domingo, 25 de outubro de 2015

Repórter se perde no Pico do Cabugi e é salvo pelo Corpo de Bombeiros e Potiguar 01

Equipes de salvamento do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBMRN) e tripulantes do helicóptero Potiguar 01 (Ceiopaer) da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) foram acionados na tarde deste sábado (24) para socorrer um repórter da cidade de João Câmara que se perdeu enquanto trabalhava sozinho fazendo trilhas no Pico do Cabugi, na cidade de Angicos.

O repórter, identificado como Evanuel Ataliba, de 48 anos, informou as equipes de resgate que teria ido ao Pico do Cabugi, a trabalho, a fim de produzir imagens para o seu portal de notícias chamado Web TV Agendão. A atividade teria iniciado por volta das 7h e ao retornar pela trilha, quatro horas depois, teria perdido o sentido.

“A sorte de Evanuel Ataliba é que ele estava com um aparelho celular, o que possibilitou o acionamento do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) e, consequentemente, das equipes de resgate”, disse o Tenente Joilton Carlos, oficial de operações do CBMRN.

Ao ser encontrado, o repórter estava bastante debilitado em função da alta temperatura, sentindo muita fome e sede, porém não apresentava ferimentos. Às equipes de resgate, o repórter agradeceu o socorro. “Os anjos vieram me salvar por terra (bombeiros) e pelo ar (Potiguar 01)”, disse emocionado o repórter.


*JBelmont.

129ª mortes violentas em Mossoró: Uma pessoa morta e três feridas na noite de sabado

Quatro pessoas foram feridas por disparos de arma de fogo na noite de sábado, 24 de outubro, em bairros diferentes da cidade de Mossoró, região Oeste do Rio Grande do Norte. Três foram socorridas para o Hospital Regional Tarcísio Maia. Uma não resistiu aos ferimentos e morreu no local.   
Gildemar da Silva Rocha, "Gil", aproximadamente 26 anos de idade, foi alvejado na cabeça dentro de um circo no bairro Santo Antônio e morreu no Local.
Segundo informações dos amigos, Gil saiu de casa hoje, pela primeira vez, com um filho, para assistir o circo, instalado na Rua Francisco Pascoal e durante um pequeno intervalo, saiu com a criança para comprar pipocas, fora da área protegida pela lona, mas dentro do circo.

Quando estava retornando para o espetáculo, ele foi surpreendido e morto com os disparos, todos na cabeça.

Familiares não quiseram conversar com a imprensa, se limitaram a informar que pelos motivos, o alvo do criminoso não seria Gil. As informações da família foram repassadas para o Bacharel Teixeira Junior, Delegado de Plantão. Depois dos procedimentos no local, o corpo de Gildemar da Silva Rocha, foi removido e será necropsiado no Instituto Técnico e Cientifico de Polícia, Itep, Unidade Regional de Mossoró.

Ainda na noite de sábado, Roberto Carlos de Sousa, 45 anos de idade, e Marcos Maximiliano Santos Silva, 27, foram baleados em tentativas de homicídios, próximo a Chácara dos Eucaliptos, no Alto da Pelonha.

Roberto Carlos levou um tiro na região glútea, “Bunda”. Aparentemente ele não corre riscos de morrer, mas como a bala ficou alojada, ele foi conduzido para o Hospital Regional Tarcísio Maia.

Marcos Maximiliano, atingido no tórax, abdômen e no braço. Segundo a equipe medica do Samu que prestou os primeiros socorros, o caso de Marcos é mais complicado e ele foi levado direto para o centro cirúrgico do Tarcísio Maia.

Segundo informações da Policia Militar, os dois estavam bebendo em uma residência, quando um indivíduo, sozinho e de motocicleta se aproximou e disse “É você mesmo” e efetuou cerca de 04 disparos, acertando três em Marcos e um em Roberto Carlos.

Ainda na noite de Sábado, já no finalzinho, uma terceira ocorrência de disparos de arma de fogo no centro da cidade de Mossoró. Fernanda Felix da Silva, 33 anos de idade, foi alvejada com um tiro nas costas. O atentado aconteceu nas proximidades do antigo Colégio Geo, no Centro da cidade.

Ela foi socorrida por uma equipe da Polícia Ambiental que passava pelo local e encaminhada para o Hospital Regional Tarcísio Maia. A polícia não sabe o que teria motivado o crime e segundo informações, seu estado de saúde é considerado grave. 


*Fonte: O Câmera.

CLINI VIDA!!!!


128ª Morte violenta em Mossoró: Individuo abandona carro roubado e morre em troca de tiros com a Policia Militar

No início da manhã de hoje, 24 de outubro, uma viatura de Rádio Patrulha da Policia Militar foi acionada para atender uma ocorrência de um possível assalto na região das Malvinas em Mossoró no Rio Grande do Norte. Segundo as informações repassadas pela vítima, três indivíduos em um veículo tipo Prisma de cor escura, seriam os responsáveis pela tentativa.

Os elementos foram localizados em fuga, próximo ao conjunto Geraldo Melo, ainda na mesma região da tentativa de assalto e quando perceberam a aproximação das viaturas da Força Tática e da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas, “Rocam”, os mesmos abandonaram o veículo e fugiram para o matagal, atirando contra os policiais.

Na troca de tiros, Chilone Ribeiro Duarte, 24 anos de idade, morador das Malvinas, foi alvejado várias vezes e morreu quando estava sendo socorrido para o Hospital Regional Tarciso Maia.

Segundo informações ele estava foragido do Regime fechado do Complexo penal Estadual Mário Negócio em Mossoró, onde cumpria pena por tráfico de drogas.

O Veículo abandonado no local era produto de roubo. O carro era adaptado para pessoas com limitações físicas e havia sido tomado de assalto. Os militares encontraram também uma pistola municiada e um pequeno tablete de maconha.
 
Chilone Ribeiro Duarte foi a 128ª morte violenta em Mossoró no ano de 2015, contra 157 assassinatos no mesmo período em 2014. O ano de 2011 continua sendo o mais violento de todos os tempos na cidade, com 164 mortes no mesmo periodo. 

*Informações e imagens: O Câmera.

Chuva de bala em madrugada de terror e morte em Guamaré.

Uma mulher identificada por Hildezite Araújo Oliveira Lima (45 anos), mas conhecida por Dona Neném, foi executada a queima roupa com vários tiros dentro da sua própria residência, localizada na Rua Miassaba, próximo a Rua dos Invasores, por volta das 3 horas da madrugada de hoje (24)

Segundo testemunhas ouvidas no local, homens encapuzados chegaram num carro preto sem identificação na casa dela, arrombaram o portão, logo depois a porta, e já foram efetuando vários disparos contra a vítima que estava com dois de seus filhos no quarto. Neném não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Na saída, os criminosos fizeram vários disparos no carro de Manoel do Peixe que se encontrava próximo. Foram mais de 15 tiros no vidro do lado do motorista e na lateria do veículo. O comércio de Manoel fica de frente a casa de Dona Neném.

Há fortes suspeitas que os criminosos tenham atirado contra a polícia da Rua dos Invasores para a Rua Miassaba, onde se encontrava os agentes. Ainda não se sabe os motivos que levaram a execução de Dona Neném, nem as razões dos criminosos terem invadido três residências na Rua dos Invasores em busca de suas vítimas, mas de uma coisa é fato, os bandidos não tiveram medo da polícia que se encontrava em duas viaturas.

Uma das viaturas saiu em diligência até a rua dos invasores local dos tiros, que fica a um quarteirão do local do crime, ao chegar à Rua dos invasores, visivelmente os moradores estavam em pânico, três residências foram arrombadas pelos os criminosos.

Moradores que não quiseram se identificar, afirmaram ao blog que eram vários homens encapuzados em dois veículos e com armas longas e de grosso calibre.

A Polícia Cível esteve no local do crime para realizar os procedimentos de praxe, logo após o ITEP chegou para a remoção do corpo. O caso será investigado pela 5ª Regional da Polícia Cível de Macau.

Dona Neném tinha um comércio na Rua Miassaba, vizinhos disseram que ela era uma pessoa boa, mas somente as investigações irá elucidar as razões do homicídio, em uma noite de chuva de bala em madrugada de terror e morte.

http://www.guamareemdia.com/
O Câmera.