sábado, 4 de janeiro de 2014

Defesa acredita que Cláudia volta à Prefeitura sem novas cassações

Conseguindo a "liminar" no TSE, é bem provável que ela fique 2014 sem maiores ameaças de afastamento do cargo

Dona de um histórico que lhe rendeu o título de “prefeita mais cassada do RN”, Cláudia Regina, do DEM, está a uma cautelar de retornar a Prefeitura de Mossoró. No próximo dia 7 de janeiro, quando o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) volta de recesso, a defesa espera conseguir emplacar o julgamento da matéria e, assim, suspender as três sentenças que ainda estão mantendo-a afastada do cargo.

E essa não é a única boa notícia para a própria Cláudia Regina, para o vice-prefeito Wellington Filho (PMDB), também afetado pelas condenações da prefeita. Conseguindo a “liminar” no TSE, é bem provável que ela fique 2014 sem maiores ameaças de ser novamente afastada do cargo. Isso porque em ano de eleição, a Justiça Eleitoral se concentra quase que exclusivamente no julgamento de registros de candidaturas e ações semelhantes. Adiando o mérito dos recursos interpostos por ela para o próximo ano.

“Acredito que ela termina o ano no cargo”, analisou o advogado de Cláudia Regina, Kennedy Diógenes, ressaltando que a defesa também espera que, no TSE, seja provada a inocência dela. “Conseguiremos a absolvição dela nesses processos. É essa nossa meta”, acrescentou.

Porém, é bem verdade que para ter um ano tranqüilo na Prefeitura, Cláudia Regina precisa, primeiro, voltar para lá. E, para isso, a defesa da prefeita estuda o que é melhor: esperar o retorno das férias da ministra Laurita Vaz, relatora do processo e que já concedeu outras duas cautelares para a prefeita, ou pedir o presidente do TSE, ministro Marco Aurélio Mello, que já anulou a eleição suplementar de Mossoró na semana passada, para julgar logo a matéria. “Estamos estudando o que faremos, mas ainda está indefinido”, afirmou o advogado de Cláudia Regina, Kennedy Diógenes.

Segundo o advogado, o pedido de cautelar que ainda aguarda o julgamento tem efeito para os três recursos que a prefeita ainda precisa para voltar ao cargo. Cláudia Regina já conseguiu a suspensão de dois, deferidos pela própria ministra. Conseguiu também a suspensão da eleição suplementar, marcada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para o dia 2 de fevereiro.

“A jurisprudência do TSE é essa, só afastar o prefeito depois do trânsito em julgado do processo, quando não couber mais recurso. O pedido de suspensão da eleição também foi baseado em uma jurisprudência do Tribunal, de só realizar a eleição quando não couber mais recurso, até para evitar o gasto desnecessário de recurso financeiro com um pleito que pode ser anulado”, explicou Kennedy Diógenes.

HISTÓRICO

Cláudia Regina, do DEM, sofreu 10 condenações no primeiro grau da Justiça Eleitoral e teve, até o momento, cinco dessas decisões confirmadas no Tribunal Regional Eleitoral. Já recorreu de todas e conseguiu tornar duas sem efeito até o julgamento do mérito. A expectativa é que, por meio de uma única cautelar, ela consiga tornar as outras três também sem efeito. Aguardando os julgamentos dos méritos “no cargo”.

*Portal JH/JBelmont.

MERCADINHO NO SÍTIO SANTA ROSA 1, EM APODI É ASSALTADO

Hoje por volta 11:20 no Sitio Santa Rosa 1, aconteceu um assalto no mercadinho do Carlos Morais, aonde 2 indivíduos em moto chegaram no marcadinho.

Aonde eles chamou o proprietário Carlos Morais para abrir o marcadinho para comprar, o filho mais novo de Carlo Morais abriu quando eles anunciaram o assalto.

No momento o proprietário não estava em seu estabelecimento quem esta era sua esposa com seu filho.

Mesmo adicionaram a policia ao local para realiza os procedimentos de praxe.

A Polícia Militar relatou ao Blog que os assaltantes utilizavam-se de capacetes para dificultar a identificação. A dupla ainda levou do estabelecimento uma quantia em dinheiro no valor aproximado de R$ 700.

*Fotos: Jerbeson Morais/Anielisom Morais

*Informações: Cassinho Morais.

1º HOMICÍDIO DE 2014 EM UMARIZAL: Agricultor é atocaiado e executado com tiros de vários calibres

Por volta das 6h30min da manhã de hoje (04), foi registrado o primeiro crime de homicídio do ano de 2014 na cidade de Umarizal.

O crime aconteceu no sítio Campos, zona rural de Umarizal e teve como vítima a pessoa de João Maria Martins da Silva, 46 anos, agricultor, residente e domiciliado na Rua Almáquio Dias N° 703, centro de Umarizal. João Maria, como era conhecido, era natural da cidade de Cerro Corá-RN, mas residia em Umarizal a muitos anos.

Informações dão conta de que aproximadamente dois homens fortemente armados fizeram uma ''tocaia'' em frente à fazenda em que João Maria trabalhava e esperaram a vítima chegar. No momento em que João Maria chegou à fazenda, os assassinos se aproximaram e efetuaram vários disparos de armas de fogo de grosso calibre, tais como Fuzil 762, espingarda calibre 12 e pistola 380.
Lugar onde os assassinos fizeram a ''tocaia'' - Destacado em vermelho
Mato quebrado pelos assassinos.
Campo de visão que os assassinos tiveram do lugar em que ficaram escondidos.
Cerca de arame farpado que foi cortada pelos meliantes.
Provável lugar por onde os assassinos fugiram após o crime.
Fonte e Fotos: Umarizal News.

Dois suspeitos de assalto morrem em confronto com a polícia em Macaíba

Dois bandidos morreram em confronto com a polícia, nesta sexta-feira (3). Eles estavam em uma estrada na comunidade de Tapará, em Macaíba. Os dois e outro dois homens tinham feito assalto em um mercadinho, na Lagoa dos Cavalos, próximo a Ielmo Marinho. Os suspeitos fizeram um arrastão e levaram diversos produtos do estabelecimento.

Após o assalto, os criminosos pegaram a estrada de Tapará, no sentido à Macaíba. Os policiais militares do 11º Batalhão foram avisados e então saíram em diligências. A viatura 1107, comandada pelo sargento Xavier, deparou-se com os suspeitos e, a partir daí, iniciou-se uma troca de tiros.

“Nós tentamos parar os dois veículos, mas fomos recebidos a bala e, por muito pouco, um dos nossos policiais não foi atingido, visto que os tiros acertaram o vidro da frente da viatura. Acreditamos ainda que um dos dois fugitivos deva estar baleado”, comentou o sargento Xavier.

Vítimas do roubo ao mercadinho estiveram no local e reconheceram os dois jovens mortos como sendo participes do assalto. A dupla foi levada para o Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP) como não identificados. Essas foram a 3ª e 4ª mortes registradas em Macaíba.

Fonte:Portal BO/Serrinha de Fato.

NOVA ENQUETE ESTÁ LANÇA NO NOSSO BLOG

COMO VOCÊ AVALIA A GESTÃO DE FLAVIANO EM APODI?
BOA
RUIM
MAIS OU MENOS
PÉSSIMA
A SUA OPINIÃO É IMPORTANTE! VOTE! PARTICIPE!
O LINK ESTÁ AI AO LADO!

RESULTADO DO ENEM 2013


Saiu o resultado do ENEM 2013. O MEC divulgou ontem o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio 2013 em seu portal.

Clic e confira o rendimento:

Nota do Enem: enem.inep.gov.br

Inscrição no Sisu: sisu.mec.gov.br

Matrícula na UFRN: sisu.ufrn.br


  • cesse o site do SISU
  • Acesse o site do ENE
  • MEC garante formação para professor do ensino médio

    O Ministério da Educação agiliza formalização com a Secretaria Estadual de Educação e instituições públicas de ensino superior o Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio. Com o pacto, o ministério vai oferecer, neste ano letivo, formação continuada a 495,6 mil professores do ensino médio que trabalham em 20 mil escolas públicas no país todo. A expectativa é ter a adesão das 27 unidades da Federação, de 40 universidades e institutos federais. Agora em janeiro, todos os estados serão procurados para adesão ao Pacto.

    A realização do Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio pelo governo federal é uma iniciativa de larga escala – atender quase 500 mil professores do ensino médio – que depende da adesão das secretarias estaduais de educação e de instituições públicas de ensino superior. A meta é oferecer formação de 200 horas por ano a esses educadores e também aos coordenadores pedagógicos das escolas.

    De acordo com o secretário de educação básica do MEC, Romeu Caputo, o pacto é uma ação que está fortemente ligada à Lei do Piso Salarial dos Professores (Lei n° 11.738/2008), que destina um terço da jornada de trabalho do educador para sua capacitação e aperfeiçoamento. O Ministério da Educação, diz Caputo, oferece uma bolsa mensal aos educadores que aderirem ao pacto para que eles utilizem essas horas para estudar de forma individual e coletiva no espaço da escola.

    O secretário de educação básica explica que os conteúdos, desenvolvidos por 15 universidades federais, devem ser inseridos nos tablets que foram enviados pelo MEC para as 26 secretarias de educação dos estados e ao Distrito Federal. Os conteúdos se dividem em duas partes: a primeira, que corresponde ao primeiro semestre de 2014, trata da formação comum a todos os professores, organizada em seis núcleos: sujeitos do ensino médio, ensino médio, currículo, organização e gestão do trabalho pedagógico, avaliação e áreas de conhecimento, integração curricular. No segundo semestre, serão abordados conteúdos das áreas do conhecimento: ciências humanas, ciências da natureza, linguagens e matemática.

    Outro ganho esperado com a realização do Pacto diz respeito às universidades. “É uma oportunidade das universidades públicas de encontrar os egressos formados em seus cursos de licenciatura e pedagogia e avaliar o desempenho deles nas escolas onde lecionam”, explica Romeu Caputo. 

    Bolsas 

    Todos os educadores – das instituições de ensino superior, das secretarias de educação e os professores cursistas – que fazem parte do pacto receberão bolsas mensais durante todo o período de formação. As bolsas, que serão pagas pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), se dividem em sete tipos, conforme as atribuições dos educadores: R$ 2 mil para o coordenador-geral da instituição de ensino superior; R$ 1,4 mil para o coordenador-adjunto da instituição de ensino superior; R$ 1,2 mil para o supervisor; R$ 1,1 mil para o formador da instituição de ensino superior; R$ 1,1 mil para o professor formador regional do pacto nos estados e Distrito Federal; R$ 765 para o orientador de estudo; R$ 200 para o professor cursista e para o coordenador pedagógico.

    Tarefas 

    Cabe à instituição de ensino superior que aderir ao pacto diversas atribuições, entre as quais, selecionar o coordenador geral, que deve ser professor efetivo da instituição, com experiência na área de formação continuada de profissionais da educação básica e possuir título de mestre ou doutor; o coordenador adjunto, que deve ser professor efetivo, ter experiência na área de formação de educadores do ensino básico, ser mestre ou doutor; professor formador, pertencente ao quadro da instituição, possuir experiência na educação básica, ser graduado em pedagogia ou licenciatura, possuir mestrado ou doutorado ou estar cursando pós-graduação em educação.

    *TN.

    Gordinho da Padaria vai mostrar a cara domingo no Fantástico

    O empresário Alexandre Azevedo, conhecido há 5 dias como o ‘Gordinho da Padaria’, após se envolver em um bate-boca com o desembargador Dilermando Motta, deu hoje entrevista à TV Ponta Negra sem mostrar a cara.

    Mas…domingo à noite, topou aparecer de frente para o Fantástico.
    O programa vai mostrar a confusão da padaria envolvendo o empresário, o magistrado, um garçom e a polícia.
    Detalhe: Alexandre Azevedo vai entrar ao vivo.

    Atualizando:
    Ele já mostrou a cara na InterTV Cabugi. Só falou de costas na Ponta Negra.

    Thaisa Galvão.

    Marina aceita ficar como vice de Eduardo Campos

    A ex-senadora Marina Silva, recém-filiada ao PSB, será confirmada como vice na chapa encabeçada pelo governador e Pernambuco e presidente nacional do partido, Eduardo Campos. A oficialização deverá acontecer ainda até a segunda quinzena de janeiro. Fontes ligadas à cúpula socialista afirmam que a decisão “está tomada” e que o anúncio depende apenas de “alguns ajustes”.
    Nos bastidores comenta-se que a decisão de Marina - que fazia questão de manter o mistério sobre se iria ou não brigar pela cabeça da chapa socialista - foi antecipada como forma de garantir a “palavra” de Campos de que o PSB não iria apoiar à candidatura do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin à reeleição.
    A aproximação do PSB com o PSDB, que ontem, ingressou oficialmente na gestão do Executivo pernambucano, com a nomeação de tucanos para o primeiro e segundo escalão do governo, teria sido a gota d’água para agilizar a decisão de Marina em aceitar a posição de vice e evitar a aliança pró-Alckmin. Oficialmente, no entanto, socialistas com livre trânsito a Campos garantem que “ainda há chance” de se fechar um acordo que envolva apoio ao PSDB paulista. É esperar para ver.
    Em compensação, Marina Silva concordou em ter sua candidatura a vice de Eduardo lançada ainda neste mês – ou no máximo até meados de fevereiro. No próximo dia 17 haverá no Recife um encontro informal de dirigentes nacionais do PSB. Entre outros assuntos, discutirão nomes para a vaga de Alckmin.
    Eduardo guarda na memória do seu computador pessoal os resultados de pesquisa recente encomendada pelo PSB sobre a eleição em São Paulo. Uma das questões propostas aos entrevistados testou a popularidade de Marina Silva e o alcance do seu apoio como vice à candidatura de Eduardo.
    A popularidade de Marina bateu a casa dos 20%. Com o apoio dela, Eduardo ultrapassa Aécio Neves, aspirante a candidato do PSDB a presidente, nas maiores cidades do Estado. Os resultados da pesquisa convenceram o governador de Pernambuco a acatar o veto de Marina ao nome de Alckmin.
    A ex-prefeita de São Paulo Luiza Erundina (PSB) resiste ao assédio de Marina para ser candidata ao governo do Estado. Eduardo resiste à pressão da cúpula do PSB paulista para que o partido apoie a reeleição de Alckmin e continue fazendo parte do governo dele. O PSB precisa de candidato próprio em São Paulo para dar palanque a Eduardo.
    *TN.

    DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO

    DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO