terça-feira, 2 de julho de 2013

GREVE CHEGA AO FIM E OS AGENTES DE SAÚDE NÃO SÃO ATENDIDOS

Numa assembléia realizada na manhã de hoje (02/07), no Salão Paroquial os servidores resolveram por fim na greve, que começou no dia 17 de junho passado, sem avanços nas negociações.
O Presidente do Sindicato, João Bosco, começou fazendo uma explanação da greve, que poderia ter tido uma participação maior dos servidores envolvidos e disse, que o impasse foi de apenas 6.000,00 para o município, que infelizmente não concedeu aos trabalhadores.
Foi aprovado na assembléia, 6% para os técnicos de enfermagem e o GNM (Grupo do Nível Médio).
Foi rejeitado na assembleia, 6% para os Agentes de Saúde, de Endemias e Nível Superior, que mais participaram da greve.
Na greve iniciada no dia 17 de junho, como já foi dito, o prefeito não sentou com os grevistas para negociar e não esteve na prefeitura, pois toda vez que João Bosco chegava lá, era anunciado, que o mesmo não se encontrava.
O Chefe de Gabinete, Pedro Júnior foi o negociador e ofereceu apenas 6%, isso em palavras e só hoje é que foi oficializado para se levar para a assembléia.
No final da assembléia, os Agentes de Saúde e Endemias demonstraram muita insatisfação, pois as pessoas que aprovaram os 6%, a maioria não participou da greve e compareceram na assembléia para aceitarem o aumento oferecido pela gestão.
Numa forma de protesto, os Agentes de Saúde agradeceram o mísero aumento e disseram, que o prefeito pode ficar com os 6%.

Blog do Josenias antecipa possíveis nomes que deverão assumir pastas em Apodi

Através de informações privilegiadas de fontes ligadas a municipalidade nos antecipamos e recebemos a informação do nome daquela que deverá ser a escolhida para a pasta de finanças, vaga oficialmente a mais de dois meses seria o da jovem contabilista Cesira Alves, que já trabalha no setor contábil da prefeitura.

Já para a pasta de saúde, dois nomes figuram o da jovem enfermeira Nikellyne Monteiro e o do vice-prefeito José Maria Silva, esse segundo está ganhando força, por não ter parentesco com o chefe do executivo, o que soaria melhor para a municipalidade.

No tocante a secretaria de administração um nome cotado é o do Vereador Junior Souza, mas este não temos confirmações, vamos apenas no chute, pode ser que seja outro totalmente diferente do que imaginamos.

Uma reunião está agendada para esta semana para amarrar o nó, e confirmar esses nomes.

O ex-prefeito de Pau dos Ferros e atual secretário estadual, Leonardo Rego, tem bens indisponibilizados

Fabiano Souza
A juíza Ana Orgette de Souza Fernandes Vieira da 1ª Vara Cível da Comarca de Pau dos Ferros, liminarmente, tornou indisponibilidade os bens do ex-prefeito de Pau dos Ferros e atual secretário estadual de recursos hídricos, Leonardo Nunes Rego, e da empresa  Bernardo Vidal Consultoria S/S, do Estado do Pernambuco, na ordem de R$ 627.069,43.

O secretário Leonardo Rêgo disse que só vai se pronunciar quando for citado e tormar conhecimento da teor da decisão.

O ex-prefeito no caso está sendo penalizado por suposto desvio de recursos decorrente das contribuições previdenciárias "recolhidas indevidamente". No processo diz que embora a Receita Federal do Brasil e/ou o INSS fossem categóricos em não reconhecer o crédito, Leonardo Rêgo teria ordenado  que os descontos feitos nos vencimentos dos servidores públicos não fossem  recolhidos ao INSS.

Diante do quadro, magistrada Ana Orgete bloqueou R$ 627.069,43 e, para garantir o cumprimento da decisão, expediu mandado de averbação aos cartórios de registros de imóveis de Pau dos Ferros, Natal e Recife, para que fique constando a indisponibilidade de bens em nome dos dois réus. “Providencie-se, também, o bloqueio dessa quantia pelo sistema Bacenjud, além da  inserção de restrições de' veículos identificados pelo sistema Renajud”, diz um dos trechos da sentença.

A juíza afirma ainda que após a juntada das respostas das instituições, conclusão será feita uma análise da existência de possível excesso de constrição para posterior liberação dos bens excedentes.

Fonte:  www.defato.com/Carlos Skarlack.

PRIMEIRO DIA DE ATIVIDADES DO GASPEC NA SEMANA DE PREVENÇÃO E COMBATE AO CÂNCER EM APODI

O primeiro dia, foi panfletagem no centro da cidade e comércio local. Muita gente já sabe da importância de participar das palestras, que serão proferidas no Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Apodi durante a tarde, e a noite na ACDA.
Hoje, os trabalhos terão continuidade com visitas às escolas públicas e privadas do nosso município.
 
 
Participe, você também!

Governo de Flaviano: A dança dos secretários

Quer creiam ou não, o governo do professor Flaviano tem problemas, isso salta aos olhos até mesmo àqueles que não acompanham a política no seu dia a dia, afinal em seis meses de gestão já aconteceu de tudo nessa gestão, no tocante a secretários, um entra e sai daqueles, jamais visto na historia política de Apodi, principalmente em tão pouco tempo, deve ser essa mudança que falavam.

Primeiro o prefeito exonerou a contabilista Regina Duarte e o secretário Reginaldo Ponciano, alegando publicamente ser para o bem do povo. Com relação ao secretário de finanças Apodi ainda continua sem um titular da pasta, isso oficialmente porque temos informações que existe um técnico advindo da capital fazendo às vezes de secretário suprindo a lacuna deixada por Regina e até agora não preenchida, nem sei se legalmente isso pode, e até que ponto é benéfico para nossa gente. Com relação a Reginaldo também braço direito do prefeito em suas três candidaturas, o prefeito chegou a dizer em off que o mesmo não estaria na mesma linha da “nova geração” agora surpreendentemente o nomeia para adjunto de obras, não sei se encaminhando sua volta a linha de frente do secretariado, afinal é praxe do grupo na aceitar nomeações advindas de outros grupos.

Recentemente o secretario Elton por força maior deixou a pasta de administração também agora sem titular, cogita-se até que quem poderia assumir a pasta seria o vereador Junior Souza, que tem estreitado seus laços com a municipalidade, mas nada alem de especulação. Agora se noticia a saída do Dr.Paulo Viana presidente do partido do prefeito em Apodi, que ocupa ainda a pasta de saúde, mas que tem saída certa para deixar o lugar possivelmente para uma prima do chefe do executivo, uma jovem enfermeira que por sinal não a conheço por nome Nikellyne Monteiro, aliás muito o prefeito criticava a ex-prefeita Goreti por nomear parentes, mas parece que vai no mesmo caminho.

Quem também pode está de saída e o secretário de esportes, Francisco Gama, que estaria deixando como herança a secretaria para seu irmão Verinho Gama, estranho parece até se trata a coisa pública como propriedade privada, mas isso é apenas uma observação talvez até sem nexo de minha parte.

Esses são apenas alguns dos fatos que consegui lembrar, mas teve problemas de secretários que foram anunciados e não poderem assumir, enfim, é o governo municipal que poderá está ainda essa semana sem quatro titulares em suas pastas que são de suma importância para o município. Isso denota falta de gente capacidade, falta de gerenciamento político, ou o que? São tantas duvidas que confesso, fico perplexo a enormidade de contratempos da gestão ora iniciada em Apodi.

*Josenias Freitas.