/* <![CDATA[ */ (function (doc

segunda-feira, 18 de outubro de 2021

APODI-RN: PREFEITO E VICE EM PLENA CAMPANHA DE 2024

Em Apodi, é nítido que a eleição de 2024 encontra-se a todo vapor, fato.
O prefeito Alan e o vice Neilton estão diariamente marcando território e focados na sucessão municipal vindoura.
Alan busca um nome para "chamar" de "seu" e Neilton é candidato de lá ou de cá.
Façam suas apostas seu moço.

*Vi no João Marcolino

MOSSORÓ-RN: GRAVE COLISÃO ENVOLVENDO CARRO E MOTO NO ALTO DE SÃO MANOEL

Um acidente de natureza grave envolvendo um carro e uma motocicleta, foi registrado na tarde desta segunda feira 18 de outubro de 2021, na Avenida Presidente Dutra em Mossoró no Rio Grande do Norte.
De acordo com as informações colhidas no local, o condutor da moto Honda 150, identificado como João Batista Ferreira de Souza, que transportava tintas, seguia sentido Centro/Alto de São Manoel e parou a moto quando o sinal que fica em frente a igreja católica estava fechando.
O condutor do veículo Fiat Moby de placas QYO2B17 que seguia logo atrás não conseguiu parar o veículo, colhendo a moto violentamente por trás prensando a mesma contra um poste.
O carro acabou sendo coberto pelas tintas que estavam sendo transportadas na moto. Uma ambulância do Corpo de Bombeiros foi acionada, e socorreu a vítima que teve perda de parte do couro cabeludo, com várias escoriações pelo corpo para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM).
O motorista do carro permaneceu todo tempo no local do acidente, e apesar da violência o condutor da moto foi conduzido para o hospital consciente.

*Passando na Hora

ATENÇÃO! AVISO DE LOTAÇÃO PARA CANINDÉ-CE

Baixeiro está avisando, que está com lotação marcada para Canindé-CE.
A lotação sairá no dia 23 de dezembro da Praça da Maternidade às 7 horas da noite. Preço da passagem: 100 reais. Interessado, procure Baixeiro na Baixa da Alegria ou Nalvinha nas Malvinas.
Ele lembra, que o ônibus é confortável.

MOSSORÓ-RN: ITEP IDENTIFICA CORPO ENCONTRADO NO DOMINGO ÀS MARGENS DE ACESSO A SERRA MOSSORÓ

O Instituto Técnico Científico de Perícia (ITEP) identificou nesta segunda feira 18 de outubro, o corpo do homem encontrado neste domingo (17), às margens da estrada de acesso a Serra Mossoró, na zona rural do município.
Trata-se de José Ivanildo da Silva de Souza, de 36 anos de idade, natural de Aracati e residente naquela município, no estado do Ceará.

*Fim da Linha

MOSSORÓ-RN: POLÍCIA PRENDE SUSPEITOS DE EXECUTAREM MULHER APÓS "JULGAMENTO DE FACÇÃO"

A Polícia Civil prendeu nove pessoas, na noite deste domingo (17), em Mossoró, suspeitas de integrarem o chamado “Tribunal do Crime”, responsável pelo homicídio de Alessandra Jessica Lopes da Silva, de 27 anos.
O grupo, formado por integrantes de uma facção criminosa com atuação em Mossoró, estaria raptando e torturando desafetos e, em seguida, realizando uma espécie de julgamento, matando aqueles que não fossem “abolsovidos”.
A informação sobre o rapto de Alessandra chegou à Polícia Civil por volta das 13h de quinta-feira (14). Na sexta (15), já havia boatos de que ela já tinha sido executada. Desde então, os policiais vinham investigando o caso e procurando a vítima.
De acordo com o delegado Luiz Antônio, Alessandra ficou amarrada e foi torturada antes da execução. Durante as perícias no Itep, foi encontrado um cartão de memória implantando em um dos seios, o que leva a crer que a mulher possuía informação que os suspeitos buscavam e as escondeu antes de ser encontrada.
O conteúdo do cartão não foi divulgado. O corpo de Alessandra foi encontrado na manhã deste domingo (17), em um matagal, na região das Malvinas. No mesmo dia, nove suspeitos do crime foram presos.
Veja os nomes dos presos: -
Anita Lopes da Costa - Daniel Gabriel da Silva - Adriana Nara da Silva - Lucas Ednaldo da Silva - Francisco Fábio de Menezes - José Paulo da Silva - Francisco Adriano da Silva - Aila Paula Rocha - Delvania Daise de Souza .
Ouvidas pelo Delegado Luiz Antônio, os presos invocaram o direito de permanecerem calados. No entanto, todos negaram participação no caso.
Ainda segundo o delegado, outras três pessoas estariam desaparecidas e também estariam presas em algum local, aguardando para serem “julgadas” pelo “Tribunal do Crime”.
A Polícia Civil segue à procura desses desaparecidos e investigando a atuação da facção envolvida nos crimes. O homicídio de Alessandra passa a jurisdição da Delegacia de Homicídios de Mossoró, que deverá esclarecer a motivação do crime.

*MH/Passando na Hora

LAJES PINTADA-RN: Polícia Civil prende homem e apreende dois adolescentes suspeitos de matar menino de 12 anos no RN

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte prendeu um homem e apreendeu dois adolescentes suspeitos de participar da morte do menino Luiz Gustavo Lopes Linhares, que tinha 12 anos de idade, em Lajes Pintadas, no Agreste potiguar.

Ao todo, três mandados foram cumpridos pelos agentes da 9ª Delegacia Regional de Polícia de Santa Cruz na sexta-feira (15), segundo confirmou a corporação.

O mandado de prisão preventiva foi cumprido contra um homem de 26 anos. Os outros dois, de internação, foram para dois adolescentes que não tiveram as idades reveladas. Todos são investigados pelo crime.

O corpo do menino de 12 anos foi encontrado morto, com sinais de violência, no dia 11 de julho deste ano, em uma estrada de terra no município de Lajes Pintadas.

Na ocasião, o delegado Jaime Groff, de Santa Cruz, afirmou que o corpo foi achado pela Polícia Militar em uma estrada de terra, por volta das 7h, na comunidade conhecida como Sítio Inharé.

Havia uma marca de pancada na cabeça, que teria sido provocada por um objeto contundente como uma pedra ou um pedaço de madeira, por exemplo.

Ainda de acordo com a corporação, a vítima tinha participado de uma vaquejada na noite anterior, em um parque próximo ao local onde o corpo foi encontrado.

A possível motivação do crime não foi informada pela polícia.

*Do G1 RN

CONVITE DE CANTORIA!!!

NATAL-RN: Acidente e caminhão quebrado provocam engarrafamento na ponte de Igapó

O fluxo de veículos ficou mais lento que o normal, na manhã desta segunda-feira (18) na Ponte de Igapó - uma das duas ligações entre a Zona Norte e as demais regiões de Natal.
A Secretaria de Mobilidade Urbana informou que as linhas de ônibus que passam pelo trecho sofreram atrasos.
O motivo da engarrafamento foi um acidente que aconteceu no trecho e deixou uma pessoa ferida. Além da colisão, um caminhão quebrou em cima da ponte de Igapó. Ambos os casos ocorreram no sentido à Zona Oeste.
A STTU apontou como sugestão utilizar a ponte Newton Navarro.

*Do G1 RN

NATAL-RN: Motociclista morre após bater em mureta e cair de cima de viaduto

Um motociclista de 36 anos morreu após bater em uma mureta e cair de cima do viaduto do 4º Centenário, na Zona Sul de Natal.

O caso aconteceu na noite de domingo (17), por volta das 20h. A vítima foi identificada como André de Lima Afonso.

Segundo a Polícia Civil, o homem seguia sozinho na motocicleta, no sentido à avenida Lima e Silva, quando bateu na mureta de proteção e caiu na avenida Senador Salgado Filho, que passa por baixo do viaduto.

Ele não resistiu e morreu no local do acidente antes do socorro médico.

A Polícia Civil vai investigar a causa do acidente e solicitou exames de dosagem alcoólica e toxicológicos ao Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep).

*Do G1 RN

No RN, consumo de gás de cozinha é o menor em 9 anos, diz estudo

O consumo residencial de Gás Liquefeto de Petróleo (GLP) no Rio Grande do Norte, o botijão de gás, apresentou o menor consumo num intervalo de nove anos, segundo dados de um estudo feito pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

Em 2020, o consumo foi de 176 mil m³ do gás, queda de 9% em relação a 2019, quando o consumo foi de 194 mil m³. Os constantes aumentos no preço podem ser um fator para a redução nesse consumo, registrado em 20 dos 27 estados do país em 2020.

Aliado a isso, cada vez mais é possível observar famílias usando lenha para cozinhar. Em 2020, segundo dados do mesmo estudo, o consumo de restos de madeira em residências aumentou 1,8% frente a 2019, em todo o País.

Em Natal, por exemplo, o botijão de gás está com o maior preço médio do Nordeste na última semana, R$ 104,99, segundo último levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Essa realidade acaba se concentrando nas camadas mais pobres da sociedade. Em Natal, na ocupação Valdete Guerra, no bairro do Planalto, são várias as famílias que estão utilizando lenha para poderem fazer a comida diária.

“Uso a lenha porque o gás está muito caro. Muita gente não tem condições. O fogo a lenha demora a mais, acaba com as panelas. Tem que botar força nos braços e “arear”. E o problema também é que cozinhar a lenha tem dado dores de barriga na minha filha, porque a comida não fica bem feita”, explica o catador de resíduos sólidos, Matheus Silva de Lima, 24 anos, que mora na ocupação com a esposa e dois filhos.

O caso é parecido com Francisco Canindé Bezerra da Silva, 21 anos. Ele também mora na ocupação Valdete Guerra e não possui recursos suficientes para comprar um botijão de gás. Vivendo da reciclagem e de pequenos bicos, o natalense prefere usar os poucos recursos que tem para comprar a alimentação diária.

“Uso lenha desde o começo que cheguei aqui. Todo dia tenho que ir atrás da lenha. Estou na reciclagem, mas trabalho está difícil aparecer. É escolher entre comprar a comida ou o gás”, conta.

O presidente do Sindicato das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo do RN (Sindigás/RN), Francisco Corrêa, explica que o preço do gás e mudanças na importação do produto no RN podem ser fatores que fizeram o consumo no RN ser o menor desde 2011. Há 10 anos, segundo ele, o GLP consumido no RN era 100% produzido no Estado. Atualmente, o índice é de 35%, sendo o restante do gás importado do Ceará e Pernambuco.

“Um dos maiores fatores do gás do RN ser um dos mais caros do Nordeste é que não temos mais produção. O frete encarece demais. Não temos um porto”, comenta. Ele explica que a redução no consumo de 2021 em relação a 2020 esperada pelo Sindigás é de 12% a 15%.

O presidente do Sindigás aponta ainda que a redução no uso do GLP pode estar atrelada a uma mudança em parte dos consumidores, que hoje estariam usando outros aparelhos, como micro-ondas e racionando o uso do gás. “É difícil fazer promoção no nosso segmento, mas estimulamos algumas, como cartão de fidelidade”, cita.

A coordenadora da ocupação Valdete Guerra, Sabrina dos Santos 31 anos, explica que para comprar seu botijão, precisou cortar vários gastos. “Deixei de pagar o curso de digitação da minha filha, de comprar os livros dela, nem material escolar. Tive que tirar para comprar o gás”, explica.
Ela comenta ainda que muitas famílias utilizam o botijão trazido das antigas residências. Na Valdete Guerra, são 200 famílias que moram num terreno da Prefeitura do Natal, onde deveria ter sido viabilizada uma lagoa de captação. As famílias cobram moradia digna e projetos para os moradores da ocupação.

Para o professor Thalles Augusto de Medeiros Penha, do Departamento de Economia na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), a redução no consumo está diretamente associada aos preços do botijão nos últimos anos e à crise financeira da população. Aliado a isso, ele sugere benefícios sociais e mudanças fiscais para que as camadas populares consigam comprar o botijão novamente.

“Vejo que a tributação do gás é mais alta do que os combustíveis, só que a gasolina afeta classes com maior poder de pressão. Os impostos federais têm peso no gás. Então poderia se criar um mecanismo de restituição do valor pago. Então se paga R$ 100, R$ 30 é imposto, então via Nota Potiguar, cruzando com CadÚnico, dava para identificar pessoas mais vulneráveis e devolver esse recurso, como um cashback, por exemplo”, sugere.

Utilizar métodos alternativos para cozinhar a comida pode representar um risco à saúde do indivíduo, na avaliação do médico e chefe do Centro de Tratamento de Queimados do RN, Marco Almeida.

Segundo o médico, a falta de recursos da população para comprar o GLP tem feito muitos potiguares utilizarem álcool líquido e até mesmo o álcool combustível e etanol para acenderem o fogo. Ele aponta que isso tem ocasionado acidentes.

“Dispararam os acidentes, seja por cozinha e por esse uso do álcool. As pessoas colocam numa “cumbuca” e fazem um fogareiro. Em alguns casos, são queimaduras graves. Nós perdemos pacientes no início da pandemia”, explica. Não há dados atualizados sobre acidentes com lenha e álcool.

Uso do gás natural canalizado cresce no RN
Ao passo em que cai o uso residencial do GLP no Rio Grande do Norte, o uso de gás natural canalizado está apresentando crescimento no Estado. Segundo dados da Potigás, em 2011 eram 3.123 clientes residenciais. O número em 2021, até setembro, é de 32.335. Ao todo, a carteira da Companhia Potiguar de Gás (Potigás) possui 33.137 clientes, incluindo indústrias, comércios, postos de combustíveis, entre outros. Com uma rede de mais de 470 mil metros, a Potigás distribui o gás natural canalizado em Natal, Mossoró, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Macaíba e Goianinha.
“Se observa no mundo inteiro uma tendencia para uso de combustíveis menos poluentes. Apesar do GNV ser fóssil, ele emite menos gás carbônico. O GNV comparado com o GLP é bem mais barato. Os prédios residenciais estão optando por questão de economia mesmo”, explica a diretora presidente da companhia, Larissa Dantas, acrescentando que 97% dos clientes da Potigás são de prédios residenciais.

Além do preço, o Gás Natural Canalizado tem sido utilizado cada vez pela fácil manutenção e o fato de que esse tipo de gás se dissipa rapidamente em caso de vazamentos.

Recentemente, segundo a diretora presidente, a Potigás assinou um contrato com a empresa Potiguar E&P, após chamada pública, para aquisição de gás natural. A partir de 1º de janeiro de 2022, quando se encerrará o contrato com a Petrobras, a Potigás vai adquirir o gás natural canalizado com redução de 35% no valor da molécula. Segundo a companhia, toda a economia gerada pela nova contratação será integralmente repassada para o consumidor final.

“O preço do gás natural e outros combustíveis está aumentando e a Petrobras fornece pra gente até o fim do ano, essa diferença pode ser ainda mais significativa. Podemos ter uma redução de até 40% no valor”, explica.

*Jair Sampaio

MOSSORÓ-RN: 132ª MORTE VIOLENTA EM 2021 - CRIMINOSOS INVADEM RESIDÊNCIA E EXECUTAM MORADOR NA MAÍSA

O violência explodiu neste fim de semana em Mossoró, a segunda maior cidade do Rio Grande do Norte, que registrou quatro assassinatos. O último aconteceu por volta das 23h30min da noite deste domingo 17 de outubro no Assentamento dos Sem Teto, no Polo Maisa, zona rural do município.

A vítima foi identificada como Mayke Martins da Silva, conhecido como " Mayke Cabeça" de 25 anos de idade, foi morto dentro de casa. Segundo a PM, a vítima estava dormindo com a família, quando teve sua residência invadida pelos criminosos e assassinado. A mulher dele teve a vida poupada pelos assassinos, que mandaram a mesma saír da casa.

Mayke Martins, tinha passagem pelo sistema prisoinal por tráfico de drogas. Ele foi preso em 2015 e depois de passar alguns dias na Cadeia Pública, foi solto através de alvará de soltura e ainda não tinha sido julgado pela justiça.

O corpo dele foi removido, após a perícia no local e encaminhado ao IML do ITEP em Mossoró, onde passará por procedimentos de necropsia e depois será liberado para os familiares. Mossoró já contabiliza 132 assassinatos no ano. Caso para DHPP investigar.

*Texto: Fim da Linha

Funpec abre seleção com 8 vagas para projetos do Instituto Metrópole Digital; salários chegam a R$ 7,3 mil

A Fundação Norte-rio-grandense de Pesquisa e Cultura (Funpec) abriu processo seletivo com oito vagas para funções na área de Tecnologia da Informação. Os profissionais contratados vão trabalhar em projetos do Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN) apoiados pela fundação.

Os salários variam de R$ 3.052,16 a R$ 7.347,76. Os candidatos podem ser desde estudantes de graduação até profissionais com pós-graduação.

As inscrições vão até 21 de outubro e devem ser feitas por meio do site da Funpec, no processo seletivo de número 19/2021.

A contratação será via regime de CLT, sendo a seleção promovida por pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos e não se tratando, portanto, de concurso público. A carga horária é de 40 horas semanais.

Cargos

Dentre os cargos definidos no edital da seleção está o de Programador de Sistemas da Informação, com uma vaga para cada uma destas quatro funções: Desenvolvimento Back-End, Desenvolvimento Front-End Mobile, Testes e Infraestrutura/Devops. Já para a função de Desenvolvimento Front-End são previstas duas vagas.

A remuneração nesses casos é de R$ 3.052,16 e a formação mínima requerida é a de Graduação em andamento em curso superior em Tecnologia da Informação (Ciências da Computação, Engenharia de Computação, Engenharia de Software ou equivalentes).

Já para o cargo de Analista de Desenvolvimento de Sistemas Jr. (Desenvolvimento Back-End), para o qual é ofertada uma vaga, a remuneração é de R$3.797,17 e exige-se nível superior completo, também na área de Tecnologia da Informação (Ciência da computação, Engenharia de Computação, Engenharia de Softwares ou equivalentes).

O outro cargo previsto no processo seletivo é o de Analista de Desenvolvimento de Sistemas Pleno (Arquitetura de Software). Nesse caso é ofertada uma vaga, com remuneração de R$ 7.347,76, e o nível de formação requerido é o de graduação e pós-graduação no campo de Tecnologia da Informação.

Etapas

O processo seletivo da Funpec será feito em duas etapas: análise de currículo e entrevista técnica. Apenas os aprovados na primeira fase serão convocados para a segunda, que será realizada de forma remota e agendada através do e-mail fornecido pelo candidato no ato de inscrição.

A entrevista técnica irá avaliar os conhecimentos e habilidades específicas para o cargo e experiências, na área do objeto da seleção, através da análise da apresentação do desafio técnico descrito no edital da seleção.

*Do G1 RN

MULHER APODIENSE ESTÁ PRECISANDO DE AJUDA

Vamos ajudar pessoal a Dona Luzia Martins. Ela mora no Assentamento Portal da Chapada Apodi-RN, a mesma está precisando de ajuda, pois ela tem problemas sérios de saúde Vascular, precisa muito fazer 8 aplicações de 500 reais, também tem problemas no coração, por isso ela não pode fazer a cirurgia.
Vamos ajudar com qualquer valor, para que ela possa fazer seu tratamento.

Banco Bradesco
Agência: 5870
Conta: 0630752-3
Contato: (84)9 9615 1972

MOSSORÓ-RN: 131ª MORTE VIOLENTA EM 2021 - MULHER RAPTADA DE CASA É ENCONTRADA MORTA E ENTERRADA EM UMA REGIÃO DE MATA NAS MALVINAS

O corpo de uma mulher foi encontrado enterrado e com marcas de tiros, na tarde deste domingo, 17 de outubro de 2021, em uma região de mata no Conjunto Malvinas em Mossoró no Oeste do Rio Grande do Norte. A vítima foi identificada como, Alessandra Jéssica Lopes da Silva, 27 anos, moradora daquele Conjunto.

Segundo a família, que foi ao local e reconheceu o corpo, Alessandra estava desaparecida desde a última quinta feira (14). O corpo dela estava enterrado em uma cova rasa e foi localizado por um caçador. Seu cachorro começou a latir em volta da cova e o homem quando foi olhar, achando que era uma caça, visualizou uma parte dos cabelos e percebeu que era uma mulher e acionou a PM.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para o local e após desenterrar o corpo, os profissionais do ITEP realizaram os procedimentos de perícia e remoção do cadáver, para ser examinado no Instituto de Medicina Legal (IML) do órgão.

O delegado de plantão Dr. Luiz Antônio, acompanhou a perícia e disse que a mulher pode ter sido morta após ser julgada e condenada pelo tribunal do crime daquela região. Ainda segundo o delegado, a PM prendeu cinco suspeitos do crime.

Todos serão autuados em flagrante e encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão a disposição da justiça. O delegado disse ainda que um dos presos seria o cabeça da facção criminosa, que ordenou o julgamento da moça por traição à Facção.

Fotos: Passando na Hora
Texto: Fim da Linha

MOSSORÓ-RN: 124ª MORTE VIOLENTA EM 2022 - Jovem de 20 anos, é encontrado morto com marcas de tiros no Sítio Rincão

A cidade de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte, registrou o primeiro homicídio do mês de outubro de 2022. Um jovem de 20 anos, ...

TIME: REVELAÇÃO

TIME: REVELAÇÃO

REVELAÇÃO E BACURAU

REVELAÇÃO E BACURAU

COMISSÃO TÉCNICA

COMISSÃO TÉCNICA