quinta-feira, 28 de maio de 2020

DOCUMENTOS PERDIDOS

ATENÇÃO!
O senhor João Carlos Morais de Souza perdeu sua carteira com documentos de Identidade, CPF e Cartão do SUS.
Pedimos a quem encontrou ou vier encontrar, favor entrar em contato aqui no Blog ou pelo WhatsApp 9 91591630.

HOSPITAL DO SERIDÓ INFORMA FALECIMENTO DE PACIENTE APODIENSE

Mais uma apodiense foi vencida pela COVID-19. Edinete Fabrícia de Oliveira, 33 anos estava internada na UTI do Hospital Regional do Seridó em Caicó, quando na madrugada desta quinta-feira(28) veio a óbito em decorrência do Novo Coronavírus.
Apodi tem uma grande infestação do vírus e já conta 6 óbitos, o que é lamentável.
Aos familiares e amigos, deixamos os nossos votos de pesar!

CORONAVÍRUS: LEVANTAMENTO NO ESTADO DO RN, NORDESTE E NO BRASIL

A situação do Novo Coronavírus(COVID-19) está na seguinte forma. Levantamento agora (12h54min).

No Rio Grande do Norte:
5.630 Confirmados
14.035 Suspeitos
1.410 Recuperados
242 Óbitos
 

No Nordeste:
141.706 Confirmados
110.849 Suspeitos
56.863 Recuperados
7.692 Óbitos
 

No Brasil:
411.821 Confirmados
427.090 Suspeitos
190.109 Recuperados
25.598 Óbitos

APODI-RN: 6° ÓBITO CAUSADO PELO CORONAVÍRUS (COVID-19) EM NOSSA CIDADE

Uma mulher conhecida por Edinete Fabrícia de 33 anos, veio a óbito na madrugada desta quinta-feira (28).
Quero deixar aqui as minhas condolências a família e pedi a Jesus Misericordioso interceda por essa família enlutada.

*Informação: Apodi Agora

ASSU-RN: HOMEM CONHECIDO COMO "REMELINHA" É MORTO A TIROS NA ZONA RURAL

Um crime de homicídio foi registrado na noite desta quarta-feira, 27 de maio de 2020, na comunidade de Nova Esperança, na zona rural da cidade de Assú, no Rio Grande do Norte. Segundo as informações que recebemos da Central de Operações da Polícia Militar, é que a vítima foi a pessoa de André Pinheiro Bezerra, conhecido como "Remelinha". Ele já era conhecido na esfera policial por algumas passagens no sistema prisional.
Populares relataram que 'Remelinha' estava sentado na cadeira, em baixo de um alpendre, quando homens chegaram em uma motocicleta, e efetuaram o disparo em direção à vítima. O tiro, visivelmente atingiu a boca da vítima, que morreu na hora.
A PM isola o local do crime para a chegada do Instituto Técnico Cientifico de Perícia - ITEP de Mossoró, para fazer o trabalho de perícia técnica no local, e depois a remoção do corpo. O homicídio vai ser investigado pela polícia civil, sob o comando do Dr. Paulo Pereira Junior.

*Assú Notícia

BARAÚNA-RN: Homem de 39 anos é baleado em casa de jogo e morre a caminho do Hospital

A cidade de Baraúna, localizada na região Oeste do Rio Grande do Norte, registrou na noite desta quarta feira 27 de maio de 2020, mais um homicídio provocado por disparos de arma de fogo. O crime aconteceu em uma casa de jogo de baralho, no centro da cidade.
Um homem identificado como Jucélio Gonçalves de Mesquita, 39 anos, morador do Bairro Cinderela em Baraúna. foi baleado e ainda chegou a ser socorrido para o hospital da cidade e transferido em uma ambulância para o Hospital Tarcísio Maia em Mossoró, porém não resistiu e morreu dentro da ambulância, antes de chegar na unidade hospitalar.
A Polícia Militar, foi informada de que a vítima estava jogando baralho, na casa de jogo, quando recebeu os tiros pelas costas. A PM não sabe ainda o que teria motivado o crime. Jucélio Gonçalves não tinha passagem pelo sistema prisional. O corpo foi encaminhado direto para o Instituto Técnico Científico de Perícia (ITEP), unidade de Mossoró.
Após ser examinado o corpo será liberado para os familiares. Este é o quinto homicídio registrado no ano em Baraúna. O caso será investigado pelo delegado da cidade, DPC Luiz Fernando.

VER GALERIA DE FOTOS COMPLETA


*Fim da Linha 

[VÍDEO] 'SE CUIDEM, VAMOS DAR VALOR À VIDA', DIZ SARGENTO DA PM DO RN EM VÍDEO ANTES DE MORRER DE COVID-19

Sargento Francisco Freire era cunhado do professor universitário Luiz Di Souza, primeira pessoa a morrer pela doença no estado potiguar.
PM reformado morreu com Covid-19 em Mossoró
O sargento reformado da PM Francisco das Chagas Freire de Sousa, de 59 anos, morreu vítima da Covid-19 em Mossoró, Oeste potiguar, nesta terça-feira (26). Em um vídeo gravado no hospital, quando estava internado, Freire disse aos amigos e familiares que se cuidassem, para não contrair a doença. “Se cuidem, vamos dar valor à vida”.
Francisco das Chagas Freire era cunhado da primeira pessoa a morrer com o novo coronavírus no Rio Grande do Norte, o professor universitário Luiz Di Souza. (RELEMBRE)
De acordo com os familiares, O PM reformado foi internado no Hospital Tarcísio Maia, em Mossoró, no dia 30 de abril com os sintomas da doença.
O sargento não tinha nenhuma complicação de saúde além de algumas alergias, que, inclusive, chegaram a confundir os sintomas da Covid-19. Inicialmente ele foi a uma Unidade de Pronto Atendimento, onde testou positivo para o vírus e foi logo encaminhado ao Tarcísio Maia.
Freire era aposentado, mas fazia alguns bicos na cidade. Os familiares acreditam que ele pode ter sido infectado durante esse trabalho. Margareth de Souza, irmã do sargento e esposa do professor Luiz, lamenta o fato de ter pedido duas pessoas próximas para o novo coronavírus. Ela pede para que as pessoas se “conscientizem”, para conter o avanço da doença.
No enterro do sargento Freire, com caixão lacrado, os parentes assistiram de longe ao caixão entrar no cemitério para ser sepultado, assim como fizeram colegas de farda, em carros da polícia.




www.facebook.com/watch/?v=2668249823458006

'SE CUIDEM, VAMOS DAR VALOR À VIDA', DIZ SARGENTO DA PM DO RN EM VÍDEO ANTES DE MORRER DE COVID-19.
Leia a matéria no link https://www.passandonahorarn.com/…/video-se-cuidem-vamos-da…

*G1-RN/Passando na Hora

Fumante com coronavírus tem 14 vezes mais chances de morrer

Alerta é da Sociedade de Cardiologia de São Paulo - © Marcelo Camargo/Agência Brasil
As pessoas fumantes, infectadas com o novo coronavírus (covid-19), têm 14 vezes mais chances de morrer do que as não fumantes. O alerta é da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (Socesp), que esta semana lançou em seu site uma campanha voltada à conscientização sobre os perigos de fumar.
“O fato de os fumantes estarem mais propensos às infecções virais e a probabilidade de morte 14 vezes maior quando a covid-19 infecta fumantes, de acordo com estudos realizados, faz deste um bom momento para se pensar em tratamentos antitabagismo”, ressalta o presidente da entidade, João Fernando Monteiro Ferreira.
Segundo a associação de cardiologistas, o tabagismo enfraquece o sistema imunológico e torna mais lenta a reação do corpo às infecções. A capacidade pulmonar reduzida, comum em fumantes, também aumenta o risco de desenvolver as formas mais graves das infecções. “Trata-se da principal causa evitável de morte e encurta a vida de homens em dez anos e de mulheres em 12 anos”, disse o presidente da entidade.
De acordo com a entidade, o Brasil ocupa o oitavo lugar no ranking mundial de tabagistas, são 7,1 milhões de mulheres e 11,1 milhões de homens fumantes. No entanto, o número de brasileiros que mantém o hábito de fumar caiu 38% nos últimos anos. Em 2019, 9,8% afirmavam ter o hábito de fumar, enquanto em 2006 o índice era de 15,6%.

Edição: Fernando Fraga - Agência Brasil