sexta-feira, 18 de julho de 2014

PREFEITO DAGOBERTO PARTICIPOU DO PROGRAMA LUTA AO MEIO DIA

O Prefeito Municipal de Severiano Melo, Dr Dagoberto participou nessa quinta feira, (17/07) do Programa Luta ao Meio Dia, da FM Luta, 88,5MHz, apresentado por Erivan Morais e Wilson Oliveira.

Dagoberto falou do desempenho da gestão, que vem atuando durante um ano e meio. Ele disse que o município hoje encontra-se totalmente adiplente, diferente de quando ele começou a governar Severiano Melo.

O Prefeito também falou da decisão de deixar o Fórum dos municípios, porque não foi aceita a decisão de discutir sobre os limites geográficos e que para ele Severiano Melo está sendo penalizado.

Questionado sobre o trânsito da cidade, o Prefeito foi claro, que é a favor da legalização e da fiscalização do trânsito e adiantou, que já solicitou do DETRAN a sinalização há dois meses, mas ainda não recebeu respostas do órgão. O gestor quer a sinalização da cidade e vai cobrar do DETRAN pelo menos o apoio técnico.

Dr Dagoberto ainda falou da atenção que o município tem com a saúde e citou vários especialistas, que atendem ao povo severianese.

Quanto ao abastecimento de água, o Prefeito também demonstrou sua preocupação e citou algumas alternativas para se resolver o problema por definitivo.


Quem ouviu o programa Luta ao Meio Dia, percebeu, que o prefeito tem trabalhado em favor dos munícipes.

IFRN abre edital para cursos superiores de pós-graduação lato sensu

A Pró-Reitoria de Ensino do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) divulgou na manhã desta sexta-feira, 18, o Edital Nº 16/2014, referente ao processo seletivo para Cursos Superiores de Pós-Graduação Lato Sensu em Nível de Especialização para ingresso no segundo semestre de 2014.

Está sendo ofertado o total de 80 vagas, divididas entre as especializações em Gestão Ambiental, 40 vagas no Campus Natal-Central e Educação e Contemporaneidade, 40 vagas no Campus Mossoró.

As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet, através do sítio do Sistema Gestor de Concursos (SGC) do IFRN (http://ingresso.ifrn.edu.br), a partir das 14h do dia 22 de julho, até as 23h59, do dia 4 de agosto, horário local.

O pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 20,00, poderá ser realizado até o dia 5 de agosto, em agências bancárias.

O candidato que não tenha acesso à internet poderá fazer a sua inscrição em qualquer um dos campi do IFRN, em dias úteis, nos horários de funcionamento definidos no edital.

CRONOGRAMA

Inscrições: 22 de julho de 2014, a partir das 14h até 04 de agosto de 2014, até as 23h59;

Pagamento da inscrição: 5 de agosto;

Solicitação da isenção: 22 a 24 de julho de 2014;

Resultado do requerimento de isenção: 31 de julho de 2014;

Entrega da documentação para inscrição: 11 a 15 de agosto de 2014;

Resultado preliminar: 3 de setembro de 2014;

Resultado final: 16 de setembro de 2014;

Recursos: 4 de setembro de 2014, das 10h às 23h59;

Resultado da análise dos recursos: 12 de setembro de 2014;

Matrículas: 23 e 24 de setembro de 2014.

APODI: ALUNOS SELECIONADOS PARA A 1ª TURMA DO CURSO TÉCNICO EM SEGURAÇA DO TRABALHO DA ESCOLA ANTÔNIO DANTAS

É com muito orgulho que a E. E. P. Antonio Dantas divulga o resultado da seleção dos alunos que farão parte da 1ª turma do Curso Técnico em Segurança do Trabalho a ser ministrado em nossa escola com inicio para 28/07/2014. Parabenizamos os selecionados e desejamos que esse resultado sirva de estimulo para que você aluno possa ser o próximo a ser escolhido, pois novos cursos serão ofertados.

UFRN - TECNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO - 28/07/2014
APODI - VESPERTINO Município: APODI Data de início: 28/07/2014
Modalidade: TEC Turno: VESPERTINO
Carga Horária: 1400 horas
Número de vagas: 35 Número de Inscritos: 65

Matrícula Nome

201330505883 ADLA KARINE DA COSTA PINHEIRO
201330466050 ÁLEFF GUILHERME SOUSA SALES
201330608970 ANTONIA EDIVANEIDE DE MORAIS COSTA
201330535480 ARIELE FRANÇA DE MELO
201330535659 AYSLANA SONALLY DA SILVA SOUZA
201330539774 BARBARA MACÊDO ATAIDE SANTOS
201330471266 DAYANNE CRYSTINA ALMEIDA MOREIRA
201330540247 EDVA CARMELLYTA MARINHO DE CARVALHO
201330540828 EMILIA MORAIS BRILHANTE
201330609396 FRANCISCA OZANA DA SILVA OLIVEIRA
201330500330 FRANCISCA RAFAELA CARLOS ALVES
201330540158 HADASSA JULIANA DA COSTA
201330528206 ISABELY CAROLAYNNE SILVA COSTA
201330542439 ITALO JACKSON DE OLIVEIRA SOARES
201330573079 JESSICA MIRELLY DE OLIVEIRA ALVES
201330609565 JOSIANY OLIVEIRA DE LIMA
201330528609 JOSIENE MARIA DA CONCEIÇÃO PAIVA DIÓGENES
201330500760 JÚLIO VICTOR BRILHANTE DO CARMO
201330573346 LIDNA FRANCIELLY GOMES MOURA
201330472764 LUARA MARIA BILRO DE SOUZA
201330591353 MÁDSON WILLIAN MARINHO DA COSTA
201330528823 MAIKON IKEN MOREIRA CORTÊZ
201330501310 MAÍLA MARUSK ALVES GAMA
201330472853 MARIA DAS GRAÇAS FREIRE LUCAS
201330542018 MARIA EDUARDA REGIS PINTO
201330516045 NATÁLIA CRISTIANE DE SOUZA BEZERRA
201330529061 POLIANNY CRISLAYNE DE FREITAS OLIVEIRA
201330591246 RAFAEL SILVA DOS SANTOS
201330473743 SAMANTHA KALLYDIA FERNANDES DE CARVALHO
201330544415 TAYNÁRA TALITA DA SILVA COSTA
201330492990 THALIA ARIADNA ALVES FERNANDES
201330573408 THALYTTA THATTYANNE DE SOUZA SALES
201330493165 VALBENIA BEATRIZ MORAIS ALVES
201330502200 VANESSA DÁRIA DA COSTA
201330502522 ÝVES THIAGO DE SOUZA FERNANDES

Total de Estudantes: 35.

MAYARA, COMPONENTE DO PDA SANTA CRUZ ANIVERSARIO HOJE!!!

Hoje quem faz aniversário é Mayara Morgana! Integrante do PDA Santa Cruz, hoje todos se reuniram para parabenizá-la e felicitá-la! Em nome do Blog, que Deus a abençoe e conceda muitos anos de vida e muitas felicidades! Feliz Aniversário!!!







SERVIDOR DA UFRN, RAUL DO MAMULENGO MANTÉM VIVA TRADIÇÃO DO TEATO DE JOÃO REDONDO


“Quando meus bonecos vão embora é como um filho que vai embora. Um filho meu que vai representar meu nome lá fora”. Esse é o sentimento vivenciado por Francisco de Assis Gomes, mais conhecido por Raul do Mamulengo, destacado artesão norte-riograndense que dedica a vida a divulgar a arte de manipular bonecos e de contar “histórias de Trancoso” para o público de diversas idades no Rio Grande do Norte.


Raul do Mamulengo já se apresentou na maior parte dos municípios do RN e viaja para estados próximos para mostrar sua arte. Já foi homenageado pela Câmara Municipal de Natal com a Comenda Deífilo Gurgel e um comercial criado com bonecos produzidos pelo artesão já recebeu premiação nacional em Gramado. O trabalho era de divulgação da festa Mossoró Cidade Junina e retratava a luta travada entre os moradores da cidade e o bando do cangaceiro Lampião.


O reconhecimento do esforço realizado aumenta a responsabilidade em manter viva a arte, que recebe atenção especial na confecção dos bonecos e na produção das apresentações. O artesão fabrica seus personagens em uma oficina montada no quintal de casa, no conjunto Parque das Dunas, Zona Norte de Natal. Ele ri e estima já ter feito mais de 700 mamulengos, que são para ele como uma família. “São como filhos meus”, brinca.


Os bonecos são feitos de madeiras como mulungu, imburana, raiz de timbaúba e pinhão bravo, material que ele busca no interior do Rio Grande do Norte a cerca de 110 km de Natal. Raul explica que o tempo para a confecção dos mamulengos varia, conforme o modelo e o material empregado, já que algumas madeiras são mais duras e demoram mais para serem modeladas. As ferramentas utilizadas no processo são adaptadas para a necessidade do artesão.


Anastácia Vaz
Artesão estima já ter feito mais de 700 mamulengos, que são para ele como uma família

Para criar cada personagem, ele não precisa desenhar, vai criando no improviso. “Vai nascendo naturalmente. Vou fazendo uma peça e minha mente já vai dizendo como deve ser feito”, revela, mexendo as mãos como se esculpisse um boneco.

O ofício de artesão surgiu quando ainda era criança. Neto de contador de histórias – as famosas histórias de Trancoso do interior –, era comum para ele ver apresentações de João Redondo na região onde morava. O apelido Raul também é dos tempos da infância: aos 12 anos resolveu adotar o nome de um dos homens mais ricos do lugar em que vivia, a cidade de São Tomé (RN).

“Quando éramos pequenos, nós queríamos ser donos de terras, viajar, ser alguém na vida. Eu acreditava que um dia eu ia melhorar de vida, tinha essa fé, daí comecei mudando meu nome”, relembra, ao contar que ele e os amigos se espelhavam em conhecidos que tinham melhores condições. Em sua turma, outro colega chamado Clodemir passou ser Sinésio. Já Francisco Vicente passou a atender por Paulo Gomes.

Ainda criança, Raul fazia bonecos com piões, improvisava um cenário com a coberta da rede de dormir, esticada no canto da parede, e armava um teatro de bonecos de brincadeira com os colegas. O artesão lembra que, na época, não possuía os meios que hoje tem para fazer trabalhos com muito luxo e bem acabados. O que fazia era pintar o boneco do capitão João Redondo com a flor do mororó, planta que solta uma tinta amarela. Fazia também Baltazar, outro personagem famoso no mamulengo.

A brincadeira de menino ficou “esquecida” por cerca de 30 anos, recorda, só sendo retomada quando já trabalhava na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) como motorista. Na ocasião de uma Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura da UFRN (CIENTEC), Raul conversou com a brincante de João Redondo – ou calungueira – Dona Dadi, que o incentivou a voltar a trabalhar com os bonecos.

A partir daquele dia passou a investir no novo ofício “com gosto de gás”. Segundo ele, alguma coisa o dizia para seguir em frente com vontade e fazer um trabalho de qualidade. Nessa época, já estava com 35 anos de idade.

Raul conta que não foi um período fácil quando começou a trabalhar com mamulengo. “Eu falava no trabalho o que eu estava fazendo, resgatando a cultura do Nordeste, e as pessoas diziam: a gente não tem interesse não. Agora é o contrário. Ligam pra mim perguntando se eu posso dar entrevista, falar sobre o trabalho que desenvolvo”, relata.

Hoje, os “filhos” de Raul estão espalhados pelo Brasil e pelo exterior. Atualmente existem mamulengos feitos por ele no Rio de Janeiro, em São Paulo, em Brasília, em Minas Gerais, em Curitiba, em Porto Alegre, no Recife, em Mossoró, na Bahia e até na França. O artesão conta que a ida dos bonecos para a França aconteceu de forma espontânea. Após participar do programa Xeque-Mate, da TV Universitária, uma estudante da UFRN pediu para que o mamulengueiro construísse uma caricatura de seu tio, produtor de cinema no país europeu. Raul então fez um boneco segurando uma câmara de filmagem, que foi enviado para o Velho Continente.

Novos produtos

Buscando se destacar cada vez mais com seu trabalho, Raul do Mamulengo busca novidades para sua produção como artesão popular. Não bastassem os mamulengos conhecidos nacionalmente, ele investe em novos produtos, como peças artísticas fabricadas com material reciclado.

Raul diz que o artista não pode fazer só uma coisa, senão ele “está frito”. Atualmente, ele busca no lixo inspiração para peças artesanais: a fibra retirada do interior de portas de geladeira, por exemplo, se transforma em peixes decorativos. As cabaças, originadas de uma planta muito comum no interior do Nordeste, dão vida a pássaros após passar pelas mãos hábeis do artesão, que finaliza o trabalho com o uso de tintas coloridas. Outra habilidade é compor mosaicos de caleidoscópio utilizando pincel fino e tinta de automóvel de secagem rápida.
Arthur Rocha 
Bonecos são feitos de madeiras como mulungu, imburana, raiz de timbaúba e pinhão bravo, material que ele busca no interior do Rio Grande do Norte a cerca de 110 km de Natal

“Eu vou pegando tudo o que as pessoas descartam, que acham que é lixo. É um trabalho que também está consolidado. Recentemente fiz uma exposição na Universidade, após passar por uma comissão julgadora que avaliou todo o material. Esse reconhecimento me deixou muito feliz”, comemora.

Um homem simples, defensor das tradições nordestinas, determinado, apaixonado pelo que faz e pela família que tem, Raul do Mamulengo se diz realizado. “Aquele menino pobre, que saiu do interior, hoje é conhecido e respeitado na área da arte”, emociona-se.

Mas, a melhor definição de Francisco de Assis Gomes está nas palavras de um colega de trabalho na UFRN, Ariston Bruno da Silva, que descreve o artesão como um ser humano raro. Com um sorriso no rosto, vestindo suas camisas floridas, chapéu na cabeça e cordão de prata no pescoço, o “bigodudo”, como Ariston chama Raul, sempre chega alegre e repleto de picardia.

“Jamais encontrei o sujeito com mau humor. Não há no trabalho alguém que não tenha escutado algumas de suas piadas ou até mesmo história. Um personagem que enriquece o ambiente e sempre reafirma ‘eu sou internacional’”. Para Bruno, Raul é essencialmente um ser que transmite alegria, assim como seus bonecos.

*Por Hellen Almeida.

Uma perseguição motorizada que teve inicio no Alto de São Manoel, terminou próximo a Cobal com duas pessoas baleadas.

As duas vítimas quando chegava no Tarcisio Maia - Imagens Passando na Hora

Um tiroteio envolvendo os ocupantes de dois veículos teve inicio na Avenida Presidente Dutra, no Alto de São Manoel, terminou próximo ao mercado da Cobal, no bairro Paredões com um veículo crivado de balas e duas pessoas feridas, na manhã de sexta feira 18 de Julho de 2014.


Os feridos e socorridos para o Tarcísio Maia foram “José Augusto Silva” de 65 anos de idade, atingido com um disparo na perna direita e “Francisco Freire dos Santos”, 61 foi atingido com um disparo no Pé.

Quando a Viatura de Radio Patrulha chegou ao local às vitimas já haviam sido socorridas pela equipe do Samu. A ocorrência foi registrada pela Central de Operações com informações de populares de que os feridos eram pessoas que passavam pela rua e foram atingidas com balas perdidas.

O Bacharel Clayton Pinho, titular da Especializada em Homicídios, foi tentar conversar com as duas vitimas, no hospital para tentar entender o que aconteceu.

O carro atingido foi conduzido para a Delegacia de Plantão e segundo informações, o proprietário e condutor é um comerciante estabelecido na região da Cobal. O carro foi abandonado no meio da rua com varias perfurações a bala e um corsa de cor prata foi visto saindo do local e possivelmente seria ocupado pelos atiradores. 


*Informações e imagens: O Câmera.

Policia localiza acampamento de bando que vinha aterrorizando a Zona Rural da região.

No início da tarde desta Quinta feira dia 17/07, a Policia Militar após diligências na região da pedra, mas precisamente no sítio Rapé, comunidade localizada entre as cidades de Apodi e Umarizal, conseguiu localizar o acampamento usado por um bando formado por oito a dez elementos, e que vinha realizando assaltos na Zona Rural de Apodi e municípios circunvizinhos. 

No acampamento foi encontrado várias peças de roupas, que possivelmente sejam de vítimas desta quadrilha, como também um colete a prova de bala. A policia não tem dúvidas de que o local era usado pelos elementos após as práticas de assaltos, e que a maioria deles, são dessa mesma região.

Na operação também foi recuperado uma motocicleta do tipo Honda CG 150 FAN ESI, de cor vermelha, e placa OKC-4704, ano 2013; No momento da apreensão a motocicleta estava com a placa de uma Bros, "placa fria". A mesma havia sido tomada de assalto, no dia 05/06 deste ano.

Na operação, infelizmente ninguém foi preso, mas suspeita-se que o elemento que trocou tiros e fugiu pelo mato, possa está ferido.

 *Sentinelas do Apodi.

FORRÓ NO SÍTIO!!


DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO

DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO