sábado, 13 de agosto de 2016

RODOLFO FERNANDES: EX PRESIDIÁRIO É EXECUTADO A TIROS NO CENTRO DA CIDADE

Vítima do homicídio Elizandro

Na noite deste sábado (13/08), por volta das 19:40hs, foi registrado um homicídio na cidade de Rodolfo Fernandes, que teve como vitima a pessoa conhecida por Elizandro.


Segundo informações da policia, Elizandro foi executado com vários tiros de arma de fogo, por homens que chegaram em um carro do modelo Palio, e o mesmo executaram a vitima com vários tiros.

A vitima a pouco tempo saiu do CDP de Apodi, onde o mesmo cumpria pena referente ao crime de receptação.

A qualquer momento mais detalhes do crime

* Blog F5 Apodi.

FUTEBOL: FLAMENGO PERDE PARA O SPORT

FREIO DE UM LADO, SUBIDA DE OUTRO
Do G1: O Sport freou a ascensão do Flamengo no Brasileirão. Também em boa fase na competição, o time pernambucano venceu os cariocas por 1 a 0, com gol de Edmílson (que entrou no lugar do machucado Diego Souza), e chegou a seis jogos de invencibilidade (quatro vitórias e dois empates), se mantendo firme no propósito de se afastar da zona de rebaixamento. O Rubro-Negro, que mirava assumir a liderança nesta 20ª rodada, na Arena Pernambuco, voltou a perder depois de seis partidas.

VACINA CONTRA A DENGUE, SÓ NO PARANÁ

As unidades de saúde de 30 municípios do Paraná ficarão abertas até o fim da tarde deste sábado (13), Dia D de vacinação contra a dengue no estado. A campanha segue até o dia 3 de setembro. A meta da Secretaria de Saúde é imunizar cerca de 500 mil pessoas com a primeira dose da vacina que está sendo fornecida de graça para parte da população.

Em Paranaguá, no litoral paranaense, e em Assaí, no norte, as doses estarão disponíveis para pessoas com idade entre nove e 44 anos. Nos outros 28 municípios prioritários, a vacina será destinada aos jovens com idade entre 15 e 27 anos. A escolha do público-alvo tem base em estudo da secretaria, que apontou que 30% dos casos ocorrem nesta faixa etária.

Para agilizar o atendimento, a orientação é que as pessoas preencham o pré-cadastro, que pode ser feito pela internet. Moradores de 28 municípios podem fazê-lo. Veja quais:

Paranaguá, Assaí, Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu, São Miguel do Iguaçu, Boa Vista da Aparecida, Tapira, Santa Isabel do Ivaí, Cruzeiro do Sul, Santa Fé, Munhoz de Melo, Marialva, Paiçandu, São Jorge do Ivaí, Mandaguari, Sarandi, Iguaraçu, Ibiporã, Jataizinho, Porecatu, Bela Vista do Paraíso, Cambé, Sertanópolis, Leópolis, São Sebastião da Amoreira, Itambaracá, Cambará e Maripá.

As exceções são os municípios de Maringá e Londrina, que já contam com sistemas próprios para controle de vacinas.

Quem não fizer o cadastro prévio poderá preenchê-lo no momento em que comparecer à unidade de saúde, mas terá que aguardar para ser imunizado. Para receber a vacina, é preciso também apresentar um documento pessoal com foto e o comprovante de residência.

Em fevereiro e agosto de 2017, serão aplicadas as doses de reforço, completando o esquema vacinal. Gestantes, lactantes, portadores do vírus HIV e pessoas com febre não devem ser imunizadas.

A vacina protege contra os quatro tipos de dengue. Para tanto, será preciso receber três doses com intervalo de seis meses entre cada uma delas. Os reforços deverão ser feitos em fevereiro e agosto de 2017. Estudos clínicos indicam que a imunização pode reduzir o índice da doença em mais de 60%.

Novos casos
A Secretaria da Saúde do Paraná (Sesa) confirmou 353 novos casos de dengue até terça-feira (9). Com isso, o estado tem, agora, 56.351 casos confirmados no período epidemiológico entre agosto de 2015 e este mês.

Na última semana, o número de casos autóctones (contraídos na cidade em que a pessoa mora) foi o que mais cresceu: foi de 52.345, no mesmo período, para 52.708, até esta terça-feira. O número de mortes decorridas da doença permeneceu o mesmo, em relação ao boletim anterior - 61.

Este, de agosto, é o último boletim divulgado neste período epidemiológico, de acordo com a Sesa. A partir do próximo levantamento, os números são zerados.

Do G1 Paraná.

Bandidos do RN se cuidem! Acabou a ‘boquinha’

O Xerife conversou com nosso Virgulimo ‘Lampião’. Tem ‘boquinha’ pra bandido no Rio Grande do Norte não!

Com ele a diferença é outra. Bandido é bandido. E como tal será tratado, contou-me.

E uma novidade está a caminho. Conto depois. O governador Robinson Faria acertou.

Veio um conterrâneo do Xerife para botar ordem na casa. Valber é natural de Pombal (PB) como o Xerife é.

Bandido não brinque. Ele não abre nem pro trem. Se cuidem. 


Do Blog: Só sabemos de uma coisa, que a população potiguar, quer ter mais segurança. Do jeito que está, a população está presa e os bandidos estão soltos.

Lava-Jato recuperou R$ 3 bilhões

A Operação Lava Jato, que este mês completou um ano e cinco meses, já recuperou mais de R$ 2,9 bilhões aos cofres públicos, segundo dados do Ministério Público Federal. O levantamento aponta 574 buscas e apreensões autorizadas pelo juiz Sergio Moro e 118 pelo Supremo Tribunal Federal. No 1º grau, houve 5 prisões em flagrante, e expedidos 155 mandados de prisão e 152 de condução coercitiva. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Dos mandados de prisão, foram 70 prisões preventivas e 85 prisões temporárias, todas depois confirmadas nas instâncias superiores.

No âmbito do Supremo, houve 126 quebras de sigilo fiscal, 146 de sigilo bancário e 115 quebras de sigilo telefônico.

O STF autorizou 2 quebras de sigilo telemático, uma de sigilo de dados, 17 sequestros de bens e de valores e 5 prisões preventivas.

“Realizamos 74 acordos durante a operação, sendo que 59 foram feitos com pessoas em liberdade e 15 com detidos”, diz Rodrigo Janot.


*JBelmont.

PROPAGANDA ELEITORAL: DE 16 DE AGOSTO A 1º DE OUTUBRO

Na próxima terça-feira, 16, tem início a propaganda eleitoral. Até o dia 1º de outubro, os candidatos a prefeito e a vereador estão autorizados a fazer campanha para as eleições 2016, mas devem ficar atentos às restrições impostas pela legislação eleitoral.
As regras para a propaganda em 2016 estão dispostas na Resolução TSE nº 23.457/2015, que também trata do horário gratuito no rádio e na TV e das condutas ilícitas na campanha. As punições para quem cometer irregularidades vão de multa até detenção.
Internet
É permitido fazer propaganda eleitoral na internet em sites do candidato, do partido ou coligação e por meio de mensagem eletrônica para endereços cadastrados gratuitamente por eles mesmos.
O uso de blogs, redes sociais, sites de mensagens instantâneas e assemelhados também está autorizado. Sob qualquer forma, é vedada a propaganda paga na internet.
Som
O uso de alto-falantes ou amplificadores de som em veículos e sedes de partidos ou coligações é liberado das 8 horas às 22 horas. A circulação de carros de som e minitrios, como meio de propaganda eleitoral, devem observar o limite de 80 decibéis de nível de pressão sonora.
Os comícios são permitidos das 8h à meia-noite, mas a Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97) proíbe a realização de showmício e de evento assemelhado para promover candidatos, assim como a apresentação, remunerada ou não, de artistas com a finalidade de animar comício e reunião eleitoral.
Rádio e TV
A propaganda em rádio e TV é restrita ao horário eleitoral gratuito, que começa dia 26 de agosto. A propaganda partidária não será veiculada no segundo semestre.
Jornais e revistas
Os candidatos estão autorizados a fazer anúncios pagos na imprensa escrita, com a respectiva reprodução na internet, de até 10 anúncios de propaganda eleitoral em datas diversas, por veículo, no espaço máximo por edição, para cada candidato, partido ou coligação, de 1/8 de página de jornal padrão e 1/4 de página de revista ou tabloide.
Bens públicos e particulares
É vedada a veiculação de propaganda de qualquer natureza, inclusive pichação, inscrição a tinta, colocação de placas, faixas, estandartes, cavaletes, bonecos e peças afins em bens em que o uso dependa de cessão ou permissão do poder público, ou que a ele pertençam. A proibição se estende aos bens de uso comum, inclusive postes de iluminação pública, sinalização de tráfego, viadutos, passarelas, pontes, paradas de ônibus e outros equipamentos urbanos.
Mesas para distribuição de material e bandeiras ao longo das vias públicas devem ser móveis e não podem dificultar o bom andamento do trânsito de pessoas e veículos – a colocação e a retirada dos meios de propaganda devem ocorrer entre as 6h e as 22 horas.
Já a propaganda em bens particulares pode ser feita somente em adesivo ou papel, com dimensão máxima de meio metro quadrado. Nos carros, são permitidos adesivos micro-perfurados até a extensão total do para-brisa e, em outras posições, adesivos até a dimensão de 50cm x 40cm.
Folhetos e outros materiais
A propaganda eleitoral por meio de folhetos, adesivos, volantes e outros impressos deve ser editada sob a responsabilidade do partido, coligação ou candidato, e deve trazer o CNPJ ou o CPF do responsável pela confecção, bem como de quem a contratou, e a respectiva tiragem. Brindes, camisetas, chaveiros, bonés, canetas, cestas básicas ou qualquer outro bem ou material que possa proporcionar vantagem ao eleitor são vedados pela legislação eleitoral.

Suspeito de matar socorrista do Samu no RN é encontrado morto

G1 RN/O Xerife – Um corpo foi encontrado na zona rural de Lajes Pintadas, no interior do Rio Grande do Norte, na noite desta sexta-feira (12). A Polícia Militar confirmou que o corpo é do suspeito de matar a facadas a socorrista do Samu Ana D’ávila Gomes de Oliveira na última quarta-feira (10), em Santa Cruz.

De acordo com o delegado Silva Junior, o corpo de Josinaldo Gomes da Silva, vulgo ‘Vaqueiro’, tinha sinais de disparos de arma no peito. No local foi apreendida uma pistola, ao lado do cadáver. O delegado solicitou perícia, mas afirmou que existem indícios de suicídio.

A técnica em enfermagem Ana D’ávila Gomes de Oliveira, de 47 anos, foi assassinada a facadas na noite desta quarta-feira (10) em Santa Cruz, a pouco mais de 110 quilômetros de Natal. Ela trabalhava como socorrista do Samu na cidade. Desde o inícios das investigações, a polícia apontava o ex-companheiro da vítima como principal suspeito do crime.

Marta perde pênalti, mas Bárbara pega duas cobranças e leva Brasil à semifinal

O Brasil tentou resolver nos 90 minutos. Tentou resolver nos 120 minutos. Mas resolveu somente na sofrida disputa de pênaltis. E quis o destino que a heroína de hoje fosse a vilã de ontem. Logo Marta desperdiçou a quinta cobrança, mas a goleira Bárbara se redimiu da falha no Mundial de 2015, contra a própria Austrália, defendeu duas cobranças de pênaltis e classificou o Brasil para a semifinal olímpica contra a Suécia, no Maracanã.

*Globo.com