terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Oposição vence eleição para formar comissão do impeachment

São Paulo - Por 272 votos a 199, a chapa formada por deputados da oposição e dissidentes da base aliada venceu a eleição que definiu os parlamentares que irão compor a comissão especial que dará parecer sobre impeachment de Dilma Rousseff.

Essa é a primeira vitória da oposição no caminho para o impedimento do mandato da presidente.

A chapa formada por governistas tinha 47 inscritos. A vencedora, que foi protocalada nesta terça-feira, disputava o controle da comissão com 39 membros.

Ainda faltam 26 deputados para completar o número necessário para abertura da comissão.

A sessão que definiu os membros da comissão foi marcado por tumulto e protestos dos parlamentares da base aliada, que discordavam que a escolha fosse feita por meio de votação secreta, determinada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, que é favorável ao impeachment.

Votação suplementar

A vitória da oposição hoje não significa, contudo, que os partidos da base aliada não terão representantes nessa etapa do processo.

A comissão especial que vai analisar o caso deve ser composta por 65 membros. Como a chapa vencedora tem um número inferior para completar o grupo, os líderes não contemplados pela chapa vencedora devem indicar os nomes que faltam.

As escolhas serão, então, referendadas pelo Plenário em uma votação suplementar.

Cada partido tem direito a um número proporcional de representantes na comissão especial.

Por exemplo, o Partido dos Trabalhadores (PT), pode indicar oito parlamentares. Como nenhum deputado da sigla fazia parte da chapa vencedora, o líder do PT na Câmara ainda pode indicar outros nomes para compor o grupo que dará o parecer sobre o impeachment.

Veja quantos representantes cada partido terá na comissão especial do impeachment:

Partido / Número de deputados que podem participar da Comissão Especial

PMDB / 8

PT / 8

PSDB / 6

PP / 4

PSD / 4

PR / 4

PSB / 4

PTB / 3

DEM* / 2

PRB* / 2

SD / 2

PSC / 2

PROS / 2

PDT / 2

PHS / 1

PTN / 1

PMN* / 1

PEN* / 1

PCdoB / 1

PPS / 1

PV / 1

PSOL / 1

PTC / 1

PTdoB* / 1

REDE / 1

PMB / 1

A chapa vencedora

Protocolada às 13h50 desta terça-feira, a chapa Unindo pelo Brasil é composta por 39 deputados do PSDB, SD, DEM, PPS, PSC, PMDB, PHS, PP, PTB, PEN, PMB, PSB e PSD.

Essa foi a primeira vez que duas chapas disputaram o controle de uma comissão especial, que geralmente é formada por indicados pleos líderes de partido e referendada pela Casa.

No caso do PMDB, os membros eleitos para a comissão não foram selecionados pelo deputado Flávio Picciani, que é líder da sigla na Câmara, e havia indicado apenas parlamentares que apoiam o governo. 


Do: MSN.

PMs presos em operação da PF são suspeitos de 16 assassinatos no RN

Presos também são suspeitos de tráfico de drogas e coação.
Operação 'Thanatus' foi deflagrada nesta terça (8) na Grande Natal.

Operação 'Thanatus' foi iniciada na manhã desta terça (8) (Foto: Divulgação/PF)
Tráfico de drogas, comércio ilegal de armas, receptação de produtos roubados, coação e 16 homicídios. Estes são os crimes pelos quais estão sendo investigados os doze suspeitos presos na operação 'Thanatus', deflagrada pela Polícia Federal nesta terça-feira (8), em Natal e região Metropolitana. Dentre os doze presos, nove são policiais militares.A operação 'Thanatus' foi deflagrada para cumprir 15 mandados de prisão expedidos pela Justiça do RN contra integrantes de um grupo de extermínio que teria realizado 16 homicídios entre os anos de 2011 e 2015 na Grande Natal. De acordo com as investigações, o grupo era composto por 10 PMs e 5 pistoleiros. Um policial militar e dois pistoleiros seguem foragidos.
 

Segundo a delegada Diana Calazans, da PF, a investigação foi conduzida pela Polícia Federal em virtude da gravidade dos crimes cometidos pelo grupo, que configuram "graves violações aos direitos humanos". De acordo com a delegada, o grupo também trabalhava com mortes por encomenda.

"As investigações apontam que o grupo cobrava altas quantias em dinheiro para realizar os crimes", explicou a delegada. Ainda de acordo com Calazans, o grupo se aproveitava da condição de alguns integrantes como PMs para cometer os crimes. "Essa organização criminosa se infiltrou na PM e certamente esses criminosos se utilizaram das facilidades oferecidas aos policiais para executar esses crimes", disse.

A operação contou com a participação de 165 agentes da PF, além de policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e do Batalhão de Choque (BPChoque) da PM do Rio Grande do Norte, além do apoio do Ministério Público Estadual. O termo 'Thanatus' vem da mitologia grega e significa a “personificação da morte”.
 

*Do G1 RN/Blog do Robson Freitas.

ENCERRAMENTO DA FESTA DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO EM APODI

A festa da padroeira de Apodi, Nossa Senhora da Conceição termina hoje. Está previsto, para logo mais às 16 horas, uma missa celebrada pelo pároco local e às 17 horas, o início da Procissão que deve percorrer pelas principais ruas da cidade.
Apodi é uma cidade que tem dois padroeiros, São João Batista, no dia 24 de junho e Nossa Senhora da Conceição no dia 08 de dezembro.

Produção e vendas de bicicletas caem 10% em 2015, diz associação

A produção nacional de bicicletas caiu 10% no acumulado do ano de 2015, chegando a 3,6 milhões. As vendas também apresentaram queda de 10%, alcançando os 3,3 milhões de unidades, de acordo com dados divulgados hoje (8) pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo). Segundo o vice-presidente da Abraciclo, Eduardo Musa, essa queda só não foi maior devido ao aumento do consumo para mobilidade urbana.

“Sabíamos que o ano seria difícil, mas acabou sendo pior do que esperávamos. Com as bicicletas não foi diferente, apesar do sentimento de apoio da sociedade civil, das prefeituras, que têm investido na infraestrutura cicloviária, e das preocupações com a mobilidade e meio ambiente”, disse Musa.

Segundo ele, o setor depende principalmente da importação de componentes para produzir as bicicletas. “Com a desvalorização do real houve grande impacto na estrutura de custo de todo o segmento, que foi obrigado a repassar a alta do dólar e a inflação para o consumidor. Isso causou forte impacto no volume de vendas”.

De acordo com a Abraciclo, a produção de motocicletas entre janeiro e novembro de 2015 foi de 1.212.075 unidades, 15% a menos do que o produzido no mesmo período do ano passado. Na comparação mensal a queda foi de 28,2%, ao passar de 104.388 para 74.972. Com relação ao mesmo mês do ano passado, quando foram produzidas 121.719 motocicletas, a retração foi de 38,4%.

Os licenciamentos alcançaram 105.371 motos em novembro, o que representa um crescimento de 18,4% ante outubro, quando foram vendidas 89.020 unidades. “O número do varejo está meio contaminado, porque está influenciado pelo emplacamento das motocicletas de 50 cilindradas, em virtude da mudança da legislação neste semestre do ano. Por isso, o número foi alto”, explicou o presidente da Abraciclo, Marcos Fermanian.

As vendas no atacado, para concessionárias, chegaram a 1.120.680 de unidades no acumulado do ano, 14,9% a menos do que no mesmo período do ano passado (1.316.289). Na comparação de novembro com outubro, houve queda de 22,8% ao passar de 91.205 para 70.398. Com relação a novembro de 2014, as vendas para as concessionárias em mesmo período deste ano caíram 41,2%.

“O mês de novembro aponta pelo menos para estabilidade com relação a outubro. No nosso entendimento é o fim do poço. Esperamos pelo menos manter esses resultados e começar a crescer no segundo semestre do ano que vem”, disse o presidente da Abraciclo.

As exportações caíram 23% de janeiro a novembro, com a comercialização de 63.179 unidades para o mercado externo contra as 82.003 registradas no mesmo período do ano passado. Em relação a outubro (10.959), as exportações caíram 41,5%, com 6.928.Na comparação com novembro do ano passado, as vendas para o mercado externo cresceram 87,7%.

Segundo a Abraciclo, a previsão para 2015 é a de que o setor feche o ano com produção total de 1.270.000 motocicletas e vendas, no atacado, de 1.210.000 unidades. As exportações devem chegar a 73.000 mil motos. No varejo, devem ser vendidas 1.255.000 motocicletas.

Para 2016, as projeções são de produção em torno de 1.280.000 unidades, com 1.220.000 de vendas no atacado e 75.000 para a exportação. “Esperamos ficar pelo menos no patamar de 2015. Vamos torcer que esse nó político-econômico seja desatado rapidamente e tenhamos um ambiente mais favorável no segundo semestre de do ano”, disse Fermanian.

Fermanian ressaltou ainda que a indústria vem tentando manter a empregabilidade, e cada marca faz seus esforços de acordo com suas possibilidades e necessidades, mas não há nada previsto em termos de demissões. “Não há horizonte de movimento unificado para demissão. Há, sim, um esforço individual de cada marca para manter seus quadros de funcionários qualificados”. Também não há uniformidade para paralisação da produção e férias coletivas. “Algumas já estão paradas desde outubro outras precisam adequar seus estoques”.


*Do portal Nominuto.com

CONVITE DE CANTORIA!!!

Chapa alternativa para comissão do impeachment tem 35 nomes, diz líder

Do G1: O líder do DEM na Câmara, deputado Mendonça Filho (PE), afirmou nesta terça-feira (8) que já tem 35 candidatos a chapa ‘pro-impeachment’ que a oposição pretende lançar para concorrer a vagas na comissão especial que analisará o processo de impedimento da presidente Dilma Rousseff. Para poder participar da eleição do colegiado, que terá 65 vagas, uma chapa precisa contar com 33 indicações.

A eleição está marcada para ocorrer após as 14h desta terça-feira (8), em sessão do plenário da Câmara. Antes disso, a oposição vai se reunir no gabinete da liderança do PPS para fechar as indicações. Até o momento, conforme Mendonça Filho, a chapa alternativa conta com a participação de parlamentares do DEM, PP, PPS, PMDB, PSDB, Solidariedade, PSC, PTB, PHS, PMB e PSD. De acordo com o líder do DEM, o número de adesões pode subir para 39 se o PSB aceitar participar, o que ainda está em negociação.

O objetivo da chapa alternativa é compor um grupo com deputados do PMDB que são críticos ao governo Dilma, já que o líder da bancada na Câmara, Leonardo Picciani (RJ), pretende apresentar apenas nomes mais em sintonia com o Palácio do Planalto.

Na hora da eleição para a comissão especial, os deputados terão que escolher entre a chapa oficial e a alternativa. Os partidos que não tiverem indicações na chapa vencedora serão instados a apresentar as indicações para completar as vagas. Em seguida, esses nomes serão votados.

Uma sessão da Câmara havia sido marcada para a noite desta segunda para eleger a comissão que irá analisar o processo. Inicialmente, os líderes partidários haviam entrado em acordo para não permitir candidaturas avulsas. No entanto, deputados da oposição e de uma ala do PMDB reivindicaram a possibilidade de lançar chapa avulsa.

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), autorizou e decidiu postergar para esta terça o prazo de indicação de nomes e eleição para a comissão especial. A decisão foi criticada pelos líderes do PMDB, do governo e do PT.

"É inaceitável. Essa comissão já começa inviabilizada. Está se permitindo uma briga interna das bancadas com indicação de membros para outra chapa", criticou Sibá. "É uma confusão! É a segunda mexida. O prazo para indicação era hoje às 14h. O presidente passou para 18h. Agora remarca para amanhã e permite que dentro de uma mesma bancada haja indicações para outra chapa. É inaceitável", disse o líder do PT, Sibá Machado (AC).

CLINI VIDA!!!!

Dispomos de exames laboratoriais.
Coleta de exames de segunda a sexta.
Faça sua coleta na CliniVida...
Rua: Marechal Floriano, n 69.

Apodi-RN!
Tel. 3333-3808.

Delcídio do Amaral denunciado

De Vera Magalhães, na coluna Radar Online:
Janot denuncia Delcídio, Esteves e mais dois
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou nesta segunda-feira a denúncia contra o senador Delcídio do Amaral (PT-MS), o banqueiro André Esteves, Diogo Ferreira, chefe de gabinete do ex-líder do governo no Senado, e o advogado Edson Ribeiro.
Todos eles são acusados dos crimes de impedir e embaraçar a investigação de infrações penais que envolvem organização criminosa (art. 2º, § 1º da Lei 12.850/2013 – reclusão de 3 a 8 anos) e patrocínio infiel (art. 355 do Código Penal – detenção de 6 meses a 3 anos).
O crime de exploração de prestígio (art. 357 do Código Penal – reclusão de 1 a 5 anos) é atribuído a Delcídio do Amaral, Diogo Ferreira e Edson Ribeiro.
A denúncia foi feita antes do encerramento do prazo, que seria em 9 de dezembro. O procedimento está oculto no Supremo Tribunal Federal e será encaminhado ao relator da Lava-Jato no STF, ministro Teori Zavascki.

150ª Morte violenta em Mossoró: Corpo de um jovem é encontrado com as mãos amarradas para trás e dois disparos na cabeça

O corpo de Isrealison Ferreira Morais, “Dentinho” de 17 anos de idade morador da cidade de Baraúna, foi encontrado as margens de uma estrada carroçável, na região da conhecida estrada da Granja em Mossoró, região Oeste do Rio Grande do Norte.

Ciclistas que praticavam trilha, por volta de 6 horas da manhã de hoje, 08 de dezembro, localizaram o corpo e acionaram a Central de Operações da Policia Militar.

O corpo estava só de bermuda, com um cinto de couro amarrado no pescoço e as mãos amarradas para trás com a própria camisa.

Ele foi morto com dois disparos na cabeça, sendo um no ouvido esquerdo e outro disparo na parte de trás da cabeça, com orifício de saída no rosto.

O perito criminal Joaquim Guimarães, acredita que o jovem tenha sido morto no local, na noite de ontem.

Depois dos procedimentos no local o corpo foi removido para a base da Unidade Regional do Instituto Técnico e Científico de Polícia, Itep, em Mossoró, onde foi identificado pela família.
Segundo informações, ainda não confirmadas pela policia, apesar da pouca idade, Dentinho tinha uma ficha extensa de delitos na região de Baraúna, mas nunca chegou a cumprir privação de liberdade, já que era menor de idade. 
 
*Informações e imagens: O Câmera.

MATTOS NASCIMENTO NO CALÇADÃO DA LAGOA DO APODI

Apodi : Charge em tom de humor compara o bom e o mau administrador público

Uma charge circula nas redes sociais simbolizando a situação da administração pública da cidade de Apodi, um artista nato descreveu duas personalidades bastante conhecida no meio popular;

A primeira é o radialista Wilson Oliveira que se destaca com seus milhares de serviços prestados de assistência a população é quase 1000 campanhas beneficentes realizadas e mais de 25 mil sacolas distribuídas gratuitamente com folhas da jaramataia, onde as famílias fazem o chá e são curadas de seus problemas de saúde, com essas ações o Dr. Jaramataia como é conhecido nas ruas da cidade, ele tem ajudado a mais de 10 mil pessoas se tornando assim a personalidade com maior aceitação popular dos últimos tempos.

A segunda é o atual prefeito do município que apesar de ter em seu domínio administrativo os recursos da prefeitura ele não tem conseguido dar nenhuma melhoria de vida para a população, falta transportes para educação, para se ter uma noção a UERN na chapada de Apodi foram destinados mais de 01 milhão de reais e dar a sensação que estão construindo no subterrâneo, pois ninguem ver o progresso da obra, não temos iluminação pública, ruas esburacadas, em todas as áreas os problemas não são resolvidos, falta tudo ‘’ é muito dinheiro que entra aqui, dia 10, 20 e 30 todos os meses e você não ver nada de benefícios chegar ‘’ desabafa o funcionário interno que não quis se identificar, com isso o gestor municipal enfrenta a maior rejeição da história de um prefeito desde da emancipação.

A realidade Atual:

A cada dia Wilson recebe várias pessoas ‘’pedindo’’ e ‘’doando’’ ajudas que são sistematicamente direcionadas para resolver os mais variados problemas da população.

Enquanto Wilson faz algo pelo povo, o prefeito vive de propaganda, o obvio que o ano de 2016 começa daqui a alguns dias e já chegamos ao 04 ano do mandato e nada de novo aconteceu.

ROBERTO CARLOS ESPECIAL DIA 23 NA NA TELA DA GLOBO!

Roberto Carlos já gravou o show de especial final de ano da rede Globo de Televisão. Muitas emoções e a participação de vários artistas brasileiros.
 No palco, o encontro com os mais variados estilos. Jovem guarda, pagode, funk, pop rock e muito mais...
Erasmo Carlos, seu amigo de fé, irmão camarada...