domingo, 30 de novembro de 2014

Transporte universitário de Apodi deverá retornar nesta segunda, diz AENTS

Boa notícia! Depois de muitas discussões e indecisões, o amigo Josemário Alves informa, os estudantes universitários poderão ter o ônibus de volta amanhã, segunda feira!
Os ônibus que conduzem os estudantes universitários de Apodi até Mossoró deverão retomar o serviço nesta segunda-feira, 01 de dezembro. A notícia foi divulgada pela Associação dos Estudantes de Nível Técnico e Superior de Apodi (AENTS), em nota publicada nas redes sociais.
De acordo com o informe, a boa notícia foi repassada à associação pela empresa responsável pelo transportes, no início da tarde.
“Os motoristas que realizam o translado, ainda não conseguiram os certificados, mas outros motoristas que já possuem vão realizar as viagens. Pela manhã, serão dois ônibus por parte do Poder Executivo Municipal, e quatro veículos a tarde. O ônibus com os alunos da UFERSA, irá normalmente”, informa a nota.
Para atender a grande quantidade de estudantes, poderá ser contratado outros ônibus, sendo o pagamentos destes realizados pelos próprios universitários. “Iremos tentar detectar a necessidade total, para saber se os alunos precisarão entrar com contrapartida por parte da AENTS”, conclui a associação.
Os veículos que prestam serviço a prefeitura de Apodi, através do programa Transformação, estão paralisados desde o início do mês de novembro por determinação da Polícia Rodoviária Federal, após constatar irregularidades nos mesmos.
Desde então, os universitários vem tentando chamar a atenção da sociedade para a problemática que está prejudicando centenas de estudantes. Manifestações públicas, panfletagem e entrevistas nos mais diversos meios de comunicação foram algumas das ações realizadas pelos universitários. Algumas reuniões com o chefe do poder executivo municipal também foram feitas, mas sem sucesso.
 
*Fonte: SOS Notícias do RN.

Vândalos depredaram igreja em São Rafael

Segundo a Polícia Militar de São Rafael, na madrugada de hoje (30), uma ou mais pessoas invadiram a matriz de Nossa Senhora da Conceição, quebraram imagens, rasgaram a Bíblia e reviraram toda a igreja, provavelmente em busca de objetos de valor financeiro.

O fato revoltou a população, já que a comunidade católica comemora nesse período a festa da padroeira. Os policiais acreditam que algum suspeito tenha se ferido, já que havia sangue em vários pontos.


*O Xerife.

O América do RN é rebaixado para série C do Brasileirão

Com o América perdendo de goleada para o Paraná por 4x1 e o ABC sendo derrotado pelo Bragantino em Natal por 2x0 não teve como o América escapar do rebaixamento.

O Joinville é o campeão do Campeonato Brasileiro da Série B. O JEC acabou perdendo para o Oeste por 1 a 0, mas contou com o empate, por 1 a 1, entre Náutico e Ponte Preta para ficar com a taça. O Avaí, por sua vez, ficou com a última vaga da zona de acesso, enquanto que o América-RN se juntou ao Vila Nova, Portuguesa e Icasa na Série C da próxima temporada

Os que sobem para série A no próximo ano:

1ºJoinville-SC 70
2ºPonte Preta-SP 69
3ºVasco da Gama-RJ 63
4ºAvaí-SC 62

Os rebaixados para série C são:

17ºAmérica-RN 43
18ºIcasa-CE 43
19ºVila Nova-GO 32
20ºPortuguesa-SP 25.


*JBelmont.

Energia: PLANTAS ADAPTADAS AO SEMIÁRIDO POTIGUAR PODEM IMPULSIONAR PRODUÇÃO DE BIODIESEL, APONTA ESTUDO DA UFRN

Por Luciano Galvão Filho

Duas espécies de plantas bem adaptadas ao semiárido podem incrementar a produção de biodiesel no estado, segundo pesquisa da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Em estudo conduzido em Apodi, na região Oeste, as culturas do cártamo e da faveleira têm mostrado potencial tanto para serem matérias-primas da extração de óleo, quanto para tornarem-se alternativa de renda para agricultores potiguares.

A ideia é encontrar um cultivo viável para áreas onde a agricultura tradicional enfrenta dificuldades em se estabelecer, devido ao solo empobrecido e ao clima severo da região. Ao mesmo tempo, o projeto quer somar novas variedades de vegetais às matrizes de biocombustíveis brasileiras, com duas novidades: serem espécies apropriadas à lavra no semiárido e que não competem com a plantação de alimentos.

Juliana Espada Lichston, coordenadora do trabalho e professora do Departamento de Botânica e Zoologia da UFRN, explica que as análises avaliam, em detalhes, desde o cultivo das espécies até a capacidade das sementes em serem usadas na produção de biodiesel. Entre outros pormenores, as investigações preocupam-se com fatores como o tempo que as plantas levam para crescer e dar frutos, as características que as tornam mais resistentes às condições extremas, os métodos ideais para armazenar as sementes e a qualidade do óleo extraído.

“Nossa intenção é levar os resultados encontrados para cooperativas, a princípio em Apodi, onde o projeto começou, mas depois para todo o estado”, projeta Juliana Lichston. “Assim conseguiremos alcançar o maior número possível de agricultores familiares, pequenos produtores que hoje desenvolvem outras culturas, algumas delas problemáticas”, afirma.

A pesquisa conta com financiamento do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Os recursos destinados ao projeto são de aproximadamente R$ 500 mil. No estudo, desenvolvido em parceria com o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia (IFRN), o cártamo e a faveleira são cultivados em uma área de aproximadamente um hectare no município do Oeste Potiguar, onde encontram-se distribuídos em diferentes cenários: plantadas juntas ou separadamente, com ou sem irrigação.

Os dados coletados em campo são complementados com experimentos conduzidos em laboratórios da Universidade e comparados a relatos registrados na literatura científica especializada. Os primeiros resultados aferidos são considerados promissores pelos membros da pesquisa.

Anastácia Vaz
Juliana Lichston, coordenadora do trabalho, explica que análises avaliam capacidade das sementes em serem usadas na produção de biodiesel

“São duas espécies de grande potencial para o semiárido. A faveleira é nativa, é uma árvore, perene, que você cultiva, ela cresce e fica a vida toda. Já o cártamo, cultivado tradicionalmente no Sul do Brasil, responde às condições da região acelerando seu ciclo de vida, que passa a ser de dois meses e meio”, comenta Juliana Lichston. “Isso é excelente, porque o produtor consegue rapidamente ter as sementes para a venda ou para a produção de óleo”, avalia.

“Nosso objetivo é aliar as duas plantas, uma de ciclo rápido e uma perene, para ver o quanto elas podem render de fato para os produtores”, continua a coordenadora da iniciativa. “As duas espécies, tanto o cártamo quanto a faveleira, têm um teor altíssimo de óleo, e um óleo muito bom pra biodiesel”, analisa.

Atualmente a participação do cultivo de plantas voltadas à produção de biocombustível na economia do estado “é praticamente zero”, afirma Antônio Carlos Magalhães Alves, coordenador de Agropecuária da Secretaria de Agricultura do Rio Grande do Norte. Segundo o gestor, iniciativas em anos anteriores experimentaram as culturas da mamona e do girassol, mas fracassaram por fatores técnicos e econômicos.

Apesar do cenário pouco desenvolvido, Antônio Carlos acredita que há potencial para crescimento. “A demanda por oleaginosas é grande. Tanto que, hoje, a planta da Petrobras em Guamaré compra soja de outros estados para a extração de biodiesel”, relata.

Transdisciplinaridade
Além de preocupar-se com a aplicação dos estudos na agricultura familiar e na capacidade dos vegetais examinados transformarem-se em fonte de renda sólida para pequenos produtores, as análises desenvolvidas na UFRN também pretendem identificar as características das plantas que as tornam resistentes a condições rigorosas de solo e de clima, assim como entender de que forma elas conseguem produzir boas quantidades de óleo nessas ciscunstâncias.

João Paulo Matos Santos Lima, colaborador do projeto e professor do Departamento de Bioquímica da UFRN, explica que são verificadas sementes em fase inicial. Observam-se genes expressos que apresentem diferenças em relação às espécies atualmente exploradas comercialmente, como a soja e o milho, que possam significar maior resistência à seca, ao solo salino e à alta temperatura.

“A ideia é compreender o metabolismo”, diz João Paulo Lima. “Em etapas posteriores, bem posteriores mesmo, poderemos identificar o potencial desses genes serem inseridos em outras plantas e partir para outra estratégia, voltada à biotecnologia, como, por exemplo, produzir uma soja com melhor rendimento e menor necessidade de água. É um caminho muito longo, mas o pontapé inicial é esse que estamos dando”, comenta.

O pesquisador também avalia a longevidade das sementes em diferentes condições de armazenamento, aquelas normalmente utilizadas por pequenos agricultores. A análise verifica as consequências do envelhecimento das sementes no vigor para germinação e na quantidade de óleo disponível.

Marta Costa, professora do Instituto de Química da UFRN, participa do estudo e relaciona as caracetrísticas do plantio do cártamo e da faveleira com as características químicas do óleo extraído a partir de suas sementes. A quantidade de óleo presente nas plantas, o tempo de vida e a qualidade do combustível produzido são examinados pela cientista, que observou, no óleo retirado do cártamo, propriedades semelhantes às de outros vegetais. “O cártamo é adequado para comercialização, assim como a soja e o girassol, já consolidados no mercado para a produção de biodiesel. Ele é competitivo, com uma grande vantagem: é uma espécie que não concorre com a produção de alimentos”, pondera Marta Costa.

As análises da faveleira, por sua vez, encontram-se em fase inicial, com conclusão prevista para 2015. “Pela primeira vez, teremos resultados que correlacionem o cultivo na região com a qualidade do óleo, e isso é muito interessante”, afirma.


Juliana Lichston
Pesquisa analisa a possibilidade do volume de gás carbônico capturado ser convertido em créditos de carbono, que podem agregar rentabilidade à produção


Outros benefícios

Além da viabilidade para cultivo em regiões quentes e secas, a faveleira também é capaz de recuperar nutrientes do solo de ambientes degradados, o que os torna, em parte, mais férteis. De acordo com Juliana Espada Lichston, esse foi um dos motivos que levaram à escolha da espécie para a pesquisa.

“O semiárido nordestino tem em torno de 60% a 65% de área em processo de desertificação. É uma questão ambiental delicada se pensarmos que há uma grande população que vive naquela região”, diz a cientista. “Plantas que melhorem esse processo, que consigam recuperar em parte esse solo, precisam ser estudadas”, analisa.

Outro aspecto investigado é a capacidade das culturas analisadas de remover gás carbônico da atmosfera, o que é conhecido como sequestro de carbono. A pesquisa liderada por Juliana Lichston avalia a possibilidade do volume de gás carbônico capturado ser convertido em créditos de carbono, que, se negociados no mercado internacional, podem agregar rentabilidade à produção.

“É uma tendência mundial os produtores rurais comercializarem créditos de carbono”, relata a coordenadora. “Existem alguns marcos regulatórios no país sobre como negociar os créditos e a nossa intenção é dar toda a orientação aos produtores”, planeja.

KID ABELHA: GRANDE HOTEL !!!!


KID ABELHA: COMO EU QUERO!


174ª Morte violenta na cidade de Mossoró: Moto taxista foi morto no parque das Rosas no Santa Delmira

A cidade de Mossoró, no Oeste do Rio Grande do Norte, registrou no início da noite de sábado, 29 de Novembro, o 2º crime de homicídio do dia e o 12º do mês que ainda não terminou.

O moto taxista Alcimar Marques da Silva de 40 anos de idade residente na Rua Santa Isabel no Promorar, foi morto na esquina da Rua Flores de Laranjeiras no Parque das Rosas na região do conjunto Santa Delmira.

Segundo informações, Alcimar trabalhou muito tempo como Garçom no Bar do Trevo na entrada do conjunto Santa Delmira, mas já há algum tempo estava trabalhando como moto taxista no bairro.

A Polícia recebeu informações que Alcimar chegou ao local tentando fugir dos atiradores. Após os disparos, barulhos de uma motocicleta em fuga foram ouvidos, mas ninguém viu nada. Na polícia não há registro de delitos praticados pela vítima.

A possibilidade de crime de latrocínio não está descartada, mas aparentemente nada foi levado da vítima. A família tem informações se Alcimar vinha sofrendo algum tipo de ameaças.

Após os procedimentos realizados no local pela Polícia Civil e pela equipe do Instituto Técnico e Científico de Polícia, Itep, o corpo foi removido e será necropsiado na sede do órgão em Mossoró.


*Informações e imagens: O Câmera.

  Veja a galeria de fotos

Vitória de Camila: de rebelde a campeã

O roteiro da vida de Camila Vitória Xavier, 13 anos, é como o de um filme: uma garota problemática no colégio é convidada para iniciar uma atividade esportiva, se apaixona pelo esporte e acaba se transformando numa grande campeã. Dessa vez a vida é quem está imitando a arte, para satisfação do professor Alexandre Magno, que no final de semana passada viu a sua aluna se transformar em campeã sul-americana de judô, em Lima no Peru.
Junior Santos

Camila Vitória Xavier, de 13 anos
A menina que já tem a Vitória como sobrenome, vem sendo considerada como um verdadeiro achado para o judô potiguar, pois com um ano e meio de treinos ela já conseguiu um cartel que, para o técnico e professor Alexandre Magno, é de impressionar.

“É muito raro um atleta com tão pouco tempo de treinamento estar pronto para competir. Camila é muito dedicada, sabe que chegou depois de suas oponentes no judô e, por isso, deve se dedicar mais e assim vem conseguindo surpreender as adversárias que, tecnicamente, são mais qualificadas”, ressalta.

Foi um apelo de uma mãe desesperada, que pode ter dado ao Rio Grande do Norte a chance de conhecer uma atleta de bastante futuro e que, se não desanimar por algum motivo e seguir na carreira com dedicação, terá uma grande oportunidade de estar representando o Brasil na Olimpíada de 2020.

“A mãe de Camila é empregada na casa de dois alunos meus, que falaram sobre o problema dela com a filha que estava dando muito trabalho na escola. Faltando aula e até pulando os muros para fugir da escola. Diante da situação pedi para que eles trouxessem a menina para treinar sem pagar nada, com bolsa integral com a turma no Colégio CEI. Como o Judô é um esporte que exige muita disciplina, bastou apenas eu dar essa explicação para ela. Dali em diante eu não tenho nada a reclamar, ela me dá motivos apenas para elogios”, salientou Alexandre.

Fenômeno
Com alguns meses treinando, ela já conseguia bater adversárias que para muitas alunas até com mais tempo de judô, eram imbatíveis. Com a melhoria de sua condição técnica, Camila passou a fazer jus a um dos sobrenomes e acumulou vitorias. Primeiro foi campeã dos Jern’s disputando a competição pelo Colégio Municipal Luiz Maranhão Filho, em Parnamirim. Depois vieram o terceiro lugar nos Jogos Brasileiro da Juventude, em Londrina (PR) e o vice-campeonato brasileiro, no Amapá, resultado que a credenciou como a representante feminina da categoria sub-15 no Sul-americano.

“Um atleta do Nordeste, ainda mais do RN, fazer parte de uma seleção brasileira já podemos dizer que é uma dificuldade muito grande. Ela ainda chegar lá e trazer o título sul-americano, é outro feito maior ainda. Há cinco anos não se via nenhum potiguar conseguir uma escalada como essa”, comemora o treinador.

Segundo Alexandre Magno, Camila reúne condições que fazem parte do histórico de vida dos grandes atletas, aquelas pessoas diferenciadas. Primeiro assimila muito bem as coisas que são passadas para ela, segundo é dedicada e não se esconde do treinamento, terceiro é o jeito tímido. “As pessoas muito extrovertidas por serem assim geralmente desviam o foco, ela não. A timidez de Camila faz ela manter o foco fixo naquilo que deve fazer na luta”, explica Magno.

Mas o sucesso dessa menina talvez não tivesse rompido os limites do Rio Grande do Norte se não fosse o apoio do grupo de pais dos alunos do Colégio CEI (Romualdo Galvão), que através de cotas e apoio de algumas empresas conseguiram levantar os recursos suficientes para oportunizar Camila Vitória mostrar todo seu talento no Peru. A viagem da atleta junto com a do seu treinador beirou a casa dos R$ 8 mil, recursos levantados com cotas e a participação de empresas como a Academia Arena, Dois A Engenharia, Locainfo, Shopping Cidade Jardim, Arabella Turismo e o próprio CEI.

A campeã sul-americana, que sequer saiu da faixa azul, já despertou a cobiça de representantes de outros estados, mas Alexandre Magno acredita que é muito cedo para deixar a atleta sair. “Tenho muito cuidado com essas coisas. Primeiro por ela ser uma garota imatura ainda, então quando envolve mulher nós temos de ser mais criteriosos com isso. Outro ponto é que no nosso estado nós temos uma estrutura boa para trabalhar o aluno num nível bom até a categoria sub-18. Depois desse patamar, quem for bom e tiver meta de ser atleta olímpico deve sair mesmo e passar a treinar com pessoas que têm foco e participam da seleção brasileira. A oportunidade dela ainda vai chegar”, afirma.
 

*Fonte: Tribuna do Norte/Blog do Robson Freitas.

ACIDENTE NA BR 405 COM ÔNIBUS DA EMPRESA JARDINENSE

Um ônibus da viação Jardinense que saiu de Caicó na manhã deste sábado se envolveu em um grave acidente com um veiculo modelo corsa classic com placas de Jucurutu, na Rodovia Federal BR-405 entre as cidades de Pau dos Ferros e São Francisco do Oeste na região do Alto Oeste do Rio Grande do Norte.
O acidente do tipo colisão frontal deixou o condutor do veículo corsa preso nas ferragens sendo preciso o auxílio do Corpo de Bombeiros e do SAMU da cidade de Pau dos ferros para fazer o trabalho de desencarceramento.

Segundo informações, a vitima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para o Hospital Regional Dr. Cleodon Carlos de Andrade (HRCCA) na cidade de Pau dos Ferros. Ainda de acordo com informações, o condutor ainda não identificado pela reportagem, teve fratura exposta na tíbia direita mas está bem e consciente.

Os passageiros do micro-ônibus da viação Jardinense não sofreram ferimentos graves ficando o susto e os danos materiais também no Ônibus. A Policia Rodoviária Federal esteve no local e fez o registro do acidente.

*Informações: Jair Sampaio.

sábado, 29 de novembro de 2014

HOMEM COM PROBLEMAS PSICOLÓGICO MATA AGRICULTOR A GOLPES DE ROÇADEIRA NA ZONA RURAL DE SÃO MIGUEL/RN.

O agricultor Cícero Rufino Sobrinho de 66 anos de idade, conhecido por Cícero Alves, foi assassinado no início da manhã deste sábado (29) com vários golpes de roçadeira desferidos pelo também agricultor Rosimar Benvindo da Silva de 42 anos de idade. O fato ocorreu em uma estrada carroçável no Sítio Riacho Fundo na Zona Rural de São Miguel.

Segundo informações por volta das 06hrs, o senhor Cícero Alves como fazia todas as manhãs foi buscar uma carga de capim em sua propriedade, momento em que foi advertido por um vizinho que informou que a pessoa de Rosimar andava pela estrada de posse de uma roçadeira e que estava com problemas psicológicos.

Sem medo, o agricultor seguiu o caminho de volta para sua casa quando no percurso foi abordado pelo acusado que desferiu três golpes com a roçadeira, atingindo-lhe no braço, pescoço e cabeça, provocando o óbito ainda no local. Após o ato o acusado seguiu pela estrada com a arma usada no crime assustando e ameaçando os moradores da localidade que de imediato acionaram a Polícia Militar de São Miguel.

Transtornado, o acusado caminhou por cerca de 500 metros de distância do local do crime, até que um morador conseguiu convencer o mesmo a soltar a arma e ao se aproximar da porteira de entrada da residência o morador conseguiu lhe segurar e juntamente com outras pessoas o imobilizaram até a chegada da Polícia que realizou a prisão do mesmo e o conduziu até o presídio regional na cidade de Pau dos Ferros, onde permanecerá a disposição da justiça.

Uma equipe do Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (ITEP) compareceu ao local e removeu o corpo da vítima conduzindo-o até a sua sede na cidade de Mossoró para a realização dos exames necropsiais.

De acordo com informações de familiares do acusado, o mesmo está com problemas psicológicos desde a sua separação ocorrida recentemente, inclusive o mesmo teria passado toda a sexta-feira (28) internado no Hospital Municipal de São Miguel, sendo liberado no final da tarde de ontem.


*Informações: São Miguel News

*Fotos: Nazaré News.

Alunos brasileiros perdem em média um dia de aula por semana por conta de desperdício de tempo em sala de aula

Alunos brasileiros perdem em média um dia de aula por semana por conta de desperdício de tempo em sala de aula, gasto com atrasos, excesso de tarefas burocráticas (fazer chamada, limpar a lousa e distribuir trabalhos) e em aulas mal preparadas pelo professor - tempo este que deixa de ser gasto com o ensino de conteúdo.

Essa foi uma das principais conclusões de um estudo recém-lançado pelo Banco Mundial que analisou o trabalho de professores na América Latina e seu impacto sobre a qualidade do aprendizado, a formação dos alunos e o desempenho desses países em rankings internacionais de educação.
 

*Após licença médica, 14 mil professores não voltam às salas de aula de SP
*1 em cada 4 professores de escolas públicas brasileiras é temporário, diz Ipea
 *Ensino médio piora em SP, MG e mais 14 Estados, diz índice de qualidade do MEC

A pesquisadora Barbara Bruns, uma das autoras do estudo, lembra que o tempo de interação entre aluno e professor é o momento para qual se destinam, em última instância, todos os investimentos em educação. "Nada desse investimento terá impacto na melhoria do aprendizado, a não ser que impacte sobre o que ocorre na sala de aula", diz ela.

O Banco Mundial avaliou 15,6 mil salas de aula, mais da metade delas no Brasil (classes dos ensinos fundamental e médio em MG, PE e RJ), e calcula que, em média, apenas 64% do tempo da classe seja usado para transmissão de conteúdo, 20 pontos percentuais abaixo de padrões internacionais. Confira a entrevista que Bruns, estudiosa da educação brasileira há 20 anos, concedeu por telefone à BBC Brasil:

BBC Brasil - O fato de um tempo tão significativo de aula ser perdido ajuda a explicar o desempenho abaixo da média dos países latino-americanos em avaliações internacionais?

Barbara Bruns - Sim, definitivamente é um fator. Em escolas no leste da Ásia, Japão, Cingapura, Finlândia e Alemanha, você não vê professores chegarem à sala de aula sem um material pronto, sem essa percepção de que o tempo precisa ser usado para ensinar e manter os alunos engajados, algo crucial para o aprendizado. E com frequência nas salas de aula da América Latina parece haver uma falta de organização por parte do professor.

Não parece haver a percepção da limitação do tempo e do que economistas chamam de custo de oportunidade de não usar esse tempo para o ensino. E o tempo entre alunos e professores na sala de aula é o ponto em que culminam todos os investimentos em educação: gastos com salários dos professores, com a formulação do currículo escolar, infraestrutura, material, gerenciamento. Nada desse investimento terá impacto na melhoria do aprendizado, a não ser que impacte no que ocorre na sala de aula. Vemos que na América Latina muitos países gastam uma proporção alta de seu PIB na educação, e não estão obtendo resultados porque esses investimentos não estão sendo usados (para aprimorar) o momento que os professores têm com os alunos.

Se professores estão perdendo 20% do tempo de instrução com os estudantes, é como dizer que estão sendo perdidos 20% dos investimentos em educação, porque não estão sendo usados para o ensino.

BBC Brasil - Como resolver isso?

Bruns - Primeiro, mudar a forma como o professor é preparado antes de entrar ao sistema de ensino. Na América Latina, há muito pouca ênfase (nos cursos preparatórios) sobre como gerenciar uma sala de aula, como ser um professor eficiente. Ouço com frequência de ministros e autoridades: as faculdades de pedagogia falam muito de filosofia, história da educação, das disciplinas (do currículo), mas muito pouco sobre a prática do ensino. Fazendo uma analogia com a medicina, ninguém ia querer um médico que fosse treinado apenas em história da medicina e em questões teóricas. Médicos passam vários anos aprendendo como lidar com pacientes reais. Os professores precisam dessa mesma oportunidade de praticar.

E o que vemos em sistemas educacionais de alta performance, desde Cuba – que tem boa tradição de treinamento de professores – ao leste da Ásia e ao norte da Europa, é que professores em treinamento passam muito tempo observando outros professores e sendo orientados. Isso quase não ocorre na América Latina.

Outra coisa que precisa mudar é o apoio a professores que já estão em sala de aula. Eles precisam receber "feedback" sobre sua performance, ver bons exemplos e ser estimulados a compartilhar conhecimento. O Rio está fazendo isso no Ginásio Experimental Carioca (projeto que traz mudanças em gestão e currículo escolar nos anos finais do ensino fundamental da cidade), mudando o calendário escolar para criar momentos em que os professores se reúnem para trabalhar juntos; ou colocando professores novos para observar os melhores e mais experientes. Uma das descobertas mais importantes e surpreendentes de nossa pesquisa é que, dentro de uma mesma escola, há grande variação na forma como os professores ensinam – desde o professor excelente até o que é muito pouco eficiente. Por isso, é preciso encontrar formas de estimular os professores a trabalhar juntos na escola, como fazem no Japão e na Finlândia.

O Banco Mundial tem um projeto com a Secretaria de Educação do Ceará para criar uma comunidade de aprendizado dentro de cada escola. Daqui a um ano saberemos que tipo de impacto isso terá (no ensino) de 350 escolas.

BBC Brasil - A preparação de professores é um dos maiores desafios educacionais da América Latina?

Bruns - Uma das estratégias mais importantes de curto prazo na região deve ser o treinamento de professores para que eles usem o tempo de aula de forma mais eficiente e, além disso, mantenham os estudantes engajados. Ao observar as salas de aula, descobrimos que, mesmo enquanto os professores estão ensinando, metade do tempo eles não conseguem manter os alunos focados no conteúdo. Víamos os estudantes dormindo, digitando no celular, conversando entre si, olhando pela janela.

E isso jamais seria permitido pelos professores do leste asiático, por exemplo – eles estariam dando um jeito de fazer com que todos estivessem engajados. Sabemos que, para aprender, os estudantes têm de estar engajados. No longo prazo, porém, o desafio é atrair um novo tipo de profissional à carreira de professor: fazer com que ela seja uma carreira atraente para os formandos de melhor performance (acadêmica), como acontece na Finlândia e Cingapura. Daí ficará muito mais fácil obter professores excelentes. Já na América Latina e nos EUA, a profissão ficou tão degradada que os professores acabam sendo recrutados entre estudantes de pior performance. Ou seja, é necessário criar incentivos para que pessoas com bom desempenho escolham a carreira.

E também acho que, quanto aos aumentos salariais – e há muitas evidências de que os salários dos professores precisam aumentar para atrair pessoas competentes -, eles devem ocorrer de forma diferenciada (de acordo com o desempenho). Não pode ser que professores bons e professores ruins ganhem a mesma coisa. É preciso criar incentivos para que as pessoas trabalhem melhor e para que os mais inteligentes entrem na profissão. Na América Latina, a maioria das promoções de carreira é com base em tempo de casa, em vez de desempenho. Então em alguns casos, dois professores ganham o mesmo salário, mas um faz um trabalho excelente e outro não faz nada.

A cidade de Washington fez uma grande reforma educacional, estabelecendo claros parâmetros para a excelência de professores e avaliando professores segundo esses parâmetros. Os que não os cumprissem eram demitidos ou tinham um ano para melhorar seu desempenho. Já os excelentes tiveram seus salários dobrados.

Passados quatro anos, mesmo em meio a polêmicas, os professores gostaram (do projeto), e o desempenho dos alunos de Washington passou a estar entre os melhores do país. Mas é bom acrescentar que o Brasil vive um momento empolgante: muitos secretários de educação e prefeitos querem fazer mudanças. Vemos diversas experimentações e inovações promissoras pelo país. Se conseguirmos medir esses experimentos, teremos (armas) poderosas. Nos 20 anos que estudo o Brasil, pude ver muitos avanços. Mas obviamente há muito a melhorar.


*IG.

INACREDITÁVEL!! FUNCIONÁRIO PÚBLICO DE APODI TEVE TRÊS MUDANÇAS DE LOCAL DE TRABALHO TRÊS VEZES NUM ÚNICO DIA

O funcionário público e também radialista, registrou em sua página na rede social a mudança de local de serviço durante três vezes em um único dia.

Veja:
"Hoje quinta feira fui transferido do local de trabalho na prefeitura de Apodi mais uma vez, era lotado na praça são Francisco, depois fui secretaria de ação social, depois para secretaria de saúde, depois para o caps, depois para o ginásio todas as situações durante a noite, aí resolveram mudar de novo, fui para secretaria de urbanismo durante o dia, depois fui para o cemitério público, só entra com autorização por escrito.......
De novo, mudaram mais uma vez, agora na volta do almoço a orientação que eu fosse para o SAMU, estou por aqui nessa quinta feira nublada....

Bis, ás 14:00hs em mais uma contra ordem voltei para o ginásio de onde eu era, só que ainda durante o dia, e assim eu vou vivendo..........hoje tem 100 litros de leite e as folhas da jaramataia a partir das 17:00hsno programa Noticias de hoje."
Em contato com a equipe do blog o radialista disse que está pronto para trabalhar aonde for necessário, mas que estava triste neste dia, não pelo fato das mudanças, mas pela morte de uma das três gêmeas do Sítio Carrilho, zona rural de Apodi e que ele ajuda mensalmente no seu programa de rádio.

*Fonte: http://jairgomesapodi.blogspot.com.br/

CONVITE DE CANTORIA!!!


A NOVELA DO TRANSPORTE UNIVERSITÁRIO DE APODI CONTINUA

Da AENTS: Estamos tendo a OPORTUNIDADE de fugirmos do sentimento político partidário, e abraçar os interesses coletivos dos universitários e técnicos de APODI. Expressamos o sentimento de quem apareceu no momento reivindicatório nas ruas. Vamos construir com a sociedade e o Poder Público Municipal, um projeto que congregue todos a partir da autonomia total da AENTS.

Do DCE (Diretório Central dos Estudantes) da UERN:
Estudante Universitária Karoline Paiva: Acredito que se o executivo da nossa cidade passou um ano sem nos ouvir, sem pedir nossa opinião, não será agora que irá começar, a questão dos cadastro é a seguinte queremos primeiramente discutir e decidir que alterações serão feitas na lei e Se Essas alterações virão em favor de todos para poder fornecer os dados a prefeitura... Creio q não seja pedir demais q cheguemos a um consenso para poder fornecer os dados e a escolha é livre faz quem quer porém já deixo claro aqui que se a lei for alterada da maneira que a PMA deseja a maioria dos universitários sairá perdendo. Mais a opinião é de cada um.

COMUNICADO:

Convocamos todos os estudantes (técnicos e universitários) a se fazerem presentes na Praça Getúlio Vargas neste sábado, 29/11, às 08:00 horas. Objetivo: tratar de assuntos do interesse de todos. Atenciosamente, comissão da AENTS!

173ª Morte violenta em Mossoró: Travesti foi morto a golpes de faca peixeira em Mossoró

 
Uma confusão na saída de um Motel terminou com um travesti morto e outro esfaqueado em Mossoró no Rio Grande do Norte. O crime foi registrado na manhã de sábado 29 de Novembro 2014, às margens da Br 304 próximo ao viaduto de acesso ao Shopping e a Universidade Potiguar.

Segundo informações, um travesti identificado como “Natália” natural do estado do Ceará, saiu de um motel discutindo com um cliente e já no meio da rua a discussão terminou em pancadaria. O cliente foi embora e voltou armado com uma faca peixeira e continuou a briga com “Natália”, que foi esfaqueada pelo suposto cliente.

Outro travesti, Antônio Silvestre conhecido como "Patrícia" de aproximadamente 35 anos de idade, natural do estado do Maranhão, saiu em defesa e foi morto pelo cliente do amigo. Ele sofreu 4 perfurações e morreu no local. Natália foi socorrida para o Tarcísio Maia.

Ainda segundo informações o acusado estava de motocicleta e fugiu logo após a prática do crime. O Delegado de Plantão, Bacharel Teixeira Junior, começou as investigações ouvindo no local, os amigos das vítimas e disse que vai solicitar as imagens do sistema de câmeras de segurança do Motel para tentar identificar e prender o acusado. 


*Informações e imagens: O Câmera.
"Natália" supostamente causador da confusão sofreu três cutiladas e foi socorrido para o Tarcísio Maia.

  Veja a galeria de fotos

Ministro é citado em depoimentos de investigação sobre fraude de terras

O nome do ministro da Agricultura, Neri Geller, foi citado por diversas vezes em depoimentos de testemunhas de processo da Justiça Federal de Mato Grosso sobre invasão e negociação de terras públicas da União destinadas à reforma agrária no estado. Na quinta-feira (27), a Polícia Federal deflagrou a Operação Terra Prometida, que investigou pelo menos 13 fazendeiros e empresários suspeitos de explorar terras destinadas à reforma agrária na região de Itanhangá (cidade a 447 km de Cuiabá) para monoculturas, como de soja e de milho. A acusação é do Ministério Público Federal (MPF), que solicitou à Justiça a expedição de 52 mandados de prisão.

O suposto envolvimento do ministro da Agricultura, Neri Geller, é decorrência de depoimentos de testemunhas que relataram que Geller seria proprietário de pelo menos dois lotes de um assentamento em Itanhangá destinado à reforma agrária, mas que teria sido ocupado por políticos por fazendeiros e políticos da região norte do Mato Grosso.

A Polícia Federal divulgou nota nesta sexta-feira (leia a íntegra ao final desta reportagem) informando que o ministro não foi investigado na operação. Devido às citações de Neri Geller nos depoimentos, o juiz federal Fabio Henrique Rodrigues de Moraes Fiorenza, da Subseção Judiciária de Diamantino (MT), remeteu no final de agosto o processo para o Supremo Tribunal Federal (STF), única instância da Justiça autorizada a investigar ministros de estado.

Segundo a nota da Polícia Federal, “o Ministério Público Federal no Mato Grosso submeteu a aludida apuração ao Supremo Tribunal Federal que, após análise, devolveu os autos à primeira instância para prosseguimento da operação”.


*O Xerife.

Garibaldi Filho libera Izabel Montenegro e Alex Moacir

Vereadores do PMDB de Mossoró são autorizados a apoiarem governo Francisco José Júnior
A vereadora Izabel Montenegro (PMDB) se reuniu com o ministro da Previdência Social, Garibaldi Filho (PMDB).

O encontro aconteceu em Natal, nesta sexta-feira, 28.


Em pauta um possível apoio de Izabel e do também vereador do PMDB, Alex Moacir ao governo do prefeito Francisco José Júnior (PSD).

– Na conversa com Garibaldi Filho tratamos do nosso futuro político quando destacamos o bom relacionamento que sempre tivemos com o prefeito Francisco José Júnior -, informa Izabel.

Ela explica que Garibaldi considerou natural que tanto ela quanto Alex ofereçam apoio ao prefeito Francisco José Júnior, que também já externou publicamente a boa convivência com os vereadores do PMDB.

Izabel Montenegro destaca que no encontro reafirmou sua posição de liderada de Garibaldi e do presidente estadual do PMDB, Henrique Eduardo Alves.


*Carlos Skarlack.

ABERTURA DA FESTA DA PADROEIRA DE APODI ACONTECE COM MOTOROMARIA

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Criador de 'Chaves', Roberto Gomez Bolaños morre aos 85 anos

Morreu nesta sexta-feira (28) o ator Roberto Gomez Bolaños, criador dos personagens Chaves e Chapolin. A informação é da rede de TV mexicana Televisa. O ator, diretor, produtor tinha 85 anos. A emissora não divulgou as causas da morte.

Reprodução/Televisa

Roberto Gomez Bolaños faleceu aos 85 anos em Cancún, no México
Em fevereiro deste ano, quando Roberto Bolaños completou 85 anos, um parente confirmou à agência de notícias Efe que a saúde dele é “frágil” e que ele permanecia quase o tempo todo na cama, com acompanhamento 24 horas por dia. “Mas é um homem forte, que não perde o senso de humor”, disse o parente, que preferiu não se identificar.

Roberto Bolaños tirou seu apelido do dramaturgo William Shakespeare, cujo diminutivo em Espanhol era "Chespirito". Há alguns anos, ele se mudou para Cancún, no México, junto com a mulher Florinda Meza, a Dona Florinda da série.

"Roberto, você não vai, permanece em meu coração e em todos os corações de tantos a quem fez feliz. Adeus Chaves para sempre", disse no Twitter o ator Edgar Vivar, que interpretou o Senhor Barriga.

Obra

 
Roberto Bolaños foi o criador do mais importante personagem do entretenimento da América Latina. Chaves, ou 'Chespirito', se tornou um ícone que transcendeu gerações. No Brasil, o seriado protagonizado pelo menino que vive em barril dentro de vila é exibido há 30 anos. No mundo, o trabalho já dublado em mais de 50 idiomas.

No cinema, Bolaños participou de cerca de 50 filmes, tendo atuado em 11.

Além de atuar, Chespirito era também escritor, produtor de TV, cineasta e diretor de teatro.


*TN

Policia Rodoviária Federal prendeu uma mulher na BR-304, com dois quilos de droga chegando em Mossoró.

Prisão aconteceu no município de Mossoró, na região Oeste do estado.
Suspeita estava em um táxi e levava a droga escondida em uma bolsa.
 
Uma mulher foi presa na tarde de quinta-feira 27 de Novembro, com aproximadamente dois quilos de crack dentro de um táxi na BR-304, em Mossoró, região Oeste do Rio Grande do Norte. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a droga estava dentro de uma bolsa que a suspeita carregava no veículo.

De acordo com a PRF, a mulher é uma jovem de 25 anos. A apreensão aconteceu no quilômetro 48 da rodovia, no posto, na entrada da cidade. A suspeita informou que vive na comunidade do Maruim, localizada no bairro das Rocas, zona Leste da capital potiguar e se mostrou despreocupada por ter sido flagrada com o conteúdo.

A jovem foi autuada pelo crime de tráfico de drogas. Ainda segundo a PRF, ela informou já ter passagem pelo sistema prisional. O material e a suspeita foram encaminhados para a Delegacia de Narcóticos (Denarc) de Mossoró.

Portal G1/O Câmera.

Escola Estadual Sebastião Gomes irá desenvolver Projeto em parceria com UFERSA, Baobá, Fundação Unibanco

Na ultima terça dia 25/11 recebemos a honrosa vista do professor Linconly da UFERSA, com ele as alunas do curso de Educação para o Campo Alcinete Menezes Akidália Morais Akelina e Marcia Morais. Que irão desenvolver no próximo ano o Projeto "Gestão Para Equidade Juventude Negra" uma parceria UFERSA, Baobá, Fundação Unibanco e Escola Estadual Sebastião Gomes. A direção da escola agradece pela visita e diz: sejam bem vindos, estamos ao dispor! O Fundo Baobá para Equidade Social, em parceria com o Instituto Unibanco e a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), em parceria com a Escola Estadual Sebastião Gomes de Oliveira, desenvolvera em 2015 o Projeto “Gestão Escola para Equidade - Juventude negra”, que tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento e a implementação de práticas inspiradoras de gestão escolar que busquem elevar resultados educacionais de jovens negros e negras. Segundo o edital da ABCR, são escolas públicas de ensino médio, e também organizações da sociedade civil com experiências na área de educação e superação das desigualdades raciais e que tenham parcerias com escolas públicas. 

Fonte: http://eesgomes.blogspot.com.br/

172ª Morte violenta em Mossoró: Jovem baleado na noite de ontem morreu no Tarcísio Maia


O Jovem Antônio Samuel Lenick de Oliveira de 20 anos de idade, morador do bairro Bom Jardim em Mossoró no Rio Grande do Norte, morreu na madrugada de hoje, 28, no Hospital Regional Tarcísio Maia, para havia sido socorrido. Ele sofreu dois disparos na noite de ontem, 27 de Novembro, na Avenida Alberto Maranhão, nas Barrocas.

Ontem por volta de 20 horas as Centrais de Regulação do Samu e de Operações da Polícia Militar foram acionadas para uma ocorrência de disparos de arma de fogo com uma pessoa ferida. Samuel foi encontrado caído ao lado de uma motocicleta, próximo a Gelice, na Avenida Alberto Maranhão.

Segundo o medico Intervencionista do Samu, Dr Dixon, que realizou os primeiros procedimentos, o estado de saúde dele, Samuel era considerado grave. Ele foi entregue no Hospital Regional Tarcísio Maia desorientado e ainda consciente, mas não resistiu. 
 
*O Câmera.

SÓ NO RELAX “Não existiu sequestro, apenas ele quis dar um tempo nos problemas”, disse sobrinho

A notícia do aparecimento do empresário Zuilton Barbosa de Melo, 59 anos, sem dúvida, trouxe alívio para a família, amigos e parentes. Contudo, a explicação do ‘sumiço’ deixou muita gente perplexa. Não houve, portanto, sequestro. Após três dias de aflição para a família, Zuilton resolveu acabar com seu ‘relax’ em uma pousada localizada em São Miguel, na região do Alto Oeste potiguar, “onde permaneceu hospedado para dar um tempo no estresse”, segundo o sobrinho dele, Robério Aquino.

Já as causas desse tormento, explicou o familiar, só mesmo Zuilton poderá explicar à família e ao titular da Delegacia de Capturas (Decap), delegado Ben-Hur de Medeiros. “Nem ele sabia que isso iria terminar com tamanha repercussão na mídia, observou.

O empresário já conversou por telefone com o delegado e deverá chegar a Natal, nas primeiras horas desta sexta-feira. Ainda de acordo com o sobrinho dele, Zuilton está mais calmo, não esteve envolvido com mulheres e sente a falta da família. Questionado sobre como o empresário conseguiu ir até São Miguel sem dinheiro e documento, Robério foi curto: “Quem tem boca, vai a Roma! Além disso, ele mesmo quem me ligou de São Miguel para eu ir buscá-lo. O que posso garantir é que ele está bem, surpreso com esse estardalhaço todo e que pretende retornar sua rotina, brevemente”, lembrou Robério.

Zuilton estava desaparecido desde a madrugada da segunda-feira (24), quando havia saído para caminhar no Parque da Cidade. Na manhã desta quinta-feira, a Guarda Municipal continuava a vasculhar o Parque da Cidade, em busca do empresário. A família de Zuilton Barbosa procurou a polícia para registrar boletim de ocorrência, na terça-feira (25), após o carro da vítima ter sido encontrado no Parque da Cidade. O veículo estava fechado e com o celular dentro.

O delegado aposentado Maurílio Pinto de Medeiros, não descartou a possibilidade de Zuirton ter sido sequestrado, pois, de acordo com a filha do empresário, Jéssica Fernandes, houve uma movimentação estranha de carros na rua da casa de seu pai. Ele, inclusive, já se preparava para reunir nesta quinta-feira a imprensa e fazer um apelo para que seu pai fosse libertado pelos supostos sequestradores.

Portal JH/JBelmont.

Acusado de matar o vigilante da Olho Vivo foi preso quando se preparava para mais um assalto em Mossoró

Agentes da Divisão de Policia do Oeste, Divpoe, com apoio da equipe da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos, Defur, prenderam no final da tarde de hoje, 27 de Novembro, um jovem acusado de matar o vigilante da empresa Olho Vivo, de serviço no Supermercado Queiroz do Dom Jaime Câmara no dia 17 de Setembro passado em Mossoró no Rio Grande do Norte.

José Nicácio, 44 anos de idade, foi alvejado e morreu em frente ao Supermercado Queiroz do Dom Jaime Câmara, onde trbalhava, por volta de 21 horas, logo após o fechamento.

Wesley Rodrigues Fernandes, 18 anos de idade, residente na Rua João Carlos de Melo no bairro Leandro Bezerra na cidade de Caraúbas, foi preso por ordem da Justiça da Comarca de Mossoró, acusado pelo crime de latrocínio “Roubo seguido de morte. Sua prisão foi decretada pelo Juiz Vagnos Kelly, da 2ª Vara Criminal.

Wesley também está sendo acusado de assaltar uma loja no bairro Bom jardim há poucos dias. Ele foi reconhecido pelas imagens do sistema de câmeras de segurança da loja.

O mandado de prisão é temporário com validade de 30 dias, tempo concedido pela justiça ao responsável, Del Luiz Fernando, para concluir o inquérito.

Aos prantos, Wesley jura inocência e pede que apareçam as testemunhas que provem sua participação da morte do vigilante. Ele será encaminhado para a Cadeia pública Juiz Manoel Onofre de Souza.

 
Wesley aceitou ser fotografado e garante que não participou da morte do vigilante da Olho Vivo

O que diz a Lei:

Art. 157 - Subtrair coisa móvel alheia, para si ou para outrem, mediante grave ameaça ou violência a pessoa, ou depois de havê-la, por qualquer meio, reduzido à impossibilidade de resistência:
......
§ 3º Se da violência resulta lesão corporal de natureza grave, a pena é de reclusão, de cinco a quinze anos, além da multa; se resulta morte, a reclusão é de quinze a trinta anos, sem prejuízo da multa.
§ 3º Se da violência resulta lesão corporal grave, a pena é de reclusão, de cinco a quinze anos, além da multa; se resulta morte, a reclusão é de vinte a trinta anos, sem prejuízo da multa. (Redação dada pela Lei nº 8.072, de 25.7.1990).


*O Câmera.

Pelé não responde bem a antibiótico e quadro é considerado delicado

O quadro de Pelé se agravou na noite desta quinta-feira. Internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do hospital Albert Einstein, em São Paulo, com uma infecção abdominal, o ex-jogador não respondeu adequadamente ao antibiótico utilizado no tratamento. O uso do remédio foi uma tentativa de combater a bactéria que causou uma infecção no sangue de Edson Arantes do Nascimento. Já na madrugada de sexta-feira, a repórter Joanna de Assis trouxe as últimas informações direto do hospital. A preocupação é com a possibilidade de uma infecção generalizada (assista ao vídeo).

- Infelizmente, as notícias não são as melhores. O quadro de saúde de Pelé neste momento é considerado no mínimo delicado. Tem um quadro de gravidade. Ele foi internado na segunda-feira, com quadro de infecção urinária, só que esse quadro se agravou. A resposta ao antibiótico não foi a adequada, segundo os médicos - explicou a repórter do SporTV.

Aos 74 anos, Edson Arantes do Nascimento passou por uma intervenção cirúrgica para retirada de cálculos renais. Por conta de uma infecção na região abdominal, o Rei do Futebol precisou ser internado. Desde a última segunda-feira, o ex-jogador recebe cuidados especiais da equipe médica do hospital Albert Einstein. Pelé chegou a passar mal em Santos, onde participaria de um evento no museu que recebe o seu nome.

- Essa internação na UTI, para que ele tome medicações ainda mais fortes, é para tentar combater essa bactéria. Obviamente, por causa das toxinas que são eliminadas pela bactéria o sangue foi infectado e os rins começaram a falhar. Segundo o último boletim médico divulgado pelo hospital, Pelé está num tratamento de suporte renal, a hemodiálise, que é o uso de um aparelho para filtrar o sangue na tentativa de se eliminar essas toxinas que estão infectando o sangue. Pelé precisou também tomar medicação por apresentar um quadro de hipotensão, para controlar a pressão arterial - esclareceu Joanna de Assis.

As próximas 48 horas são consideradas fundamentais para o quadro. Os médicos consideram que a infecção precisa ser controlada nesse período, para que não haja piora. A principal preocupação é combater a bactéria, que teria chegado ao sangue, para evitar uma infecção generalizada. O último boletim oficial, divulgado às 20h, informava que Pelé estava em tratamento renal, fazendo hemodiálise - o tratamento consiste em filtrar o sangue para combater a infecção.

- O que se espera é que ele responda a esse tratamento intensivo que é a mudança de antibiótico para que se combata essa bactéria que acabou se espalhando para o sangue. Esse quadro é bastante preocupante. Todo o trabalho dos médicos é combater essa infecção, por isso, as próximas 48 horas são de extrema importância para saber como esse quadro vai evoluir - informou a repórter.
 
*G1

Empresário que desapareceu no Parque da Cidade é encontrado no interior na região oeste do RN

Carro Zuilton estava no Parque da Cidade com os documentos e celular

O empresário Zuilton Barbosa de Melo, 59 anos, foi encontrado com vida na manhã desta quinta-feira (27) em um município no interior do estado. A informação foi confirmada pelo filho dele, Francisco Moreira, que não soube informar a cidade onde o pai está e quais os motivos do desaparecimento.

Zuilton estava desaparecido desde segunda-feira (24), quando saiu para caminhar no Parque da Cidade por volta das 4h30. O carro dele foi achado sem sinais de arrombamento no estacionamento do parque, com todos os documentos e o celular. A família registrou o Boletim de Ocorrência na manhã de ontem e fez buscas em todos os hospitais da capital e no Instituto Técnico Científico de Polícia (Itep).

TN.

Bráulio Ribeiro pede realização de concurso publico, e cobra aplicação de projetos de leis apresentados por ele

O Vereador Bráulio Ribeiro, durante sessão da CMA, nesta quinta-feira, 27 no pequeno expediente fez uso da tribuna na casa do povo, convidando seus colegas para uma importante palestra que acontece hoje a noite na ACDA sobre a saúde masculina, sobre o novembro azul, ressaltando a importância desta questão.

Aproveitando o ensejo ele pediu ao chefe do executivo que visse com bons olhos os seus projetos de leis, apresentados recentemente na casa que trata da criação dos bombeiros civis e da guarda municipal, afirmando que espera que já em 2015 os mesmos sejam colocados em pratica, pedindo também realização de concurso público já que é cobrado diariamente por jovens que anelam esta oportunidade.


*Josenias Freitas.

DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO

DETRAN: CALENDÁRIO DE LICENCIAMENTO