domingo, 15 de março de 2015

Mãe do garoto que passou 40 horas em cárcere privado posta mensagem parabenizando filho pelo aniversário

Thaisa Galvão destaca: O aniversariante de hoje é Yuri, o garoto de 14 anos que passou 40 horas em cárcere privado, nas mãos do padrasto, o agente penitenciário aposentado, Francisco José Guimarães.

Eis o post da mãe do menino, Márcia Medeiros, hoje, no facebook:

Padre de igreja em Ponta Negra recebe ameaça de morte no celular

FOTO: ELPÍDIO JÚNIOR

O pároco da igreja Santa Rita de Cássia dos Impossíveis, localizada no bairro Ponta Negra, zona Sul de Natal, prestou queixa na Polícia Civil depois de sofrer ameaças de morte via mensagens e ligações no aparelho celular. O padre Alcimário Pereira, assim como os fiéis da paróquia, está sendo alvo de assaltantes ousados que chegaram inclusive a tentar invadir a igreja para realizar um arrastão. O crime só não aconteceu por que foi impedido pelos os próprios paroquianos.

As ações dos criminosos vêm acontecendo desde o ano passado e as ameaças contra o padre há mais tempo. O responsável pela paróquia está preocupado com as mensagens e ligações que se tornaram recorrentes, a maioria com tons de ameaça, inclusive de morte. “ Eles chegam a me enviar mensagens dizendo que minha vida está em risco e que eu irei morrer no meio da a celebração da missa. A violência extrapola todas as dimensões humanas, chegou até a religiosa” disse.

O padre Alcimário relatou ainda que chegou a esconder os fatos aos paroquianos para não assustá-los, no entanto resolveu tornar a situação pública para que juntos o problema seja resolvido pelas autoridades competentes. A polícia Civil já iniciou uma investigação para localizar e identificar os suspeitos denunciados.

*Fonte: Portal BO/Blog do Robson Freitas.

Av. Paulista reúne 1 milhão, diz PM; 25 estados e DF têm protesto contra Dilma

De verde e amarelo, manifestantes fazem atos pacíficos pelo país;
O governo deve se manifestar ainda neste domingo sobre as manifestações realizadas em várias cidades do país. O ministro José Eduardo Cardozo esteve com a presidente Dilma Rousseff na residência oficial do Palácio da Alvorada. Ela participa de uma reunião nesta tarde com outros ministros no Alvorada. Depois do encontro, o governo deve emitir nota ou um dos ministros concederá entrevista.

MANIFESTOS PELO BRASIL NESSE DOMINGO, 15 DE MARÇO

MATO GROSSO DO SUL: Em Campo Grande, manifestantes interditam a avenida Afonso Pena nos dois sentidos, entre as ruas Pedro Celestino e 25 de Dezembro, e se preparam para sair em passeata. A organização estima que cerca de 100 mil pessoas estão no protesto. A Polícia Militar (PM) ainda não passou estimativa de manifestantes.

RIO DE JANEIRO: Saídos da Candelária, manifestantes chegam ao panteão de Duque de Caxias.

SÃO PAULO: passageiros que tentam entrar na estação Consolação encontram um dos portões fechado pela Polícia Militar. A assessoria do Metrô informou que há apenas um acesso para embarque na estação Consolação. Os passageiros também não conseguem desembarcar na Consolação neste momento. A estação Trianon/Masp está fechada para embarque e desembarque devido ao grande número de usuários.  
SANTA CATARINA: Protesto terminou em Concórdia 
AMAPÁ: Macapá tem protesto contra o governo. Saiba mais: http://glo.bo/1LfW08L

SÃO PAULO: Grupo sobre o Viaduto Santa Generosa, na região do Paraíso, saúda carros que passam na Avenida 23 de Maio. Os motoristas buzinam de volta em apoio.
 
Foto: Roney Domingos/G1

PARANÁ: Os manifestantes começaram a se dispensar por volta das 16h30 em Maringá, no norte. De acordo com a Polícia Militar, 7 mil pessoas participaram do ato. A organização estima 15 mil manifestantes.

 
MINAS GERAIS: Um morador de BH jogou uma bandeira do PT da janela na Avenida João Pinheiro, região Centro-Sul da capital, e os manifestantes, que pedem a saída de Dilma, rasgaram e queimaram o que sobrou da bandeira.

SÃO PAULO: ex-jogador Ronaldo participa das manifestações na Avenida Paulista. Ele usa camiseta com referência à campanha presidencial do ano passado. Ronaldo apoiou o tucano Aécio Neves.
 
*G1
 

Manifestantes fazem no Centro do Rio segundo protesto do dia

Segundo agentes da polícia, mil pessoas participavam do ato até as 16h40.
Várias faixas pedindo intervenção militar foram exibidas.
Manifestantes começaram a se concentrar no início da tarde deste domingo (15) no Centro do Rio para um segundo protesto antigoverno. O local escolhido para a segunda manifestação foi em frente à igreja da Candelária.

Segundo policiais que participam do esquema de segurança do protesto da Candelária, até as 15h30, cerca de 500 pessoas participavam da manifestação. Por volta das 16h40, mil pessoas estavam reunidas na Candelária, de acordo com agentes da PM que policiavam o local.

Durante o protesto, foram exibidas várias faixas e cartazes a favor de uma intervenção militar e impeachment da presidente Dilma Rousseff. Até as 16h, não foi registrado qualquer tipo de tumulto. Depois, houve um desentendimento, apartado por policiais, entre manifestantes e um homem apontado como simpatizante do PT.

 
Movimento na Candelária quer impeachment de Dilma (Foto: Rodrigo Gorosito/G1)

Um dos organizadores da manifestação foi o corretor de imóveis Luis Eduardo Oliveira, do movimento Resistência RJ. Ele afirma que é a favor do impeachment de Dilma num primeiro momento. "Se o impeachment não der jeito, vamos para a intervenção militar, afirma Luis, que chegou a afirmar que esperava 500 mil pessoas no ato.

Ato em Copacabana
Na manhã deste domingo (13), a partir de 9h, manifestantes começaram a se reunir na Avenida Atlântica, em Copacabana, no Centro do Rio, para o primeiro ato contra o governo do dia. No protesto, pacífico, manifestantes protestaram contra Dilma e parte deles oediu o impeachment da presidente.

O Batalhão da Polícia Militar de Copacabana, no Rio, chegou a anunciar que 15 mil pessoas participavam do ato. Porém, à tarde, o comando da PM informou que essa era uma estimativa inicial e que não haveria um número oficial. Já os líderes do Movimento Vem Pra Rua, um dos grupos responsáveis pelo protesto, disseram que foram 100 mil pessoas.

 
Aglomeração à beira da praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio, em protesto contra o governo de Dilma Rousseff e a corrupção (Foto: Felipe Dana/AP)

*G1.

Manifestantes lotam Esplanada para protestar contra Dilma e corrupção

Segundo a PM, ao menos 45 mil pessoas participaram do protesto no DF.
Parte dos manifestantes pediu impeachment da petista e intervenção militar.
Vestidos com camisetas verdes e amarelas, milhares de manifestantes lotaram de forma pacífica neste domingo (15) a Esplanada dos Ministérios, em Brasília, para protestar contra a presidente Dilma Rousseff e pedir o fim da corrupção no país. Segundo o Departamento Operacional da Polícia Militar do Distrito Federal, ao menos 45 mil pessoas atenderam às convocações feitas nas redes sociais para o protesto contra o governo. O movimento Vem pra Rua, um dos organizadores do ato, calculou em pelo menos 80 mil o número de pessoas que participaram da manifestação na capital federal. 


*G1

Av. Paulista reúne 1 milhão, diz PM; 24 estados e DF protestam contra Dilma

 
SÃO PAULO: coronel Joselito, da Polícia Militar, informou que uma pessoa foi detida pela Tropa de Choque, por volta das 16h30 deste domingo, porque atirou um rojão contra manifestantes na região da Avenida Paulista. Segundo o coronel, algumas pessoas tentaram agredir o homem e foram contidas pela polícia.

Ricardo Motta prestigia aniversário do prefeito de Felipe Guerra

O deputado estadual Ricardo Motta (PROS) pegou a estrada rumo ao Oeste, neste sábado (14), e foi a Felipe Guerra prestigiar o aniversário do prefeito Haroldo Ferreira (PROS). Foi uma oportunidade de encontrar eleitores e vereadores do município e da região, além de conversar sobre emendas destinadas pelo parlamentar. “Aproveito esse momento para agradecer a votação que Felipe Guerra deu a mim e a Rafael Motta e para renovar nosso compromisso com o município e com a região Oeste” afirmou Ricardo Motta em discurso aos presentes.

Estavam presentes a primeira-dama Gilene Ferreira, o prefeito de Caraúbas, Ademar Ferreira (PMDB), os vereadores de Felipe Guerra Ronaldo Pascoal, Ubiracy Pascoal, Djalma Laurindo, Joedna Canela e Salomão Gomes, o vereador de Apodi Braulio Ribeiro, e o vereador de Caraúbas, Pelé.


*O Xerife.