quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

SÃO PAULO: Alagamento na Avenida 9 de julho bloqueia passagem de carros e de ônibus na entrada do Terminal Bandeira

Durante a chuva, a Avenida 9 de Julho ficou alagada e a entrada de ônibus ao Terminal Bandeira ficou totalmente bloqueada no início da noite. A administradora Cristiane Moreira mora em um prédio ao lado e registrou em foto a via tomada pela água. A imagem foi enviada ao VC no G1. Por volta das 19h30, a avenida já havia sido liberada para a passagem de carros, segundo a leitora.

*G1

Mapa localiza o ataque à redação do "Charlie Hebdo"

ACIDENTE NA BR 405 ENVOLVENDO 3 VEICULOS

UM ACIDENTE ENVOLVENDO 3 VEÍCULOS ACONTECEU HOJE PELA MANHÃ, MAIS PRECISAMENTE NA BR 405, NA PONTE DO RIACHO ITAÚ, ZONA RURAL DESTE MUNICÍPIO.

A PONTE É MUITO ESTREITA, QUANDO DOIS VEÍCULOS SE ENCONTRARAM NA PONTE REDUZIRAM A VELOCIDADE E VEIO UM OUTRO VEÍCULO E BATEU NA TRASEIRA DESTE CAMINHÃO DA FOTO, ONDE ELE CHEGOU A COLIDIR COM OUTRO VEÍCULO. 


HÁ ALGUM TEMPO ESTE PORTAL ALERTOU SOBRE A LARGURA DA PONTE, QUE É ESTREITA, DEPOIS DISSO ACONTECEU VÁRIOS ACIDENTES. 


RELEMBRE AQUI UM ACIDENTE QUE ACONTECEU NA MESMA PONTE


*Blog do RG.

Saúde pública no Brasil ainda sofre com recursos insuficientes

O financiamento do SUS é um dos problemas a serem resolvidos. Apesar da promessa de atender a todos, o Brasil é um dos países que menos investe em saúde: menos de 490 dólares por habitante em 2012

Referências como o Canadá ou a Inglaterra investiram, respectivamente, mais de 4 mil dólares e mais de 3 mil dólares por habitante no ano. Entre os países da América do Sul, a Argentina investe quase 700 dólares por pessoa e o Chile, quase 550.


*O Xerife.

3º MEGA FEIRÃO DE RIVANI VARIEDADES!!

URGENTE- Assalto à agência dos correios de Riacho de Santana/RN

Dupla a pé assalta agência dos correios de Riacho de Santana/RN há poucos instantes... Na fuga os malévolos levaram uma moto de um cliente, a Polícia Militar já localizou o veículo e se encontra no encalço dos larápios...

* Com informações do Blog Nosso Paraná RN/Patu em Foco.

Lixo toma conta das ruas de Apodi

Na Chapada do Apodi, dois lixões foram identificados, um é voltado para o lixo hospitalar despejado a céu aberto sem a existência de fiscalização ou controle por parte das autoridades sanitárias. 
*Do Jornal Gazeta do Oeste: Luís Juetê – De Apodi

APODI – Uma cidade suja. Assim o município tem sido conhecido não só por seus moradores, mas também por pessoas de outras cidades que passam pela cidade oestana. Um levantamento feito pela reportagem da GAZETA DO OESTE constatou o acúmulo de lixo em seis bairros distintos de Apodi. “Apodi é hoje a cidade mais suja do Rio Grande do Norte”, disse um morador, que preferiu não se identificar temendo represálias por parte do prefeito Flaviano Monteiro. “Nós não podemos nem reclamar porque esse prefeito é perseguidor”, revela o morador à GAZETA DO OESTE.

Dentro do levantamento feito pela reportagem, chegou-se ao número de nove lixões espalhados por diversas localidades do município oestano.

Na Chapada do Apodi, dois lixões foram identificados, sendo que um é voltado para o lixo hospitalar e o pior: despejado a céu aberto sem a existência de fiscalização ou controle por parte das autoridades sanitárias e ambientais do município. O outro lixão na Chapada do Apodi vem contribuindo para a destruição da imagem do turismo em nível de região. “Com tanto lixo jogado em nosso distrito de Soledade, nós, os moradores, não sabemos mais a quem apelar”, desabafou um morador da comunidade, frisando que chegou buscar amparo na Prefeitura de Apodi, no entanto, não obteve qualquer sinal ou interesse do Executivo em solucionar o problema.

Na baixa do Caic, a prática esportiva e de lazer que deveria ser estimulada pela Prefeitura de Apodi é impedida pelo acúmulo de lixo no campo de futebol localizado no bairro. No bairro IPE também foi verificado o acúmulo de lixo. O humilde bairro da Garilândia não é diferente dos demais. O lixo toma conta das ruas e, apesar dos insistentes apelos feitos pelos moradores, a municipalidade não toma providências.

No bairro Cruz das Almas, a reportagem constatou o sexto lixão, sendo que, neste bairro, o acúmulo de dejetos acontece dentro uma lagoa aterrada, fato esse que com a possibilidade de inverno pode acarretar em diversos problemas, sobretudo em relação à saúde pública. No distrito rural de Melancias, a realidade não se diferencia dos demais bairros ou localidades apodienses. Muitos lixos e dejetos se acumulam nas vias do deixando qualquer visitante com péssima impressão sobre a cidade, chegando a pensar que não existe administração municipal em Apodi.

Considerada um dos principais cartões-postais da cidade, a Lagoa de Apodi sofre com a falta de atenção do Poder Executivo apodiense no que se refere aos serviços básicos como é o caso da coleta de lixo. E como não poderia ser diferente, o centro de Apodi reflete o que tem sido vislumbrado em todos os bairros, distritos e localidades do município. “Já se tentou, por diversas formas, buscar uma solução, mas o que encontramos é a indiferença daqueles que até bem pouco tempo atrás se apresentava como o salvador da pátria e a solução para todos os problemas de Apodi. Existe uma preocupação maior com a proximidade do inverno já que as chuvas espalhariam o lixo pelas ruas e também o carnaval, período em que nossa cidade recebe muitos visitantes. É uma situação lamentável”, disse uma moradora em conversa com a reportagem da GAZETA DO OESTE.

BOLETIM DE CHUVAS REGISTRADAS PELA EMPARN



A EMPARN (Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte) divulgou ontem, mais um boletim com as chuvas registradas nos municípios potiguares. A maior precipitação foi no município de Tabuleiro Grande com 47 mm.
MESORREGIAO OESTE POTIGUAR

Tabuleiro Grande(Prefeitura) 47,0

Francisco Dantas(Emater) 29,7

Riacho Da Cruz(Emater) 21,8

Serrinha Dos Pintos(Prefeitura) 20,0

Portalegre(Particular) 15,1

Martins(Particular) 13,2

Major Sales(Prefeitura) 11,0

Frutuoso Gomes(Emater) 7,0

Pau Dos Ferros(Particular) 6,5

Encanto(Prefeitura) 6,0

Rafael Godeiro(Emater) 6,0

Vicosa(Prefeitura) 5,8

Mossoro(Prefeitura) 3,2

Barauna(Emater) 1,6

Ipanguacu(Base Fisica Da Emparn) 0,8

MESORREGIAO AGRESTE POTIGUAR

Nova Cruz(Emater) 3,0

Identificados todos os mortos do ataque à ‘Charlie Hebdo’ em Paris

Fotos de arquivo mostram cartunistas da equipe da revista 'Charlie Hebdo' mortos no ataque. Da esquerda para a direita: Georges Wolinski (em 2006), Jean Cabut - o Cabu (em 2012), Stephane Charbonnier - o Charb (em 2012) e Tignous (em 2008) (Foto: Bertrand Guay, François Guillot, Guillaume Baptiste/AFP)

A identificação das vítimas fatais do ataque à revista “Charlie Hebdo” foi encerrada na noite de quarta (7). Os atiradores que invadiram o local mataram 12 pessoas e deixaram 11 feridas, quatro delas em estado grave.

ATENTADO EM PARIS
Ataque a sede de revista matou 12 pessoas
a revista
vítimas
o que se sabe
fotos
vídeos

Os primeiros mortos a serem identificados foram quatro renomados cartunistas, Stéphane Charbonnier, conhecido como Charb e também editor da revista, o lendário Wolinski, Jean Cabu e Bernard Verlhac, conhecido como Tignous.

Além deles, outros quatro funcionários da “Charlie Hebdo” morreram: o também cartunista Phillippe Honoré, o vice editor Bernard Maris, um economista que também escrevia colunas para a publicação, o revisor Mustapha Ourad e a psicanalista Elsa Cayat, que escrevia uma coluna quinzenal chamada “Divan”.

Entre as outras vítimas fatais, segundo o jornal "Le Monde", estão o policial Franck Brinsolaro, morto dentro da redação, e o agente Ahmed Merabet, que morreu já na rua, durante a fuga dos atiradores. No ataque também morreram um funcionário da Sodexo que trabalhava no prédio, Frédéric Boisseau, de 42 anos, e um convidado que visitava a redação, Michel Renaud.

Ainda de acordo com o jornal, o jornalista Philippe Lançon é uma das vítimas gravemente feridas. Crítico literário do jornal "Libération", ele escreve crônicas para a "Charlie Hebdo".

 
Rua da sede da revista 'Charlie Hebdo' é tomada por ambulâncias após o atentado a tiros (Foto: François Mori/AP)

*G1.

MOSSORÓ: Ferrugem sofreu sua "enésima" tentativa de homicídio na tarde de hoje em Mossoró

Paciente Psiquiátrico foi socorrido no final da tarde de hoje, 07 de Janeiro de 2015, apresentando dois ferimentos provocados por uma arma do tipo faca peixeira. Ele sofreu os ferimentos nas proximidades das pontes sobre o Rio Mossoró, mas foi localizado tentando estancar o sangramento em uma fonte de agua, na praça próxima a Catedral do Centro.

José Edilson da Silva Costa, “Ferrugem” de 31 anos de idade, é morador de rua e paciente Psiquiátrico, teve que ser contido pela Policia Militar para aceitar os procedimentos realizados pela equipe do Samu. Ele estava sangrando muito e foi conduzido para o Hospital Regional Tarcísio Maia. Aparentemente não corre riscos de morrer.

Ferrugem é considerado uma pessoa agitado e sempre está se envolvendo em confusões.


*O Câmera.

3º MEGA FEIRÃO DE RIVANI VARIEDADES!