quarta-feira, 18 de março de 2015

Vaqueiros fazem missa em homenagem a São José

Rádio Jornal de Canindé: Mantendo uma tradição de 14 anos, vaqueiros do Ceará se reúnem amanhã, dia 19 de março, dedicado a São José, o pai de Jesus Cristo, advogado do sertanejo e profeta das chuvas, nesta cidade, para reverenciarem o padroeiro do Estado.

A solenidade cultural religioso acontece a partir das 10 horas, no Sítio Mosteiro dos Jesuítas, em meio à Caatinga que agora está revitalizada por conta do período chuvoso, nas Serras e no Sertão.

A cavalgada, um tradição milenar, é organizada pelo padre Acrísio e o defensor da cultura popular Francisco José Lopes Freitas o "Nenem", com o apoio da Secretaria de Educação do Município. Antes do ato religioso, será servido um café da manhã para os vaqueiros presentes.

Ritual
Logo após, cavalos, homens e mulheres seguem um ritual de fé com destino ao altar da celebração eucarística. A mestra da Cultura Dina Martins, que recentemente foi nomeada embaixadora dos Vaqueiros do Nordeste, estará presente ao lado dos integrantes da Associação dos Vaqueiros, Boiadeiros e Criadores dos Sertões de Canindé.

O organizador do evento explica que a missa é uma homenagem ao santo mais popular entre o povo sertanejo, por isso a origem da festa nesse dia.

"Todo vaqueiro é agricultor". Ele cuida do gado, das plantações e ainda sobra tempo para suas penitencias. A missa do vaqueiro em Baturité tem um significado muito forte, porque é realizado em um período de muita expectativa entre os camponeses. Se chover nesse dia, o inverno está configurado", observa Nenem.

Dina Martins se sente bem à vontade para falar de missa do vaqueiro. Ela lembra que foi uma das idealizadoras do projeto para celebração da primeira missa em Canindé, de onde partiu o sentimento de homenagear os mais diversos santos.

Ministro da Educação vai à Câmara, repete críticas a deputados e pede demissão

Cid Gomes disse que parlamentares da base aliada que não apoiam o governo são 'oportunistas' e deveriam 'largar o osso'. Após discussão, ele abandonou o plenário.
Depois de discutir com deputados no plenário e abandonar o recinto da Câmara em meio à sessão na tarde desta quarta-feira (18), o ministro da Educação, Cid Gomes, foi ao Palácio do Planalto e pediu demissão à presidente Dilma Rousseff, que aceitou.

O pedido ocorreu logo depois de o ministro participar na Câmara dos Deputados de sessão em que declarou que deputados “oportunistas” devem sair do governo.

"A minha declaração na Câmara, é óbvio que cria dificuldades para a base do governo. Portanto, eu não quis criar nenhum constrangimento. Pedi demissão em caráter irrevogável", declarou o ministro.

Do plenário, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, chegou a anunciar a demissão antes mesmo de ter sido oficializada. "Comunico à Casa o comunicado que recebi do chefe da Casa Civil [ministro Aloizio Mercadante] comunicando a demissão do ministro da Educação, Cid Gomes", anunciou Cunha no plenário.

Depois, a Presidência da República divulgou nota oficial com o seguinte teor: "O ministro da Educação, Cid Gomes, entregou nesta quarta-feira, 18 de março, seu pedido de demissão à presidenta Dilma Rousseff. Ela agradeceu a dedicação dele à frente da pasta."

No Palácio do Planalto, após ter pedido demissão, Cid Gomes falou em defesa da presidente Dilma Rousseff, que ele disse considerar ter “as qualidades necessárias” para governar o país.

Na garagem privativa do palácio, ele classificou a presidente como uma pessoa “séria” e avaliou que o combate à corrupção adotado pelo governo “fragilizou” a relação dela com boa parte dos partidos.

“O que a Dilma está fazendo é limpar o governo do que está acontecendo de corrupção. Essa crise de corrupção é uma crise anterior a ela. Ela está limpando e não esta permitindo isso. Ela está mudando isso. E isso, óbvio, cria desconforto”, afirmou. “Vocês viram quantos deputados do PP recebiam mensalidade de um diretor da Petrobras? Isso é que era a base do poder e ela [Dilma] está mudando isso”, disse Cid Gomes, ao citar a lista de políticos investigados pelo Supremo Tribunal Federal por suspeita de envolvido com o esquema de corrupção revelado pela Operação Lava Jato.

O ex-ministro da Educação completou ao dizer que o Congresso Nacional virou o “anti-poder” e aposta no “quanto pior, melhor”, frase repetida diversas vezes pela presidente Dilma ao falar “dos que pregam a instabilidade institucional” no país. “Eu considero o Legislativo fundamental para a democracia. O que é lamentável é a sua composição, a forma do parlamento se relacionar com o poder. Virou o anti-poder. Ou tomam parte do poder ou apostam no quanto pior, melhor para assumir o poder”, completou.

PMDB
 

O líder do PMDB, Leonardo Picciani (RJ), afirmou que, se Dilma não demitisse Cid, passaria uma mensagem de que “concorda” com a declaração do ministro de que “muitos” deputados da base têm “postura de oportunismo”.

“A presidente Dilma é uma pessoa com formação democrática. Não esperávamos outra atitude que não fosse essa. A posição correta era fazer. Não tomar essa atitude seria uma mensagem muito ruim, de que o governo concorda com essa atitude”, disse.

Pouco antes de anunciar a demissão do ministro, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, colocou em votação um projeto que estende a política de valorização do salário mínimo aos aposentados, proposta que contraria fortemente o governo.

Depois do telefonema de Mercadante a Cunha, o PMDB anunciou acordo com o governo para adiar a votação. “Vamos deixar que o governo negocie uma proposta para os aposentados”, disse Picciani.

A sessão

 
Cid Gomes deixou o plenário da Câmara depois de ter sido criticado por mais de uma hora pelas lideranças partidárias. A ofensiva dos deputados ocorreu depois de o ministro afirmar que deputados da base aliada que têm cargos na administração federal deveriam "largar o osso".

Cid Gomes foi convocado pelos deputados devido a uma declaração de que a Câmara tem "uns 400 deputados, 300 deputados" que "achacam", dada durante um evento do qual participou no último dia 27 na Universidade Federal do Pará.

O iniciou a fala dizendo que "respeita" o Congresso e admitindo deu a declaração. Ele tentou justificar a fala afirmando que era uma posição "pessoal" e não como ministro de Estado, quando começou a receber críticas de parlamentares presentes.

Diante das manifestações em plenário, Cid subiu o tom e chegou a apontar o dedo ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), dizendo que prefere ser acusado pelo peemedebista de ser "mal educado", a ser acusado de "achacar" empresas, no esquema de corrupção da Petrobras.

“Eu fui acusado de ser mal educado. O ministro da Educação é mal educado. Eu prefiro ser acusado por ele [Eduardo Cunha] do que ser como ele, acusado de achaque, que é o que diz a manchete da Folha de S.Paulo”, afirmou Cid Gomes.

Ele disse ainda que "muitos" parlamentares que integram a base de sustentação do governo agem com "oportunismo". Cid também apontou o dedo em direção ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha,

As declarações geraram fortes ataques dos parlamentares em plenário. Lideranças da base aliada e da oposição pediram a demissão do ministro. Em meio às críticas, ele deixou o plenário e foi indagado por jornalistas se pediria demissão, conforme os apelos feitos pelos deputados.

O ministro respondeu que, se fosse pedir demissão, não anteciparia o fato à imprensa. “A presidenta resolverá o que vai fazer. O lugar é dela, sempre foi dela. E eu aceitei, para servir, porque acredito nela. Se eu fosse pedir demissão, eu não teria, por dever de ética, antecipar”, afirmou.

O ministro explicou ainda que deixou o plenário antes do término das falas dos líderes partidários porque se sentiu “agredido”. “Eu fui convocado, não estava no meu desejo. Já tinha vindo aqui na Câmara duas ou três vezes para conversar com os deputados. Comecei a minha vida no parlamento e respeito o parlamento. Agora, infelizmente fui convocado e agredido. Nessa condição penso eu que estou liberado”, declarou.

Cid Gomes deixou a Câmara dirigindo o próprio carro e com um sorriso no rosto, enquanto apoiadores que vieram do Ceará para acompanhar o pronunciamento dele gritavam palavras de apoio.

Nota oficial

 
Leia abaixo a íntegra da nota oficial divulgada pela Presidência da República

NOTA OFICIAL

O ministro da Educação, Cid Gomes, entregou nesta quarta-feira, 18 de março, seu pedido de demissão à presidenta Dilma Rousseff. Ela agradeceu a dedicação dele à frente da pasta.

Secretaria de Imprensa
Secretaria de Comunicação Social
Presidência da República



Do G1, Brasília.

31ª Morte violenta em Mossoró: Corpo crivado de balas foi encontrado em Passagem de Pedras

Um corpo de um jovem crivado de balas foi encontrado no inicio da tarde de hoje, 18 de Março, em uma estrada carroçável ligando a BR 110 a comunidade de Passagem de Pedras na zona rural de Mossoró no Rio Grande do Norte.

Por volta de 15 horas, populares ligaram para a Central de Operações da Policia Militar informando a existência do corpo às margens da estrada.

Uma equipe da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas, Rocam foi ao local e depois da constatação, Isolaram o local e acionaram a Delegacia de Homicídios e a equipe de Plantão no Instituto Técnico e Científico de Polícia Itep, para a remoção do corpo.

O jovem não portava documentos de identificação. Algumas tatuagens podem ajudar na sua identificação: Nas Costas uma ave em cruz como nome de "Maria". No ombro direito outra com o nome "Chagas" e no antebraço esquerdo "Francisco" .

Com ele o Perito Criminal encontrou o documento e a chave de uma motocicleta Traxx. Depois dos procedimentos no local o corpo foi removido para a sede Regional da Unidade do Itep em Mossoró onde será necropsiado.

*Informações e imagens: O Câmera.

 
  Veja a galeria de fotos

PARTICIPANTES DO CURSO DE HORTALIÇAS NO BAIRRO BACURAU I

UFRN abre inscrições para mestrado acadêmico em Nutrição

O Programa de Pós-Graduação em Nutrição (PPGNUT) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abre inscrições até o dia 30 de março, para o processo seletivo do mestrado acadêmico em Nutrição.

O curso oferece 15 vagas e tem como objetivo formar recursos humanos qualificados na área de Nutrição, aptos a atuarem como docentes em ensino de graduação, em projetos de pesquisa e em atividades de assistência técnico-científica.

Os egressantes do curso serão responsáveis pela contribuição na divulgação científica na área do conhecimento, em âmbito nacional e internacional. Além disso, devem estar de acordo com as linhas de pesquisa referentes ao diagnóstico e intervenção nutricional e a qualidade de alimentos.

O processo seletivo ocorrerá do dia 26 de abril a 8 de maio, e será composto por três etapas: prova escrita, avaliação do pré-projeto de pesquisa e análise curricular. A prova escrita irá abranger conteúdos programáticos das seguintes linhas de pesquisa: Diagnóstico e intervenção nutricional e Qualidade de alimentos.

Para acessar o edital e realizar inscrição, acesse o site: https://sigaa.ufrn.br/sigaa/public/programa/portal.jsf?id=8191. Outras informações pelo telefone: (84) 3342-2291.

Prefeitura de Martins realizará concurso público

A Prefeitura de Martins, através da Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos, está finalizando os estudos para contratação de empresa pública que realizará o concurso de provimento para cargo e empregos públicos da Prefeitura de Martins.

Em virtude dos altos custos apresentados pelas empresas públicas realizadoras dos certames ligados a universidades estaduais e federais, a prefeitura de Martins juntamente com mais nove municípios da região, reunidos em consórcio, envidarão esforços para que as provas ocorram no mesmo dia, com vistas à diminuição das despesas administrativas.

A empresa escolhida por todos os municípios foi à conceituada Comissão Permanente de Vestibular – COMPERVE, instituição da Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN. É imprescindível lembrar-se da imparcialidade e seriedade com que a COMPERVE realizou inúmeros concursos de nível federal, estadual e municipal com transparência e lisura.

A Prefeita Olga Fernandes sancionou no dia 13 de março de 2015 projeto de lei nº 600/2015 que atualizou o quadro de pessoal do município, com vistas a adequar o regular funcionamento dos serviços públicos essenciais de acordo com as disponibilidades financeiras do executivo, observado os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF.

O número de vagas está sendo finalizado pela Secretaria de Administração e Recursos Humanos, uma vez que a lei atualizou o quadro com a quantidade de servidores geral do município, sendo necessário retirar dos quantitativos os servidores já concursados que permanecem no quadro.

Pelas projeções iniciais serão oferecidas em torno de 100 (cem) vagas com salários que variam de R$ 788,00 (setecentos e oitenta e oito reais) a R$ 6.000,00 (seis mil reais), para as mais diversas áreas de atuação do serviço público.

Assessoria de Comunicação Social
Postagem de Evandro Lopes.

WILSON OLIVEIRA: AS CAMPANHAS CONTINUAM ACONTECENDO EM APODI

Visitamos o Sr Toinho na Baixa do Caic e levamos uma nova cadeira de rodas para ele. O mesmo já fez 18 cirurgias e precisa de um colchão de água novo, o atual já tem 05 anos e está vazando, quem quiser e PUDER ajudar, é só ligar 9156-3020 ou 9820-9649.

Detentos de Apodi pedem paz em oração para o sistema penitenciário do RN

Enquanto a maioria das unidades prisionais do Sistema Penitenciário do Rio Grande do Norte estão em rebelião, os internos do Centro de Detenção Provisória de Apodi (CDP), vem se unem em oração pedindo paz para as cadeias do estado.
O culto contou com a presença do pastor da Igreja Batista, Weligton e do cantor evangélico Jose Wantuil Carneiro, que falou aos 60 detentos da unidade sobre a palavra de Deus. Wantuil já cumpriu pena nas principais unidades prisionais do RN. Hoje é evangélico.
Criado a cerca de cinco anos, o CDP Apodi tem sido modelo para o Sistema Penitenciário potiguar. Na unidade são realizados vários projetos. Os internos participam de cultos, missas, palestras educativas, realizam mutirão de limpeza no Hospital Regional Hélio Morais Marinho e algumas escolas do município. Os apenados também participam de confraternizações e ainda contam com sistema de TV por assinatura em todas as celas.

O Centro de Detenção Provisória de Apodi existe a cerca de cinco anos, tem sido modelo no Sistema Penitenciário do Rio Grande do Norte, lá os apenados participam de aulas, cultos, palestras educativas com variados temas. Atualmente a unidade esta custodiando mais de 60 detentos que cumprem pena nos regimes fechado e semiaberto. Os apenados são dos municípios de Severiano Melo, Itaú, Rodolfo Fernandes, Felipe Guerra e Apodi.

O trabalho do CDP Apodi ganhou destaque ao ponto do presidente do Conselho Estadual de Direitos Humanos e Cidadania do Rio Grande do Norte, Marcos Dionísio Medeiros, elogiar o trabalho de ressocialização realizado no estabelecimento penitenciário.

O trabalho dos agentes penitenciários de Apodi tem recebido o total apoio do Judiciário e do Ministério Público, através da juíza Kátia Guedes Dias e do promotor, Silvio Brito. Ambos têm acompanhado de perto o trabalho de ressocialização dos apenados na unidade prisional.

Com o apoio do Ministério Público, Poder Judiciário e da comunidade, o diretor da unidade, agente Marcio Morais, conseguiu construir uma nova unidade prisional com capacidade para 60 detentos. A obra custou pouco mais de R$ 100 mil reais. A inauguração da unidade contou com a presença de varias autoridades do sistema penitenciário, coordenador da Coape, Leonardo Freire, desembargador Saraiva Sobrinho, juiz Kátia Guedes, promotor Silvio Brito, prefeito de Apodi, Flaviano Monteiro, prefeito de Felipe Guerra, Haroldo Ferreira e outras autoridades.

O trabalho do diretor do CDP Apodi, foi reconhecido pela Câmara Municipal de Apodi através dos vereadores, Bráulio Ribeiro e do presidente da casa, vereador João Evangelista que concederam uma homenagem ao agente penitenciário no dia da inauguração do estabelecimento penitenciário.

*De: Márcio Morais/Icém Caraúbas.

Secretário de Educação participa de reunião na UFRN sobre Ensino Básico


Reunião de trabalho no auditório do Centro de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), com a presença do secretário Francisco das Chagas Fernandes, trata do desenvolvimento da Educação Básica no Estado.

O encontro ocorrido na manhã desta terça-feira (17) teve as participações dos dirigentes do Centro de Educação da UFRN, Márcia Gurgel Ribeiro e Marcos Antonio de Carvalho Lopes, da secretária adjunta da Educação do RN, Socorro Batista, e do coordenador do Comitê Gestor Institucional de Formação Inicial e Continuada de Profissionais do Magistério da Educação Básica da UFRN, Jefferson Fernandes Alves

O secretário Francisco das Chagas falou em avançar com a parceria com as universidades públicas (UFRN, Ufersa e UERN) visando a melhoria da Educação Básica no Estado. Chagas destacou a necessidade da construção de uma proposta de acompanhamento que possibilite avanços na gestão escolar.

Os representantes da UFRN apresentaram as ações desenvolvidas no ano de 2014 nas áreas da formação inicial, pós-graduação, presencial e à distância, no âmbito do ensino e da qualificação do profissional do magistério. Defenderam também o avanço na parceria existente entre a UFRN e a Secretaria da Educação do RN.

CORREIOS DE CAMPO GRANDE É ASSATADA MAIS UMA VEZ

Na manhã desta quarta-feira (18), três marginais, entre eles uma mulher, entraram na Agência dos Correios de Campo Grande, distante a 279,6km de Natal, capital do estado do Rio Grande do Norte assaltaram.

Os elementos chegaram logo sedo, em uma moto Titan azul, entraram na Agência e anunciaram o assalto. Durante a ação, os assaltantes roubaram a arma e o colete do vigilante, além de 200 reais da gaveta do caixa. De acordo com informações, no momento a Agência não tinha clientes.

Os elementos foram filmados pelas as câmaras da agência e as características dos indivíduos são: A mulher é magra e estava de calça comprida, os outros dois elementos, um é moreno magro e estava de camisa rosa, o outro é baixo, meio gordo, de camisa verde e boné azul, todos de bermudas e de sandálias.

Os elementos saíram com destino ignorado e guarnições da Polícia Militar de Campo Grande, Upanema e Caraúbas, estão em diligências pela região, porém, até o momento os elementos não foram encontrados.

Rafael Fernandes/RN: PM prende quadrilha especializada em assaltos na BR 405, trevo de acesso a RN 079

Os PM’s do Destacamento Policial de Rafael Fernandes/RN, comandados pelo Sargento Divanildo, após um roubo, desarticulou uma quadrilha acusada de praticar assaltos na rodovia federal trecho entre Rafael Fernandes e José da Penha/RN, altura de KM 164, mais precisamente no trevo de acesso a cidade de Marcelino Vieira/RN. A prisão de quatro jovens aconteceu no fina da noite desta terça-feira (17), em uma estrada carroçável no Sítio Espaduado, zona rural do município de Rafael Fernandes/RN. Na ação policial, foi apreendida uma pistola Airsoft e recuperaram uma motocicleta Honda , cor azul, que havia sido tomada de uma vítima, minutos antes da prisão.
 
Fazem parte do grupo: Paulo Henrique da Silva, Francisco Evaldo Araújo do Nascimento, Francisco Josemar de Oliveira Sousa e ainda o adolescente AFCN, todos residentes em Rafael Fernandes/RN.

De acordo com informações a dupla vinha praticando roubos na BR 405 e após mais um roubo. A PM que já havia identificado os suspeitos saíram a procura da dupla e no Sítio Espaduado localizou Paulo Henrique e o adolescente, que portavam uma pistola, durante a abordagem eles confessaram o roubo e delataram mais dois comparsas que permaneciam em uma pizzaria na zona urbana monitorando a viatura policial e fazendo a escolha das vítimas. Todos foram apresentados ao Dr. Inácio Rodrigues, Delegado Regional da 4ª DRPC para as medidas cabíveis.

O sargento Divanildo pediu que os cidadãos e cidadãs de bem, continuem denunciando e colaborando, pois esta parceria tem dado resultados extremamente positivos. As denúncias podem ser feitas de forma anônima, através do 84 9904 0504 ou 190. Sargento destacou a confiança que a população vem demonstrando ter na polícia e o empenho de seus comandados em defesa da população
rafaelense.

*Fonte: Nosso Paraná/Tabuleiro Grande News.

30ª Morte violenta em Mossoró em 2015: Popular envolvido com uso foi morto quando chegava em casa na Favela do Fio

Mais uma morte violenta foi registrada na noite de terça feira 17 de Março de 2015, na Favela do fio ao lado da galeria do Parque das Rosas em Mossoró Rio Grande do Norte.

Um individuo identificado com Andre “Jovem” morador da Travessa José Malaquias de Oliveira foi alvejado com cerca de três disparos e morreu no terraço da casa, onde segundo os vizinhos ele morava.

Segundo informações, o mesmo estava chegando em sua residência quando foi abordado por um elemento que efetuou os disparos e fugiu.

O local onde "Jovem" foi morto é uma casa meio que abandonada que segundo a polícia está servindo como ponto de encontro para consumo de droga. Duas maricas utlizadas para o consumo de Crack foram encontradas ao lado do corpo da vitima.

Viaturas da Policia Milita realizaram o isolamento até a chegada do Instituto Técnico e Cientifico de Policia que fez a remoção do corpo para sede do órgão.

*Informações e imagens: O Câmera.

29ª Morte violenta em Mossoró em 2015: Um popular foi morto na conjunto Redenção

A Central de Operações da Policia Militar registrou na noite de hoje, 17 de Março de 2015, mais uma morte violenta na cidade de Mossoró, no Rio Grande do Norte. Foi a segunda morte no dia.

Mateus Lucas Leal Felix, 17 anos de idade, conhecido popularmente como "Bozó" morador do conjunto Integração, foi alvejado com cerca de quatro disparos de arma de fogo e veio a obito antes da chegada do socorro medico.

Segundo informações ele veio comprar um lanche e estava saindo de uma lanchonete de motocicleta, quando foi surpreendido por elemntos que estavam de carro, que efetuarram os disparos e fugiram. Segundo a familiares ele não tinha envolvimento com coisas ilicitas.

Uma viatura da Policia Militar esteve no local realizando o isolamento até a chegada do Instituto Tecnico e Cientifico de Policia que fez a remoção do corpo para sede do orgão.


*Informações e imagens: O Câmera.

Presidiário é executado a caminho da penitenciária

A vítima foi surpreendida enquanto pilotava uma moto na RN 160
Um presidiário de 26 anos foi executado na noite desta terça-feira (17), na RN 160, na cidade de São Gonçalo do Amarante, região Metropolitana de Natal. Maxueider Florêncio estava a caminho do complexo penal Doutor João Chaves, em uma motocicleta quando foi surpreendido por uma dupla também em uma moto que atirou diversas vezes.

A vítima cumpria pena no regime semi aberto na unidade. Segundo informações repassadas por uma fonte da Polícia Militar, que preferiu não ter a identidade revelada, a vítima foi seguida pelos criminosos e obrigada a parar no meio da estrada e em seguida executa.

A fonte ainda disse que passageiros de um veículo que trafegava pela rodovia viram a ação dos matadores. A Delegacia Especializada de Homicídios informou que não contou com muitos elementos no local que pudessem ajudar nas investigações, no entanto os depoimentos de testemunhas poderão dar um norte aos trabalhos da equipe da Polícia Civil.

Fonte: Portal BO/Robson Freitas.

DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO

DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO