quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Veja aponta Henrique como substituto de Garibaldi na Previdência

Sem função parlamentar em 2015, depois da derrota nas eleições para governador do Rio Grande do Norte, Henrique Eduardo Alves vem sendo sondado pelo governo para assumir a pasta da Previdência, que é comandada pelo seu tio, Garibaldi Alves. A aliados, o atual presidente da Câmara disse que, por ora, não aceitará o cargo. Voltará para Natal para cuidar dos negócios da família e militar pelo partido.

Dar a Previdência a Henrique Alves é a estratégia do governo para acalmar os ânimos do peemedebista depois da derrota que sofreu em seu estado natal. Alves ficou irado depois que o ex-presidente Lula apareceu apoiando seu adversário Robinson Faria (PSD-RN).


*O Xerife.

Base governista de Robinson Faria na Assembleia já chega a 14 deputados

O número de deputados estaduais na base do governador eleito Robinson Faria já chega a 14 parlamentares. O cálculo é feito por assessores do alto escalão do futuro chefe do Executivo.

Foram eleitos na coligação “Liderados pelo Povo” seis deputados estaduais. No segundo turno, houve a adesão dos deputados reeleitos Gustavo Carvalho (PROS) e José Adécio (DEM). Mas após o resultado do pleito, o bloco contabiliza a chegada de novos parlamentares.


*Panorama Político.

Secretário de Administração do Estado é exonerado

Secretário Alber da Nóbrega deixou a administração

Antônio Álber da Nóbrega não é mais o secretário de administração do Rio Grande do Norte. A exoneração do auxiliar da governadora Rosalba Ciarlini, que participava da gestão desde o início do mandato da governadora, foi publicada hoje (30) no Diário Oficial do Estado.

Na publicação, é informado que Álber da Nóbrega solicitou a exoneração. De acordo com a assessoria de comunicação do Governo, ainda não há uma definição sobre quem será o substituto na Searh. Até a nova nomeação, a secretária adjunta de Administração, Sueli Pimentel, responderá pela pasta.


*Vi no JBelmont.

APODI: WILSON OLIVEIRA SEGUE COM SUAS CAMPANHAS AJUDANDO E FAZENDO O BEM

Na manhã de hoje fiquei sabendo através de Lindeilson Moto táxi da situação de ‘’ Tété moto táxi ‘’, está com problemas de saúde no ouvido onde o mesmo passa por tratamento e possivelmente poderá ser caso de cirurgia, no momento ele se encontra sem condições de trabalho há mais de 90 dias, levamos uma pequena ajuda nessa campanha com cesta básica, gás de cozinha e dinheiro para comprar os medicamentos.

No Ministério da Educação, reitor da Ufersa busca mais recursos para instituição

O reitor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), José de Arimatea de Matos, esteve reunido em audiência com o secretário executivo do Ministério da Educação (MEC), Luiz Cláudio e com o secretário de Educação Superior, Paulo Speller, para tratar da construção do campus da universidade em Assú, do Hospital Universitário em Mossoró e da liberação de mais recursos para complementação das obras em curso na instituição. A deputada federal Fátima Bezerra (PT) acompanhou o encontro.

Sobre o campus da Ufersa em Assú, o reitor informou que na próxima semana será aberto edital para contratação de docentes e que os recursos para obra estão assegurados no Orçamento Geral da União (OGU).

Para a deputada Fátima reunião foi produtiva. “O campus da Ufersa em Assú é a maior conquista no campo educacional para o Vale do Açu e toda região, bem como a construção do hospital universitário em Mossoró. Este hospital, que terá 150 leitos, irá contribuir muito para o atendimento da população não só de Mossoró, mas também de toda região”, declarou.


*Panorama Político.

Governo decide por reajuste do preço da gasolina em novembro

Além da alta de juros anunciada nessa quarta-feira (29) pelo Banco Central (BC), o governo já decidiu reajustar os preços da gasolina e do diesel, a partir de novembro, em mais um esforço para recuperar a confiança sobre a política econômica. Apesar de já autorizado, o aumento dos combustíveis terá impacto sobre a inflação, já que até setembro ultrapassou o teto da meta, de 4,5% ao ano, pela quarta vez em 2014.

*Vi no Xerife.

Jório Nogueira é eleito presidente da Câmara Municipal de Mossoró com ampla maioria de 16 votos a 4 sobre Thomaz Neto

Votaram em Jório Nogueira os vereadores Claudionor dos Santos, Manoel Bezerra de Maria, Tia Cissa, Ricardo de Dodoca, Celco Lanches, Narcísio, Tassio Mardônio, Jadson, Alex Moacir, Izabel Montenegro, Vingt-um Neto, Genilson Alves, Hêro Alves e Flávio Tácito, e votaram em Thomaz Neto, o próprio, os vereadores Lucélio Guilherme, Genivan Vale, e Francisco Carlos. Lairinho anulou o seu voto.


*JBelmont.

AS MULTAS ESTÃO BARATAS! AGORA PODE CHEGAR ATÉ 900% DE AUMENTO

A maquinazinha está ai.
 A partir de sábado, motoristas que provocarem situações de risco no trânsito estarão sujeitos a pagar mais caro pelas infrações. Em alguns casos, muito mais caro: o aumento no valor das multas, determinado a partir da sanção presidencial de uma lei que altera 11 artigos do Código Brasileiro de Trânsito, pode chegar a 900%

Os artigos se referem, principalmente, a ultrapassagens em estradas e a disputas de rachas. As mudanças, conforme o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), podem resultar em mais segurança para motoristas e pedestres, além de preservar a infraestrutura urbana.

Quem for flagrado ultrapassando pelo acostamento, por exemplo, em vez de receber multa de R$ 127,69, como prevê a lei atual, vai passar a pagar R$ 957,70– valor mais de sete vezes maior.

— O bolso é a parte mais sensível do ser humano, por isso há esperança de que a nova lei reduza o número de ocorrências — afirma Rafael Roco de Araújo, doutor em Engenharia com ênfase em Sistemas de Transportes e professor da PUCRS.



Envolvidos em rachas ou corridas não autorizadas também estarão sujeitos a penas mais duras. Atualmente, esses motoristas são condenados a, no máximo, dois anos de reclusão. Com a nova lei, o tempo pode aumentar para seis anos, caso haja lesão corporal, ou para 10, quando resultar em morte.

O projeto foi elaborado em 2007 pelo deputado federal Beto Albuquerque (PSB-RS) e sancionado em maio pela presidente Dilma Rousseff. A mortes por acidentes
de trânsito no Brasil aumentaram 41,7% em 10 anos, segundo o Mapa da Violência 2013, divulgado pelo Centro Brasileiro de Estudos Latino-americanos (Cebela).

Ainda que o Rio Grande do Sul tenha caído de 18º para 21º no ranking, houve aumento de 16,9%.


— As multas estão defasadas há muito tempo. Exalto a maior severidade principalmente em relação às ultrapassagens, que podem acabar em choques frontais. Levando em conta a velocidade com que esses veículos transitam, quase sempre há mortos ou, pelo menos, feridos — diz João Fortini Albano, professor de Engenharia de Produção e Transportes da UFRGS.

 A sinalização ai, procure entender, porque o que importa é o seu erro

Em caso de reincidência, a multa será dobrada

A nova lei ainda determina que, se houver reincidência, a multa será reaplicada em dobro, podendo chegar a R$ 3.830,80.

— Pesando no bolso, pode ser também que pese a consciência — afirma o professor da UFRGS.

O Denatran garante que 5% dos recursos das multas são direcionados ao Fundo Nacional de Segurança e Educação de Trânsito (Funset), algo que a ativista Diza Gonzaga, presidente da ONG Vida Urgente, vê com bons olhos, mas com ressalvas.

Ela deseja um percentual maior dedicado a iniciativas que cuidem não só da educação, mas da melhoria das estradas:

— A educação no trânsito é um processo permanente que deve abarcar todos os níveis de ensino, do infantil ao adulto. Gostaria que essa verba fosse utilizada para aprimorar a engenharia de trânsito: se uma curva é chamada “da morte” ou uma estrada é apelidada “do inferno”, algo está errado.

*Zero Hora/Luiza Martins.

PMDB não aceita PT no comando da Câmara e promete derrotar o governo

A coluna Painel, da Folha, destaca que o PMDB capitaneou a derrubada do decreto dos conselhos populares com um objetivo claro: cortar na raiz a movimentação do Planalto contra a candidatura de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) a presidente da Câmara. “A votação mostra que a Câmara tem maioria contra o PT e não aceita o PT no comando”, diz o deputado. Ele promete repetir a dose se Dilma Rousseff insistir no plebiscito da reforma política. “Vamos derrubar tudo. Nada disso vai passar. Vamos derrotar o governo”, desafia.

*O Xerife.

161ª Morte violenta em Mossoró em 2014

Um crime de homicídio foi registrado na manhã de quinta feira 30 de Outubro de 2014, no Loteamento Três Vintens Bairro Abolição IV em Mossoró Rio Grande do Norte.
Daniel Bezerra Varela "Pichilingue" 22 anos de idade, morador da Rua Lupcinio Fernando de Queiroz, foi alvejado e morto dentro de sua residência.
Segundo informações, Daniel estava entrando na porta de casa quando dois individuos em uma motocicleta chegaram efetuaram varios disparos e fugiram. Segundo familiares o mesmo teria saído a pouco tempo da cadeia onde cumpria pena por trafico de drogas.
Uma viatura da Policia Militar realiza o isolamento até a chegada do Insituto Tecnico e Cientifico de Policia que fara a remoção do corpo para sede do orgão. 

*Informações e imagens: O Câmera.

Veja a galeria de fotos

CONCESSIONÁRIA VIEIRA MOTOS SHINERAY

Venham conferir a nova concessionária Vieira Motos Shineray com todos os modelos de cinquentinhas, motos, triciclos e quadriciclos.

Dispondo de manutenção e peças com profissionais qualificados, na compra de qualquer moto você estoura um balão e concorrer a uma bicicleta elétrica e outros brindes.

Financiamento em até 24 vezes, consorcio em até 60 meses.

Apodi-RN - BR-405 - saída pra Mossoró

Fone: (084) 3333-3324 ou 9938-2332.

Equipe de transição de Robinson terá um mês para trabalhar

O governador eleito, Robinson Faria (PSD), anunciará amanhã (31) os nomes para a sua equipe de transição. A lista será apresentada à governadora Rosalba Ciarlini (DEM), em audiência marcada para o dia 04 de novembro. A equipe terá um para apresentar seus relatórios sobre a situação econômica e administrativa.

*O Xerife.

LEITORES DO NOSSO BLOG DIARIAMENTE!!

 Antônio Carlos Araújo Brilhante
Júnior e Flávia Silveira
 Marleuza Souza
 Nailton Fernandes
Aparecida Alves
Liliana Maria