quarta-feira, 7 de dezembro de 2022

120 anos após explosão do dirigível Pax em Paris, restos mortais de Augusto Severo são exumados para voltar ao RN

Uma comitiva do Rio Grande do Norte acompanhou na última segunda-feira (5) a exumação dos restos mortais do aviador potiguar Augusto Severo. O ato aconteceu no cemitério São João Batista, em Botafogo, Rio de Janeiro.

O grupo coordenado pelo vice-governador Antenor Roberto foi formado por meio de um decreto para providenciar o traslado do aeronauta ao seu município de origem, Macaíba, na região metropolitana de Natal.

Segundo o governo, a iniciativa está dentro das ações de celebração em memória aos 120 anos do falecimento de Augusto Severo, em 12 de maio de 1902.

Na ocasião, Severo pilotou pela primeira vez o seu dirigível Pax sobre Paris, ao lado do amigo e mecânico francês, Georges Sachet. O dirigível explodiu no ar sem deixar sobreviventes.
Os restos mortais de Augusto Severo serão conduzidos ao cemitério São Miguel, no Centro de Macaíba. O translado, cerimônia e missa acontecerão no dia 16 de dezembro, segundo o governo.

As peças originais, efígie e adornos do mausoléu de Augusto Severo, datadas de 1904, também serão transportados para reconstrução no cemitério de Macaíba.
Acompanharam a exumação, o advogado da família Severo, Armando Holanda; Mário Sérgio de Albuquerque Maranhão (bisneto de Augusto Severo), além de autoridades.

O grupo de trabalho para o translado dos restos mortais conta com servidores de órgãos estaduais, além de militares da Base Aérea de Natal (BANT) e do 3º Distrito Naval; das prefeituras de Macaíba e Parnamirim, além da Fecomércio; Academia Norte-rio-grandense de Letras; Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN); Instituto Histórico e Geográfico do RN, grupo Amigos da Rampa, entre outras instituições.

*Do G1 RN

Nenhum comentário:

TIME: REVELAÇÃO

TIME: REVELAÇÃO

REVELAÇÃO E BACURAU

REVELAÇÃO E BACURAU

COMISSÃO TÉCNICA

COMISSÃO TÉCNICA