terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Aluna nota 1000 na redação foi aprovada para Medicina da UFRN

Estudante potiguar Carolina Mendes concluiu o ensino médio em 2017 e conseguiu nota 1000 na redação do Enem 2018 — Foto: Arquivo Pessoal
Carolina Mendes Pereira, de 18 anos, obteve nota 1000 na redação e foi aprovada em 11º lugar para o curso de medicina da UFRN, na mesma turma de Pedro. “Vi (o resultado) no computador. Foi muito eufórico, mas fiquei muito aliviada”, conta.
A estudante fez a prova pela segunda vez em 2018. Ela concluiu o ensino médio em 2017. A escolha da medicina como profissão aconteceu depois de um minicurso de anatomia que fez na Universidade Federal, quando ainda cursava o ensino médio.
“Os motivos reais, que talvez antes eu não soubesse e agora tenho com mais clareza, foram aparecendo. Poderia resumir em três pilares: um é a parte de estudo. Eu gosto muito de biologia, de química. Segundo que eu quero muito ser gente que trabalha com gente, poder ter uma perspectiva muito humana, que eu acho que falta muito. E terceiro que eu quero, sempre que puder, dar auxílio à minha família”.
Carolina Mendes afirma que a avó, que sofre de uma demência cognitiva, também foi importante para que tomasse a decisão. “Eu quis ser uma médica na família para ser esse amparo. Minha avó foi muito importante para isso tudo, para ver que eu queria muito poder ajudar”.

Nenhum comentário: