sexta-feira, 8 de maio de 2015

CALÇAMENTO DA MOÉSIO HOLANDA CONTINUA SEM ACONTECER E A OBRA É DO GOVERNO DO ESTADO OU DO MUNICÍPIO DE APODI?

No dia 10 de setembro passado, o Prefeito de Apodi e sua equipe estiveram reunidos na comunidade do Bacurau I para fazer uma concentração política.
Na oportunidade, todos pousaram para uma foto e o Prefeito assinou a ordem de serviço para calçar o famoso alto de Rozita. Observando essa placa hoje, vimos que a obra é do governo do estado, custa R$ 291.600,69 (duzentos e noventa e um mil, seiscentos reais e sessenta e nove centavos) e o prazo é de 90 dias. Isso significa, que o prazo deve se vencer no próximo dia 10 de dezembro. Mas, só que até o momento, ainda não foi encostado nenhuma pedra de paralelepípedo no local.

 
Estamos só mostrando, e queremos saber, quando vão começar a obra?
Sim! E ainda tem o asfalto da estrada do Sítio Córrego, que muitos esperando.
O vereador que anda procurando gravação de programa de rádio, poderia responder, quando vão começar??

RUA ARARA AZUL CONTINUA NA ESCURIDÃO E A PREFEITURA DE APODI NÃO ESTÁ NEM AI...

Desde o mês de setembro do ano passado que os moradores da rua Arara Azul, no bairro Bacurau I estão na escuridão. A Prefeitura Municipal de Apodi é responsável pela iluminação pública e os moradores pagam todos os meses a taxa de iluminação pública, mas infelizmente a reposição das luminárias demoram demais.

Para um bom entendedor, está faltando responsabilidade com a população. Será que vamos ter aniversário da escuridão?

No mês de abril, a comunidade do Bacurau I celebrou a festa de Santo Expedito, mas foi na escuridão.

Há poucos dias, um pedreiro que constrói casas do Programa Minha Casa Minha Vida foi elaborar um projeto e recebeu a orientação do engenheiro para se iluminar o local, mas o município só deu uma caçamba com os eletricistas e uma escada, para colocar as luminárias. O pedreiro quem comprou o material, mas mesmo assim continua a escuridão.

BLOG PARCEIRO!!!

O F5 Apodi é um dos nossos parceiros. O endereço é: http://f5apodi.blogspot.com.br/  
Notícias policiais de Apodi e região.

HERMANO MORAIS NÃO É MAIS O PRESIDENTE DO PMDB EM NATAL

O presidente estadual do PMDB, ministro Henrique Alves (Turismo), esteve reunido com a cúpula do partido há poucos instantes. Na oportunidade o presidente do diretório peemedebista em Natal, o deputado estadual Hermano Morais, anunciou a sua saída do comando da legenda na capital do estado.
Quem será que vai comandar o partido na capital???

Análise das condições climáticas e pluviométricas em abril e maio


A gerência de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN) concluiu a análise da tendência de ocorrência de chuvas para o período de 8 a 15 de maio e, de todo o mês de abril. Para maio, segundo os meteorologistas, “o quadro de pouca chuva ocorrida nas últimas semanas sobre o Estado deverá continuar durante a próxima semana. As condições oceânicas/atmosféricas, juntamente com a Oscilação 30-60 dias e o início do deslocamento da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), para o norte, indicam que o veranico (período sem chuva), deverá continuar”. São esperados baixos índices pluviométricos com valores que devem variar entre 10mm, no interior, até 20mm no litoral leste.

Ao analisar as chuvas de abril, a meteorologia afirma que neste ano, o mês não apresentou boas chuvas, comprometendo tanto as reservas hídricas, como o desenvolvimento da agricultura no interior do Estado. Uma condição de bloqueio, ocasionada pela atuação prolongada da fase negativa da Oscilação 30-60 dias impediu a ocorrência regular das chuvas. Foi observado que em grande parte do Estado, com destaque para o Agreste, Chapada do Apodi, região de Mossoró e Alto Oeste, as chuvas acumuladas não superaram os 50 milímetros (mm). Valores superiores a 100mm foram observados nas regiões de Macau, Baixa Verde, Seridó e na Região de Natal. O destaque positivo ficou com as boas chuvas ocorridas na região de Pedro Avelino, umas das mais secas do Estado.

Os meteorologistas lembram que “abril é juntamente com março, um dos meses que mais chove na região semiárida do Nordeste. No Rio Grande do Norte a média pluviométrica variou entre 100mm no Agreste chegando a mais de 200mm nas regiões do Alto Oeste e Litoral. Na análise dos desvios percentuais entre a chuva ocorrida e a climatologia para o mês de abril, foi observada uma predominância de desvios percentuais negativos abrangendo praticamente todo o Estado, com exceção da Microrregião Baixa Verde, que apresentou desvios positivos. Destaque negativo para os altos desvios negativos observados nas regiões do Agreste, Chapada do Apodi, Alto Oeste e Litoral Leste.

A análise referente às condições termodinâmicas dos oceanos referente ao mês de abril/15, evidencia a presença do Fenômeno El Niño no Oceano Pacífico, com anomalias de até +3°C próximo à costa da América do Sul. No entanto, ressalta a meteorologia, essas águas mais aquecidas não influenciaram na circulação dos ventos, não havendo assim o acoplamento entre o oceano e a atmosfera, o que poderia ocasionar anomalias climáticas em diversas partes do planeta.

No oceano Atlântico, enquanto no setor sul houve predominância de águas mais aquecidas, no setor norte as águas estiveram mais frias do que o normal. Essa condição foi favorável para a permanência da Zona de Convergência Intertropical próximo a região, o que deveria influenciar na ocorrência regular das chuvas. Entretanto, conforme o monitoramento pluviométrico, as chuvas, além de pouca quantidade tiveram um comportamento bastante irregular durante esse mês, em decorrência da atuação prolongada da fase negativa da Oscilação 30-60 dias, sobre a Região Nordeste.

A oscilação 30-60 dias, que é um Onda Planetária com deslocamento de oeste para leste, causa variações nas convecções tropicais (ocorrência de chuvas). A pesquisa mostra que “existe uma forte relação entre as condições atmosféricas que ocorrem na Oceania e no Nordeste brasileiro, com defasagem que varia de 30 a 60 dias. O deslocamento desse sistema pode sofrer influência das condições oceânicas, principalmente na região do oceano Pacífico Equatorial. Em situação de águas mais aquecidas, como é o caso atual, a fase positiva da onda fica ancorada sobre o Pacífico Leste, próximo da costa da América do Sul, ocasionando aumento da chuva naquela região e mantendo a fase negativa sobre a região Nordeste, o que ocasionou diminuição na ocorrência de chuva durante o mês de abril”.

Condutora capota veículo ao tentar desviar de objeto plástico na RN 117, em Caraúbas

CARAÚBAS (RN) – Uma motorista e mais duas passageiras ficaram feridas após capotar veículo na RN 117, nas proximidades da curva do “S”, conhecida como a “Curva da Morte”, em Caraúbas, município distante a 296 km da capital do Estado do Rio Grande do Norte, Natal/RN.

O acidente ocorreu na tarde desta quinta-feira (08), por volta das 14:19hs e, de acordo com a motorista identificada como Soraia, natural de São Paulo e residente na cidade de Caraúbas; ela vinha com duas amigas que estuda na Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA) e ia sentido Caraúbas/Governador Dix-Sept Rosado. Quando passou da curva da morte, avistou na pista um rolo de saco plástico, desviou do objeto, porém, vinha um carro na mão oposta, ela teve que voltar bruscamente para sua mão e perdeu o controle do veículo de passeio, um Chevrolet/Classic LS modelo 2012, de cor branca, placa NNX 7804 – Caraúbas, capotando várias vezes e por um milagre não aconteceu nada de grave.


Quando a ambulância do Hospital Regional Dr. Aguinaldo Pereira da Silva chegou ao local, as duas passageiras já tinham pegado outro carro para Mossoró. A condutora Soraia informou a equipe de atendimento do HRDAPS, que as duas jovens não sofreram nada de grave, só escoriações pelo corpo. O estado de saúde da motorista também era estável. 



*Fonte: Icém Caraúbas.

Delegacia de Homicídios esclareceu crime do Banco da Praça do Relógio em Mossoró

Agentes da Delegacia de Homicídios prenderam na manhã de hoje, 08 de Maio de 2015, Antônio Leandro Simões, de 22 anos de idade acusado de um crime de homicídio na Praça Bento Praxedes no inicio de Abril passado = Lembra?

Leandro Neguinho foi apontado como responsável pela morte de Gabriel Lopes de Mesquita no dia 05 de Abril, por motivo de briga de torcida organizada de times de futebol. Ele foi preso no conjunto Santa Delmira, com autorização da Justiça da Comarca de Mossoró.

 
Segundo a Delegada Liana Aragão, dias antes do crime, vitima e acusado que faziam parte de grupos rivais teriam se envolvido em uma troca de tiros, por causa times de futebol. A Delegada informou ainda, que Leandro na noite que matou Gabriel estava acompanhado com outros dois elementos, que já foram identificados e podem ser presos a qualquer momento.

Depois dos esclarecimentos na Delegacia Especializada, Leandro passou por exames no Itep e foi conduzido para a Cadeia Publica Juiz Manoel Onofre de Souza, onde deverá aguardar a decisão da Justiça. 

*Imagem do preso: Fim da Linha.
*Fonte: O Câmera.

Apodi=Homem é preso suspeito de atear fogo em casa do Bairro IPE.

Na noite de Quarta feira dia 06/05, um incêndio criminoso numa residência do Bairro IPE, movimentou o plantão policial na cidade.

Uma guarnição da Rádio Patrulha formada pelos policiais Sgt. Ivanildo, e os SD´s. J. Maia e Túlio. se deslocaram até o local da ocorrência, e em contato com a vítima, a qual informou que seu Ex-companheiro identificado como Francisco Lidiano da Mota Lima, era o único suspeito, tendo em vista, o mesmo nunca ter aceitado o fim do relacionamento, e desde então, vinha constantemente fazendo ameaças a vítima.

Diante das informações, os policiais deram início as diligências na tentativa de prender o acusado. Ao realizarem buscas na Baixa do CAIC, os policiais se depararam com o acusado, o qual trafegava numa bicicleta e estava bastante nervoso com as vestes com sujeiras de cor preta e barro, além de ter sido encontrado em poder do mesmo, uma caixa de fósforo. O mesmo negou todas as acusações desferidas pela vítima.

Francisco Lidiano foi conduzido a delegacia de Polícia Civil, onde foram realizados todos os procedimentos cabíveis. 


*Sentinelas do Apodi.

Nave russa se desintegra ao entrar na atmosfera

A aeronave espacial não tripulada Progress se desintegrou completamente ao reentrar na atmosfera da Terra sobre o Oceano Pacífico na madrugada de sexta (8), às 5h04, horário de Moscou - noite de quinta (7), às 22h04, horário de Brasília - segundo agências.

A queda ocorreu uma semana depois que os operadores russos perderam o controle da aeronave.

"A nave espacial Progress M-27M deixou de existir às 5h04 de Moscou em 8 de maio de 2015. Sua entrada na atmosfera foi realizada sobre o Oceano Pacífico central", disse a agência espacial russa Roscosmos em um comunicado.

Ainda não há informação sobre fragmentos.

Problema na telemetria

A Roscosmos afirma que o voo desde o Cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, até o espaço, ocorreu normalmente. Porém, 1,5 segundo antes da separação da nave do veículo lançador, houve perda de dados do sistema de telemetria (responsável por enviar informações para a Terra).

"Quando os dados foram recuperados, o tempo para a separação já havia passado", explicou a agência, que tentou ancorar de forma segura a nave não-tripulada na Estação Espacial, mas o plano foi descartado por apresentar riscos.

As naves Progress, usadas há 35 anos, estão entre os grandes orgulhos da indústria aeroespacial russa, com um histórico praticamente imaculado: até agora só tinham sofrido um acidente, em agosto de 2011, por uma falha do foguete portador.

Um relatório será elaborado até 13 de maio e nele estará a conclusão sobre o que provocou a falha em um dos processos do lançamento.

Com 2,5 toneladas de suprimentos, a nave deveria chegar à plataforma internacional seis horas depois de sua decolagem. Ela carrega combustível, oxigênio, alimentos, equipamentos científicos para os astronautas. Após a perda, cujo custo é estimado em até US$ 90 milhões, o próximo cargueiro em direção à ISS sairá da Terra no 3º trimestre deste ano.

De qualquer forma, os astronautas têm provisões suficientes para continuar com sua vida no espaço, apesar do incidente com a Progress.



*Do G1.

Avião parado em hangar de Ceará-Mirim chama atenção de curiosos

Leitor desafia o Blog.

Diz que dá um doce para o blogueiro adivinhar de quem é este avião estacionado neste hangar, em Ceará-Mirim.


*Thaisa Galvão.

Secretários de Tributação discutem mudança de distribuição do ICMS

Os secretários de Tributação dos nove estados nordestinos reuniram-se na tarde desta quinta-feira, 7, para discutir pontos comuns à região, entre eles, o chamado Convênio 70, que prevê o fim da guerra fiscal em 15 anos e uma mudança na distribuição da alíquota do ICMS em oito anos. A reunião antecede o Encontro dos Governadores do Nordeste, que será realizado em Natal nesta sexta-feira, 8.

O secretário de Tributação do Rio Grande do Norte, André Horta, explicou que três estados nordestinos ainda não assinaram o convênio 70. Além do RN, estão de fora o Ceará e Pernambuco. “O que se está buscando é que eles consigam convergir a esta mobilização nacional”, afirmou, ponderando que é preciso que haja algum tipo de ganho bem visível para que a adesão compense.

“O que está de mais consenso aqui é a questão do pagamento antecipado das verbas compensatórias dessa transição. Quando acontecer esta transição, nós vamos perder muito a força de manutenção de investimentos industriários, porque a gente está baixando a alíquota na origem”, destacou.

O convênio 70 regra a mudança de distribuição do ICMS nas distribuições interestaduais, diminuindo alíquota para os estados de origem. Uma carta de intenções será entregue aos governadores apontando sugestões de como o convênio pode ser viabilizado.


*O Xerie.