ter anunciado que Soledade tinha coveiro agora, isso no inicio do mês de abril e agora, tive informações de familiares de duas pessoas que faleceram esta semana que foi pago um valor considerável pra que pudessem enterrar seus entes queridos. Pergunto? Fui feito de tolo? Juntamente com toda população da Chapada do Apodi? Porque publiquei no Blog e também propaguei em alto e bom som no meu programa de Rádio na Lagoafm Distrito de Soledade. O povo de Soledade quer saber, assim como eu, fomos enganados? Existe o coveiro, é só zelador? Tem que pagar para enterrar nossos entes queridos?

Alô senhores Vereadores Laete Oliveira Filho Neto Braulio Ribeiro Soneth Ferreira Genivan Varela Chico de Marinete Costinha Costa . O povo de Soledade pede que os senhores e senhora busque junto ao executivo essa explicação!

Aeroporto de Natal é eleito o quarto melhor entre cidades que sediarão a Copa do Mundo


O Aeroporto Internacional Augusto Severo, que atende Natal e região metropolitana, foi escolhido o quarto melhor aeroporto entre as cidades-sede da Copa do Mundo 2014. A pesquisa, realizada pela Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República, foi divulgada nesse sábado pelo Jornal Nacional.

O levantamento analisou 41 itens relacionados à qualidade dos serviços prestados em 15 terminais aeroportuários, como limpeza de banheiros, tempo de espera em filas, segurança, qualidade das informações repassadas, cortesia dos funcionários, valor de produtos de alimentação, custo de estacionamento e acesso à internet.

Os aeroportos analisados foram os 14 que existem nas capitais que sediarão os jogos da Copa do Mundo (São Paulo e Rio de Janeiro possuem dois) mais o da cidade de Campinas, que também atende São Paulo.

Na pesquisa, foram ouvidas 21 mil pessoas entre os meses de janeiro e março de 2013. As notas variavam entre 0 e 5 e o Aeroporto Internacional Augusto Severo obteve 4,12 de média. O melhor avaliado foi o de Curitiba, com nota 4,21. O terminal de Cuiabá ficou em último, com nota 3,46.

Confira o ranking:

Curitiba (PR) 4,21
Recife (PE) 4,14
Fortaleza (CE) 4,14
Natal (RN) 4,12
Porto Alegre (RS) 3,98
Salvador (BA) 3,89
Congonhas (SP) 3,86
Santos Dumont (RJ) 3,85
Guarulhos (SP) 3,67
Campinas (SP) 3,65
Confins (MG) 3,61
Brasília (DF) 3,58
Manaus (AM) 3,51
Galeão (RJ) 3,51
Cuiabá (MT) 3,46

Via Blog do BG/ Patu em Foco.